• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2007.tde-12062007-151808
Documento
Autor
Nome completo
Lucia Tobase
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Takahashi, Regina Toshie (Presidente)
Nobre, Moacyr Roberto Cuce
Peres, Heloisa Helena Ciqueto
Título em português
A dramatização no ensino de enfermagem: uma revisão sistemática e crítica da literatura
Palavras-chave em português
Dramatização
Educação em enfermagem
Estudantes de enfermagem
Psicodrama
Simulação
Resumo em português
A reflexão sobre a necessidade de fundamentar as práticas em educação e saúde, promovendo uma ação transformadora, impulsiona o educador na busca de métodos de ensino inovadores. No cenário educacional, acreditamos que a dramatização favorece a aprendizagem do estudante de forma ativa e participativa. Objetivos: Levantar os estudos relacionados com a aplicação da dramatização como estratégia no processo de ensino e aprendizagem na formação profissional em Enfermagem e verificar os resultados da utilização dessa estratégia na aprendizagem do estudante de Enfermagem. Metodologia: Trata-se de uma revisão sistemática da literatura, orientada pela questão norteadora: “Quais os resultados da aplicação da dramatização na aprendizagem do estudante de Enfermagem?”. Resultados: Foram encontrados 541 estudos, dos quais 477 foram excluídos e 64 foram incluídos. Dentre os estudos incluídos, todos os 64 (100%) evidenciaram resultados positivos com a utilização da dramatização, 49 (77%) associaram a relação positiva na aquisição de conhecimento teórico, 42 (66%) descreveram a melhora na associação entre teoria e prática após a aplicação da estratégia, 29 (45%) relacionaram melhora no pensamento crítico, 19 (30%) resultaram em melhora do relacionamento interpessoal. Resultados positivos associados à criatividade dos estudantes, ao aspecto comunicacional, à percepção e ao desenvolvimento do senso de coletividade, de trabalho em grupo e comportamento ético profissional também foram comentados. As dificuldades sobre a proposição da atividade dramatizada foram mencionadas em oito (12,5%) estudos, associadas ao embaraço do aluno frente aos colegas pelo medo de exposição no grupo, no relacionamento entre os alunos, dificuldades por parte dos estudantes em estabelecer prioridades. Em 46 (72%) estudos a dramatização foi aplicada no curso de graduação em Enfermagem, respectivamente oito (13%) e nove (14%) foram publicados nos anos de 2004 e 2005, sendo que 44 (69%) eram do tipo descritivo, quarenta (63%) publicados pelos Estados Unidos, 17 (27%) publicados pela revista Nurse Educator e 12 (19%) pelo Journal of Nursing Education. Conclusão: Esses achados refletem a relação positiva da dramatização como estratégia facilitadora do processo educativo, pois favorece a aprendizagem, confere significados aos conteúdos, colabora no desenvolvimento de habilidades técnicas e comunicacionais, na percepção do ser humano de maneira holística, estimulando a criatividade, o pensamento crítico e o relacionamento interpessoal, além de proporcionar um ambiente tranqüilo e seguro para o processo ensino aprendizagem. Favorecendo a construção das competências, a dramatização contribui para a formação do futuro profissional em Enfermagem.
Título em inglês
The role playing in nursing education: systematic and critical literature review
Palavras-chave em inglês
Nursing education
Nursing students
Psychodrama
Role playing
Simulation
Resumo em inglês
The consideration about the need to support education and health practices, promoting transforming actions, drives the educator in search for innovative teaching methods and, within educational context, we think that role playing favors students learning in an active and participative fashion. Objectives: To identify studies related with the use of role playing as a strategy in the process of teaching/learning in professional nursing training and to check the results of using such strategy in the learning of nursing students. Methodology: This study was a systematic literature review guided by the key question: "What are the results of the use of role playing in the learning of nursing student?". Result: There were 541 identified studies, out of which 477 were excluded and 64 were included in the analysis. Among the included studies, all 64 (100%) showed positive results with the use of role playing, 49 (77%) associated positive correlation with acquisition of theoretical knowledge, 42 (66%) described improvement in the association between theory and practice using the strategy, and 29 (45%) related improvement of critical thinking, 19 (30%) resulted in improvement of interpersonal relationship. Positive results associated with undergraduate creativity, communication aspect, perception and development of a sense of collectiveness, work group and professional ethical behavior were also mentioned. Difficulties in the use of role playing activity were mentioned in 8 (12.5%) studies, associated with students embarrassment before classmates because of fear of public exposure, relationship with them and difficulties that students had to define priorities. In 46 studies (72%), the role playing was applied to undergraduate nursing course, respectively, 8 (13%) and 9 (14%) studies were published in 2004 and 2005, and 44 (69%) were descriptive, 40 (63%) were published in the United States, 17 (27%) were published by Nurse Educator Journal, and 12 (19%) by Journal of Nursing Education. Conclusion: These findings show a positive contribution of role playing as a facilitating strategy in the educational process. It favors learning, conveys meaning to contents, collaborates in the development of technical and communication skills, enhances the perception of human beings within a holistic fashion, stimulating creativity, critical thinking and interpersonal relationship. In addition, it provides a calm and safe environment for teaching and learning; by favoring the building of competences, role playing contributes in the nursing education
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Lucia_Tobase.pdf (1.62 Mbytes)
Data de Publicação
2007-07-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.