• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.74.2008.tde-25032008-095634
Documento
Autor
Nome completo
Andréa Luciana dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2008
Orientador
Banca examinadora
Faria, Douglas Emygdio de (Presidente)
Artoni, Silvana Martinez Baraldi
Lima, César Gonçalves de
Menten, José Fernando Machado
Pezzato, Antonio Celso
Título em português
Desempenho, crescimento, qualidade do ovo, composição corporal e características reprodutivas e ósseas de poedeiras submetidas a diferentes programas nutricionais
Palavras-chave em português
Curva de crescimento
Modelos matemáticos
Poedeiras
Programas nutricionais
Resumo em português
Essa pesquisa teve como objetivos avaliar o desempenho, perfil do crescimento, qualidade do ovo, composição corporal e características ósseas e reprodutivas de poedeiras alimentadas com diferentes programas nutricionais, no período de 1 dia até 72 semanas de idade. Foram utilizadas 1656 aves distribuídas em um delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 3x2 com os fatores: Programas nutricionais (P1 - 95% das exigências nutricionais, P2 - 100% das exigências nutricionais e P3 - 105% das exigências nutricionais preconizadas pelo Manual Hy-Line) e variedades da linhagem Hy-Line (W36 e Brown), totalizando seis tratamentos com seis repetições de 46 aves cada. Para obter as curvas de crescimento utilizou-se a equação de Gompertz e modelo matemático multifásico. O programa P3 proporcionou melhor ganho de peso na fase de cria (0 - 6 semanas) e, similarmente os programas P2 e P3 na fase de recria (7 - 17 semanas). Em ambas as fases (cria e recria), o consumo de ração não foi influenciado pelos programas nutricionais. No entanto, as aves da variedade Brown apresentaram maior consumo de ração e maior ganho de peso em relação às aves da variedade W36. Verificou-se que durante a fase de produção, os programas nutricionais não afetaram a produção de ovos, peso dos ovos e conversão alimentar. Como esperado, as poedeiras Brown apresentaram maiores valores para as características consumo de ração e produção, peso e massa de ovos em relação às poedeiras W36. As características de qualidade interna dos ovos (porcentagens de gema e albúmen, unidade Haugh e índice gema), de qualidade externa dos ovos (porcentagem de casca, espessura de casca e densidade aparente do ovo), ósseas (resistência à quebra, concentrações de cálcio e fósforo e densitometria) e reprodutivas (peso e diâmetro dos folículos ovarianos e peso e comprimento dos segmentos do oviduto) não foram influenciadas pelos programas nutricionais, no período de 18 a 72 semanas de idade. As poedeiras W36 apresentaram maiores valores para o percentual de gema, resistência óssea à quebra e densitometria óssea. Por outro lado, as poedeiras Brown apresentaram maiores valores para o percentual de albúmen, espessura da casca, densidade aparente dos ovos, peso e comprimento do magno, útero e vagina. A taxa máxima de crescimento do peso vivo e dos nutrientes na carcaça (proteína, gordura, cinzas e água) ocorre em idades diferentes. No geral, a equação de Gompertz proporcionou melhor ajuste dos dados em relação ao modelo matemático multifásico. Conclui-se que o programa P3 é o mais indicado para a fase de cria e que o programa P2 atende as exigências nutricionais para as fases de recria e produção. As variedades W36 e Brown apresentam diferentes perfis de desempenho, crescimento, resistência óssea, reprodutivo e de qualidade dos ovos.
Título em inglês
Performance, growth, egg quality, body composition, bone and reproductive characteristics of hens fed different nutritional programs
Palavras-chave em inglês
Growth curve
Laying hens
Mathematical models
Nutritional programs
Resumo em inglês
This study was carried out to evaluate the performance, growth profile, egg quality, body composition, and bone and reproductive characteristics of hens fed different nutritional programs from day-one to 72 weeks of age. 1656 birds were randomly assigned in a factorial scheme 3x2: nutritional programs (P1 - 95% of the requirements, P2 - 100% of the requirements, and P3 - 105% of the requirements according to Hy-Line Manual) and Hy-Line strains (W36 and Brown), resulting six treatments with six replicates of 46 birds each. To obtain the growth curves was used the equation of Gompertz and multiphase mathematical model. P3 program provided better weight gain in the starter phase (0 - 6 weeks) and, similarly, P2 and P3 programs for the grower phase (7 - 17 weeks). In both phases (starter and grower), feed intake was not influenced by the nutritional programs. However, the Brown pullets showed higher feed intake and weight gain than W36 pullets. It was verified, during the production phase, that egg production, egg weight, and feed conversion were not affected by the nutritional programs. As expected, the Brown hens showed higher values for feed intake, egg production, egg weight, and egg mass than W36 hens. Egg internal (yolk and albumen percentages, Haugh unit, and yolk index), egg external (shell percent, shell thickness, and egg specific gravity), bone (breaking force resistance, calcium and phosphorus concentrations, and bone densitometry), and reproductive characteristics (weight and length of follicles ovarian and of the oviduct segments) were not influenced by the nutritional programs, from 18 to 72 weeks of age. W36 hens showed higher values for yolk percent, bone breaking force resistance, and bone densitometry. On the other hand, Brown hens showed higher values for albumen percent, shell thickness, egg specific gravity, weight and length of magnum, uterus, and vagina. The maximum rates of body growth and nutrients of carcass (protein, fat, ash and water) occurs in different ages. In general, the equation of Gompertz provided better adjust of the data than multiphase mathematical model. It was concluded that the P3 program is indicated for starter phase and P2 program is able to support the nutritional requirements for grower and production phases. The varieties W36 and Brown show different performance, growth, bone strength, reproductive and egg quality profiles.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
5076237.pdf (1.20 Mbytes)
Data de Publicação
2008-03-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.