• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.7.2014.tde-12122014-111052
Documento
Autor
Nome completo
Simone Albino da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Fracolli, Lislaine Aparecida (Presidente)
Chaves, Lucieli Dias Pedreschi
Chiesa, Anna Maria
Gradim, Clícia Valim Côrtes
Nichiata, Lucia Yasuko Izumi
Título em português
Avaliação dos atributos da atenção primária à saúde na estratégia saúde da família em municípios do sul de Minas Gerais
Palavras-chave em português
atenção primária à saúde
avaliação de serviços de saúde
enfermagem em saúde pública
programa saúde da família
Resumo em português
Introdução: a Estratégia de Saúde da Família (ESF) foi instituída nos anos 1990 para expandir os serviços de Atenção Primária à Saúde (APS) no Sistema Único de Saúde (SUS), com os objetivos de reorientar o modelo de atenção e de implantar novas práticas de saúde, superando o padrão hospitalocêntrico. Na década seguinte, ampliaram-se a cobertura populacional e o escopo da ESF, incorporando-se os atributos da APS classificados em essenciais: acesso de primeiro contato; Longitudinalidade; integralidade; coordenação; e derivados: orientação familiar e orientação comunitária. A presença e o alcance destes atributos são referenciais avaliativos para a APS. Objetivo: avaliar se os atributos essenciais e derivados da APS estão incorporados às práticas das equipes da ESF, na perspectiva dos profissionais, usuários adultos e usuários responsáveis por crianças de zero a dois anos. Método: pesquisa avaliativa, de abordagem quantitativa, com delineamento transversal. A coleta de dados foi realizada nos meses de junho e julho de 2012, na região de saúde de Alfenas MG, utilizando-se o instrumento Primary Care Assessment Tool PCATool Brasil, nas versões dirigidas a população alvo deste estudo. Integraram a pesquisa ESFs de zona urbana, que funcionassem ininterruptamente há pelo menos cinco anos, implantadas em municípios com cobertura populacional pela ESF superior a 50%. Os critérios de inclusão dos usuários foi ser morador da área de abrangência e possuir cadastro há mais de um ano na ESF; e dos profissionais foi ser médico ou enfermeiro, com no mínimo um ano de trabalho na equipe da ESF. O número de usuários foi calculado por meio de amostragem por cotas, com erro de 0,1. Foram organizados três bancos de dados no software Microsoft Excel e analisados no software Statistical Package for the Social Sciences SPSS, versão 14.0, com intervalo de confiança de 95%. Resultados: participaram 591 usuários adultos, 586 adultos responsáveis por crianças de 0 a 2 anos e 34 profissionais de saúde, oriundos de 11 dos 17 municípios da região de saúde de Alfenas MG. O valor de 6,6 foi proposto como limite de classificação entre alto e baixo escore. Os profissionais conferiram escores mais altos na avaliação da ESF para a maioria dos atributos. Houve consenso dos três grupos na avaliação de baixos escores para o atributo Acesso de Primeiro Contato - Acessibilidade, e para altos escores no atributo Longitudinalidade. Os grupos de usuários concordaram nos baixos escores para os atributos de Orientação Familiar, Orientação Comunitária, Integralidade Serviços Prestados, Integralidade Serviços Disponíveis, Escore Essencial e Escore Geral. Conclusões: a despeito da alta cobertura dos serviços da ESF na região de saúde de Alfenas MG, as barreiras organizacionais identificadas impedem que a ESF seja uma porta de entrada abrangente para o SUS. O conhecimento dos profissionais sobre a APS não se traduz na mudança das práticas, gerando nos usuários a percepção da verticalização das ações de saúde, da utilização de ações preventivas tradicionais e da pouca abordagem da promoção da saúde. As práticas atuais da ESF nesta região não atingiram o (re)conhecimento do usuário como pessoa, como parte de uma família e como membro de uma comunidade, que tem um perfil epidemiológico específico e uma opinião a ser considerada na organização das ações e dos serviços para que as necessidades da localidade no qual a ESF está inserida sejam atendidas
Título em inglês
Evaluation of attributes of Primary Health Care in the Family Health Strategy in municipalities in southern Minas Gerais
Palavras-chave em inglês
family health program
health services evaluation
primary health care
public health nursing
Resumo em inglês
Introduction: Family Health Strategy ( FHS ) was established in 1990 to expand the services of Primary Health Care ( PHC ) in the public health system of Brazil, with the objectives to refocus the attention model and deploy new health practices, overcoming hospital- standard. In the following decade, have widened population coverage and scope of ESF , incorporating the attributes of PHC classified as essential: first contact access; longitudinality; completeness; coordination; and derivatives: family counseling and community orientation. The presence and extent of these attributes are evaluative frameworks for PHC. Objective: To evaluate whether the essential attributes and derived from the APS are incorporated into the practices of the FHS teams, from the perspective of professionals , users and users adults responsible for children up to two years. Method: evaluative research, quantitative, cross-sectional design. Data collection was conducted during June and July 2012, the health region of Alfenas - MG, using the instrument Primary Care Assessment Tool - PCATool Brazil, using the target versions to the population of this study Joined the FHS research urban area, which worked continuously for at least five years, set up in municipalities with higher population coverage by FHS 50 %. The inclusion criteria of the users was to be resident in the area covered and have joined more than a year at FHS ; and professionals was to be a doctor or nurse , with at least one year of work in the FHS team. The number of users was calculated by means of sampling by quotes, with an error of 0.1. Three databases were organized in Microsoft Excel software and analyzed using the Statistical Package for Social Sciences - SPSS, version 14.0, with a confidence interval of 95 %. Results: 591 adults users, 586 adults responsible for children 0-2 years and 34 health professionals, coming from 11 of the 17 municipalities of the region health Alfenas - MG. The value of 6.6 was proposed as sorting limit between high and low score. The professionals gave higher scores in the evaluation of the FHS for most attributes. There was consensus among the three groups in the evaluation of low scores for Access attribute of First Contact - accessibility, and high scores in Longitudinality attribute. User groups agreed on low scores for attributes of Family Guidance, Community Orientation, Completeness - Servicing, Completeness - Available Services , score and score Essential General. Conclusions: Despite the high coverage of FHS services in the area of health Alfenas - MG, identified organizational barriers prevent the FHS is a port of entry to comprehensive SUS. The professionals' knowledge about the APS does not translate into changing practices , generating the users perception of vertical integration of health , the use of traditional preventive actions and poor approach to health promotion. The current FHS practices in this region have not reached the (re) cognition of the user as a person, as part of a family and as a member of a community that has a specific epidemiological profile and opinion to be considered in the organization of activities and services to the needs of the locality in which the ESF is inserted are met
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.