• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.71.2015.tde-27052015-164044
Documento
Autor
Nome completo
Alex dos Santos Almeida
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Fleming, Maria Isabel D'Agostino (Presidente)
Passos, Maria Cristina Nicolau Kormikiari
Pinto, Renato
Santos, Irmina Doneux
Trombetta, Silvana
Título em português
As thermae e balnea nas hispaniae romanae II a.C. - III d.C.
Palavras-chave em português
Arquitetura e técnicas de construção
Hispânia romana
Termas
Urbanismo
Resumo em português
A pesquisa tem por objetivo o estudo da arquitetura, dos materiais e das técnicas de construção das casas de banho romanas, conhecidas pelos termos latinos Thermae e Balnea, em seu meio urbano nas três províncias da Península Ibérica - Hispânia Tarraconense, Hispânia Bética e a Hispânia Lusitânia. Para tanto, nos baseamos nas premissas teórico-metodológicas da Arqueologia da Construção e da Arqueologia do Ambiente Construído. Além dos aspectos arquitetônico-construtivos, focalizamos a tecnologia do aquecimento termal em suas mais diferentes instalações estruturais; tecnologia romana de calefação que é conhecida pela literatura arqueológica pelo termo latino hypocaustum. Não obstante, abordamos alguns aspectos socioculturais associados às termas como a prática do evergestismo pelos membros da elite e a romanização como fator de mudança cultural. Ao par disso, tratamos de expor uma síntese sobre o desenvolvimento do urbanismo e a inserção das termas nas cidades. Por fim, analisamos as questões tipológicas e terminológicas com relação às termas romanas.
Título em inglês
The Thermae and Balnea in Hispaniae Romanae IIB.C. - III A.D.
Palavras-chave em inglês
Architecture and construction thecniques
Baths
Roman Hispania
Urbanism
Resumo em inglês
The research aims to study the architecture, materials and the construction techniques of Roman baths, known by the Latin terms Thermae and Balnea, in their urban areas in the three provinces of the Iberian Peninsula - Hispania Tarraconensis, Hispania Baetica and Hispania Lusitania. To this end, we rely on the theoretical-methodological assumptions of the Archaeology of Construction and the Archaeology of the Built Environment. In addition to the architectural-construction aspects, we focus on the thermal heating technology in its various structural facilities; Roman heating technology which is known in archaeological literature by the Latin term hypocaustum. Also, we address sociocultural aspects associated with baths such as the practice of evergestism by members of the elite and the romanization as a factor of cultural change. Next, we present a summary about the development of urbanism and the insertion of the baths in the cities. Finally, we analyze the typology and terminology issues regarding baths.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-09-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.