• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Kátia Pontes Remijo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Baptista, Patricia Campos Pavan (Presidente)
Felli, Vanda Elisa Andres
Gallasch, Cristiane Helena
Mininel, Vivian Aline
Título em português
Agravos à saúde dos trabalhadores de enfermagem de um hospital universitário: construindo um perfil epidemiológico
Palavras-chave em português
Carga de Trabalho
Enfermagem
Processo Saúde-Doença
Saúde do Trabalhador
Vigilância em Saúde do Trabalhador
Resumo em português
Introdução: A forma como os trabalhadores de enfermagem se inserem no sistema de produção em saúde determina o seu processo de adoecimento. Grande parte dos trabalhadores de enfermagem está inserida em condições de trabalho inadequadas, dentre elas, o prolongamento da jornada de trabalho com excedentes de horas trabalhadas, recursos humanos escassos, aumento do ritmo e intensificação das atividades. Objetivo: Identificar o perfil de morbidade dos trabalhadores de enfermagem de um hospital universitário. Método: Trata-se de um estudo exploratório, com abordagem quantitativa, desenvolvido no Hospital Universitário da Universidade de São Paulo, situado na região oeste de São Paulo. Os dados foram coletados por meio do Sistema de Monitoramento da Saúde dos Trabalhadores de Enfermagem, no período de Maio de 2016 a Abril de 2017 e inseridos no programa SPSS® 20.0. Os dados receberam tratamento estatístico analítico, e aplicaram-se os testes qui-quadrado, análise de variância e o coeficiente de correlação de Pearson. Resultados: Foram captadas 688 ocorrências, referentes a 369 trabalhadores de enfermagem. Dentre 850 cargas de trabalho identificadas, a carga fisiológica esteve presente em 364 ocorrências, seguida da carga biológica com 250 ocorrências e da carga psíquica com 147 ocorrências. Tratando-se de desgastes, houve a prevalência das Doenças do Sistema Osteomuscular e do Tecido Conjuntivo (35,6%), seguidos da Doença do Aparelho Respiratório (15,1%), Doenças Infecciosas e Parasitárias (11,6%), Doenças Mentais e Comportamentais (9,4%) e as Doenças do Sistema Nervoso (5,2%). Verificou-se que em 18,5% das ocorrências os trabalhadores possuem o Atestado de Saúde Ocupacional, sendo que a maioria delas estão relacionadas às restrições ergonômicas. As ocorrências geraram um total de 3.541 dias perdidos de trabalho por ano. Conclusão: Assim as doenças osteomusculares relacionadas ao trabalho permanecem como o principal desgaste nos trabalhadores de enfermagem. Esses dados evidenciam quão impactante é o adoecimento de um trabalhador, trazendo prejuízos institucionais, sociais e na qualidade de assistência prestada ao paciente. Nesse sentido, a vigilância em saúde dos trabalhadores de enfermagem é uma ferramenta essencial que evidencia os processos de desgaste dos trabalhadores, apontando para transformações no processo de trabalho com vistas à redução das cargas de trabalho.
Título em inglês
Harms to the nursing workers health in a university hospital: the build of an epidemiological profile
Palavras-chave em inglês
Health-Disease Process
Nursing
Occupational Health
Surveillance of the Workers Health
Workload
Resumo em inglês
Introduction: The way that the insertion of nursing works in health production system happens, determines their illness process. Many of nursing workers have worked in inappropriate conditions, such as the extension of working hours, insufficient human resources, as well as the increasing of the rhythm and intensity of their activities. Objective: To identify the profile of morbidity of the workers of nursing of a university hospital. Method: An exploratory study, with quantitative approaching, carried out in a university hospital of the University of São Paulo in the western region of São Paulo city. Data were extracted from a software of health surveillance on the nursing workers - System of Health Monitoring of Nursing Workers, from May 2016 to April 2017. Afterward, data were inserted in the software SPSS® 20.0 and were analyzed by the chi-square test variance analysis and the Pearson correlation coefficient. Results: Of the 688 cases were taken concerning 369 the nursing workers. Eight hundred and fifty workloads have been identified; physiological load was presented in 364 occurrences, followed by the biological package with 250 cases and psychic load with 147 cases. In the case of wear, there was a prevalence of wear related to the osteomuscular and the connective tissue diseases with (35.6%), followed by respiratory system disease with (15.1%), infectious and parasitic diseases (11.6%), mental and behavioral diseases (9.4%) and nervous system diseases (5,2%). Of the 18,5% of the occurrences, the workers presented the attestation of occupational health, most of them related to the ergonomic restrictions. The occurrences generated a total of 3,541 lost days of work per year. Conclusion: Thus, DORT remains the main attrition among nursing workers. These data showed the impact of illness of the nursing workers offer institutional and social losses, and the quality of care provided to the patient. This sense, monitoring the processes of nursing is a device essential to evidence the processes of wear of the workers, viewing changes in the work process and reduction loads of work.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-05-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.