• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Alves Pereira Cristante
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Afonso, Marisa Coutinho (Presidente)
Corrêa, Ângelo Alves
Rodrigues, Robson Antonio
Título em português
Práticas funerárias de grupos de línguas tupi-guarani: análise de contextos das regiões do Paranapanema e Alto Paraná
Palavras-chave em português
cerâmica
contextos funerários
grupos Tupinambá e Guarani
remanescentes humanos
Resumo em português
O objetivo dessa dissertação é entender quais são e como se dão os padrões de variabilidade de contextos funerários dos grupos Guarani e Tupinambá, com foco na região da bacia dos rios Paranapanema e alto Paraná. Para tal, fizemos um levantamento bibliográfico de sítios com contextos funerários, escavados por diversos arqueólogos e arqueólogas, que se localizam nos estados de São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro. Desses sítios, escolhemos aqueles que possuíam mais informação e material disponível para análise como a base para nossas considerações. Analisamos material cerâmico e remanescentes humanos, e fizemos um levantamento de práticas funerárias de grupos Tupinambá e diversos grupos Guarani a partir de fontes etnohistóricas. Os dados analisados demonstram que a variabilidade das práticas funerárias desses grupos é constituída por continuidades e descontinuidades, elementos básicos que se repetem e elementos que se distinguem. Esses elementos estão presentes na cerâmica, na espacialidade funerária, e conversam com padrões de assentamento. Eles mostram como grupos Guarani e Tupinambá ocuparam áreas ao longo do Paranapanema e afluentes, formando diferentes ocupações que por vezes podem ter existido em um período próximo, no qual esses dois grupos - ou ao menos pessoas que faziam cerâmicas desses dois tipos - podem ter convivido.
Título em inglês
Funerary practices of Tupi-Guarani groups: analysis of contexts of Paranapanema and upper Paraná rivers basins
Palavras-chave em inglês
funerary contexts
human remains
pottery
Tupinambá and Guarani groups
Resumo em inglês
The aim of this dissertation is to understand what are and how are the patterns of variability of the funerary contexts of Guarani and Tupinambá groups, focused on the region of the Paranapanema and upper Paraná rivers basins. For such purpose we had conducted an extensive literature review of sites with funerary contexts, excavated by different archaeologists, located in São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul and Rio de Janeiro states. From these sites we selected those who had more information and material available for analysis as the basis of the research. We analyzed pottery and human remains, and we consulted ethnohistorical sources about funerary practices of Tupinambá groups and several Guarani groups. The analyzed data demonstrate that the variability of the funerary practices of these groups is constituted by continuities and discontinuities, basic elements that are repeated and elements that are distinguished. These elements are present in pottery, funerary spatiality and settlement patterns. They show how Guarani and Tupinambá groups occupied areas along the Paranapanema and tributaries, forming different occupations that may have existed, in some cases, in a near period, in which these two groups - or people who produced these two different types of pottery - may have coexisted.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-02-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.