• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.7.2006.tde-03102006-084603
Documento
Autor
Nome completo
Leise Rodrigues Carrijo Machado
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Car, Marcia Regina (Presidente)
Cesarino, Claudia Bernardi
Chaves, Eliane Correa
Cruz, Dina de Almeida Lopes Monteiro da
Nascimento, Maria Angela Alves do
Título em português
Modo de vida de portadores de hipertensão arterial sistêmica assistidos em uma unidade de saúde da família: dialética do subjetivo e objetivo.
Palavras-chave em português
Educação em Saúde
Enfermagem
Hipertensão
Medidas Métodos e Teorias
Saúde do Adulto
Resumo em português
Por intermédio deste procurou-se identificar nexos que evidenciassem adesão ao tratamento da hipertensão arterial nos modos de vida dos usuários portadores de hipertensão arterial; compreender as relações dialéticas da assistência prestada pela Unidade de Saúde da Família expressa por contradições e congruências no modo de vida destes e elaborar um programa educativo segundo pedagogia emancipatória fundada nos pressupostos teóricos de Paulo Freire, com temas referentes às necessidades evidenciadas pelos usuários portadores de hipertensão arterial. O fenômeno modo de vida foi apreendido sob o referencial teórico-metodológico do materialismo histórico e dialético. As entrevistas realizadas com 11 usuários portadores de hipertensão arterial foram submetidas ao procedimento de análise de discurso, que revelou o modo de vida destes usuários representado pelos temas: crenças, sentimentos, para além do individual, controle pressórico, descontrole pressórico e causa da hipertensão arterial. Estes temas foram analisados frente às categorias dialéticas o subjetivo e o objetivo e processo saúde-doença-cuidado. Para estes usuários portadores de hipertensão arterial a vida cotidiana se apresenta com inúmeras contradições referentes ao tratamento necessário e a doença que não é assumida como doença; necessidade de modificações em hábitos e valores humanos que se contrapõem às essas modificações; impossibilidade concreta de controle dos níveis pressóricos decorrente de situações do modo de vida como o nervosismo, problemas familiares e financeiros. Ao identificar contradições do modo de vida destes usuários, este estudo apresenta uma proposta de melhoria da adesão ao tratamento da hipertensão arterial por meio da educação emancipatória nos pressupostos de Paulo Freire. É necessário que a enfermagem reconheça e se aproxime desta realidade e de modo ético transforme sua prática profissional no sentido de propiciar caminhos de maior autonomia aos usuários portadores de hipertensão arterial assistidos pelas enfermeiras.
Título em inglês
The way of life systemic hypertension patients under the care of a family healthcare unit : dialectics of the subjective and objective.
Palavras-chave em inglês
Adult Health
Health Educacion
Hypertension
Measurements Methods and Theories
Nursing
Resumo em inglês
This study intended to identify, in the way of life of hypertensive patients, connections which could clarify their compliance of hypertension treatment, to understand dialectical relationship of the assistance offered by a Family Healthcare Program expressed through contradictions and coincidences in the patients' way of life, and to create an educative program according to the emancipatory pedagogy based on Paulo Freire's conception of emancipatory education, with themes related to hypertensive patients' required needs. The phenomenon "way of life" was grasped on the grounds of the theoretical and methodological aspects of the historical and dialectical materialism. The interviews, held with 11 hypertensive patients, were submitted to the analysis of the speech procedures, which showed the way of life of these patients. It can be represented by the following: beliefs, feelings, beyond-individual, under-control pressure, out-of-control pressure and hypertension causes These categories were analyzed according to dialectical categories - the subjective and the objective - and the health-illness-care process. Hypertensive patients' daily life shows many contradictions related to the treatment needed and the illness not assumed as it is; the need of changing habits and human values which oppose to these changes; the real impossibility of controlling pressure levels due to daily life conditions such as nervousness and financial and familiar problems. Once many contradictions in these patients' way of life have been identified, this study sugests the improvement of the acceptance of hypertension treatment by means of emancipatory education, according to Paulo Freire's theory. Nursing has to accept this reality, approach to it, and ethically change its own practice in order to show hypertensive patients under the care of nurses a better way towards their autonomy.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Leise_Carrijo.pdf (2.22 Mbytes)
Data de Publicação
2006-11-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.