• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2007.tde-12062007-162636
Documento
Autor
Nome completo
Patricia do Amaral Avansi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Meneghin, Paolo (Presidente)
Pires, Patrícia da Silva
Sousa, Regina Marcia Cardoso de
Título em português
Tradução e validação para a língua portuguesa do "in - hospital utstein style"
Palavras-chave em português
Enfermagem em emergência
Parada cardiorrespiratória (PCR)
Ressuscitação cardiopulmonar (RCP)
Utstein Style
Resumo em português
A parada cardiorrespiratória é um evento potencialmente letal, e a qualidade do atendimento prestado depende da agilidade, conhecimento e habilidade de toda a equipe envolvida. O desenvolvimento de um guia com os pontos relevantes a serem observados durante o atendimento à PCR intra-hospitalar surgiu em 1997, com a criação do In-Hospital Utstein Style por uma força tarefa de especialistas em atendimento e pesquisa em PCR. Trata-se de um guia que agrega informações acerca do atendimento à PCR, contendo um relatório padrão para coleta de dados, divido em variáveis: do paciente, do evento e de resultados, além de algumas informações adicionais. A criação de um relatório padrão de coleta de dados, permitiu uniformizar a linguagem, bem como o desenvolvimento de novas pesquisas, baseadas no mesmo modelo. Com a finalidade de disponibilizar o In-hospital Utstein Style para a realidade brasileira, este instrumento foi submetido ao processo de tradução e adaptação cultural, nas seguintes etapas: tradução para o português, retro-tradução para a língua de origem, análise por comitê de juízes para avaliação das equivalências semântica, idiomática, cultural e conceitual. O resultado deste processo gerou um instrumento para pré-teste, aplicado em 20 pacientes que sofreram PCR, com a finalidade de verificar o comportamento do instrumento em nossa realidade. As variáveis de resultado não foram coletadas, pois pressupõe o acompanhamento destes pacientes ao longo do tempo. A amostra foi constituída por 60,0% de homens, com idade média de 63 anos ±16,17. O ritmo de PCR mais comum foi atividade elétrica sem pulso (65,0%), o tempo médio para desfibrilar foi de 1,25 minutos. Assim como observado por pesquisadores internacionais, existem informações perdidas durante o atendimento, não registradas, prejudicando a coleta dos dados referentes a este momento. A análise dos dados, permite concluir que o instrumento é aplicável à realidade brasileira, tornando possíveis comparações com estudos internacionais, buscando melhor atendimento ao evento da PCR. A falta de preenchimento de alguns itens , principalmente aqueles referentes às variáveis do evento (coletados no momento da PCR), podem ser perdidos, por falta de preenchimento adequado do instrumento, por profissionais médicos e de enfermagem. O treinamento e incentivo para melhorar a quantidade e qualidade de registros, tornam possíveis, através da aplicação do Utstein Style conhecer cada atendimento feito e toda a assistência prestada, identificando prováveis falhas e principalmente investindo em qualidade de vida após o evento
Título em inglês
Translation and validation of the "in - hospital utstein style" into portuguese language
Palavras-chave em inglês
Cardiopulmonary arrest (CPA)
Cardiopulmonary resuscitation (CPR)
Emergency nursing
Utstein Style
Resumo em inglês
Cardiopulmonary Arrest is a potentially lethal event in which the quality of the service rendered depends on agility, knowledge and the skills of all of the involved team. The development of the first guide identifying the significant points to be taken during the procedure of an in-hospital CPA appeared in 1997, with the creation of the In-Hospital Utstein Style by a task force of personnel specialized in attendance and research of CPA. This guide brings together information concerning CPA attendance and contains a standardized report for collecting data which is divided into the following variables: patient, event, and the outcome, as well as some other additional information. The creation of this standardized report for collecting data made it possible to standardize the language as well as to develop new research based on the same model. With the intended goal of making available, the In-hospital Utstein Style for Brazilian professionals, this instrument underwent a process of translation and cultural adaptation in the following steps: translation into Portuguese, back-translation into its original language and finally analysis by a committee of judges to evaluate semantics, idiomatic, cultural and conceptual equivalences. The outcome of this process resulted in a pre-test instrument applied to 20 patients who had had CPA in order to verify the behavior of this instrument according to our reality. The outcome variables were not collected, because it involved accompanying these patients over a lengthy period of time. The sample consisted of 60% men, with an average age of 63 years ±16, 17. The most common CPA rhythm was pulseless electrical activity (65%); the defibrillation average time was 1.25 minutes. Therefore, as verified by international researchers, there is a loss of information during the attendance, which is not-recorded, thus hindering the collection of data concerning the moment of the CPA. With the data analysis, we can conclude that the instrument is adaptable to the Brazilian reality, enabling further comparisons with international studies, therefore improving the care administered during the CPA event. The failure to complete some of the items principally those referencing the variables of the CPA event (that should have been collected at the CPA moment) could result in critical data being lost if not properly answered in the report done by attending medical and nursing personnel. Personnel trained and encouraged to improve the quantity and quality of date collection can make it possible, through the utilization of the Utstein Style, to better understand each attendance and assistance rendered, identifying possible failures and, above all, enabling further investments in quality of life after the arrest
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Errata.pdf (10.22 Kbytes)
Patricia_Avansi.pdf (4.03 Mbytes)
Data de Publicação
2007-06-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.