• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.74.2014.tde-29012015-095331
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula dos Santos Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2014
Orientador
Banca examinadora
Leme, Paulo Roberto (Presidente)
Bueno, Ives Cláudio da Silva
Millen, Danilo Domingues
Título em português
Efeito da monensina, da virginiamicina e dos óleos funcionais de mamona e caju em bovinos Nelore submetidos a mudança abrupta para dietas com elevado teor de concentrado
Palavras-chave em português
Aditivos
Confinamento
Mudança abrupta
Óleos funcionais
Resumo em português
Esta pesquisa teve como objetivo avaliar o uso de diferentes aditivos alimentares, monensina, virginiamicina e óleos funcionais, em bovinos confinados sem adaptação e alimentados sem adaptação com uma dieta de 92% de concentrado. Foram utilizados 48 novilhos da raça Nelore, com peso vivo inicial de 322 ± 23 kg e aproximadamente 20 meses de idade. Os animais foram divididos em quatro blocos de acordo com o peso e alocados em baias individuais, cada baia representando uma unidade experimental, totalizando 48 baias, dividas em quatro tratamentos, sendo 12 repetições (baias). A única diferença entre as dietas fornecidas foi o aditivo alimentar utilizado: monensina a 30 mg/ kg MS (M30), monensina a 40 mg/kg MS (M40), monensina 30 mg/kg MS mais virginiamicina 25 mg/kg MS (MV) e óleos funcionais de mamona e caju em dosagem de 400 mg/kg MS (OF). A dosagem M40 foi fornecida nos primeiros 14 dias do experimento e depois foi reduzida para 30 mg/ kg. As análises estatísticas foram realizadas pelo procedimento GLM do SAS, e as variáveis de medidas repetidas no tempo foram analisadas pelo procedimento MIXED do SAS. Os animais foram confinados durante 120 dias. Os primeiros 21 dias de confinamento foram mensurados com objetivo de se avaliar o efeitos dos aditivos após a mudança abrupta da dieta no período inicial de confinamento. As características de ingestão de matéria seca, parâmetros sanguíneos, pH de fezes e amido fecal foram avaliados. A IMS foi menor (P=0,01) para animais do tratamento MV. O peso vivo dos animais (P=0,001) foi maior para animais dos tratamentos M40 e OF. Animais dos tratamentos M30 e MV apresentaram maior pH fecal (P=0,0004) que M40 e OF, mas sem diferença para o teor de amido fecal (P=0,068). Os parâmetros sanguíneos não foram alterados pelos aditivos utilizados (P>0,05). Os animais foram abatidos após 120 dias de confinamento e avaliadas as características de desempenho e comportamento ingestivo para o período total de confinamento e as características da carne e da carcaça. Animais recebendo OF tiveram maior ingestão de matéria seca que animais recebendo M30 e MV, sem diferença (P=0,22) entre OF e M40. Animais dos tratamentos M40 e OF apresentaram menor tempo (min) de ingestão por kg de MS (P=0,02) e mastigação por kg de MS (P=0,03) Não houve efeito de tratamento (P>0,05) para as características da carne e da carcaça com exceção da gordura pélvica, renal e inguinal que foi mais pesada (P=0,006) para animais recebendo OF, porém sem diferença quando comparado a M40. Os aditivos alimentares apresentaram resultados semelhantes entre si nas características avaliadas. Aparentemente a ausência da adaptação com o uso de rações altamente energéticas não causou prejuízo para o desempenho animal, provavelmente pela proteção auferida pelos aditivos e o uso de óleos funcionais foi tão eficiente quanto os antibióticos em evitar distúrbios metabólicos em bovinos Nelore.
Título em inglês
Effects of monensin, virginiamycin and functional oils of castor and cashew for Nellore bovines abruptly changed to a high concentrate diet
Palavras-chave em inglês
Abrupt change
Additives
Feedlot
Functional oils
Resumo em inglês
The aim of this trial was to evaluate the use of monensin, virginiamycin, and functional oils on bovines feedlot fed without adaptation a 92% concentrate diet. Forty eight Nellore bovines, with initial body weight (322 ± 23 kg) and 20 months old, raised on pastures, were allocated in individual pens and divided in four blocks according to BW, and fed a basal diet with 92% concentrate. Treatments consisted of the inclusion of: monensin 30 mg/ kg of DM (M30), monensin 40 mg/kg of DM of MS (M40), monensin 30 mg/kg of DM plus virginiamycin 25 mg/kg of DM (MV) and functional oils of castor oil and cashew nut shell on 400 mg/kg of DM (FO). The dosage of M40 decreased to 30 mg/kg of DM after 14 days. Statistical analyses were conducted according to GLM proceedings of SAS, and repeated measures were analyzed using MIXED proceeding of SAS. Animals were fed for 120 days. The first 21 days were evaluated to determine the additives effects after the abrupt change challenge. Feed intake characteristics, blood parameters, fecal pH and fecal starch were measured. DMI was lower for MV animals and the BW was heavier for M40 and FO animals. Animals receiving M30 and MV additives had higher fecal pH (P=0.0004) than those receiving M40 and FO, but without difference in the starch amount (P=0.068). Blood parameters were not influenced by the additives (P>0.05). Animals were slaughtered after 120 days on feed and performance, feeding behavior, and carcass characteristics were evaluated. Animals receiving OF had higher DMI than animals M30 and MV, without difference (P=0.22) between OF and M40. Animals from treatments M40 and FO spent less time (min/kg DM)) eating (P=0.02) and masticating (P=0.03). There was no treatment effect (P>0.05) for meat and carcass characteristics, except for pelvic, kidney and heart fat that was heavier (P=0.006) for animals receiving OF, but without difference with M40. Feed additives had similar results among themselves on the characteristics evaluated. Apparently the absence of adaptation with the use of high energy diets did not cause any injury for animal performance probably because of the protection offered by the additives, and the use of functional oils was as efficient as antibiotics on avoiding metabolic disturbances on Nellore bovines.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ME5371932.pdf (548.27 Kbytes)
Data de Publicação
2015-02-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.