• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Giovanna Fachini Dellaqua
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2016
Orientador
Banca examinadora
Spoto, Marta Helena Fillet (Presidente)
Ferreira, Marcos David
Petrus, Rodrigo Rodrigues
Título em português
Efeitos na caracterização físico-química e sensorial da polpa de Campomanesia phaea (O. Berg.) Landrum (cambuci) quando submetida a diferentes tratamentos agroindustriais
Palavras-chave em português
Cambuci
Campomanesia phaea
Compostos voláteis
Frutas nativas
Polpa de fruta
Vitamina C
Resumo em português
O emprego comercial de polpas de frutas tropicais tipicamente brasileiras na indústria de alimentos e bebidas reflete uma tendência cada vez mais acentuada em oferecer produtos processados diferenciados ao mercado, apresentando, ao mesmo tempo, alternativas saudáveis à nutrição humana que poderão trazer impactos sociais, ambientais e econômicos altamente positivos, influenciando toda uma cadeia de negócios, bastante significativa no Brasil e com grande potencial de crescimento. O desenvolvimento de produtos vegetais, especialmente a partir de frutas nativas, podem agregar valores bastante significativos aos derivados comerciais industrializados. Neste contexto, o presente projeto proposto contemplou a caracterização dos componentes físico-químicos, nutricionais, microbiológicos, compostos voláteis e sensoriais, existentes na polpa obtida a partir do processamento dos frutos da espécie Campomanesia phaea (O. Berg.) Landrum (cambuci), visando a sua eventual utilização como matéria-prima para a aplicação na indústria de alimentos e de bebidas. O trabalho buscou conhecer e avaliar as possíveis utilizações dessa fruta no mercado, após diferentes tipos de processamentos agroindustriais (pasteurização, liofilização, congelamento e refrigeração). Os resultados obtidos demonstraram que a espécie apresenta uma dispersão muito restrita no bioma da Mata Atlântica, com uma cadeia de produção e comercialização já instalada, embora ainda em estágio inicial, porém com grande potencial de crescimento. As polpas de cambuci analisadas apresentaram grande potencial de aproveitamento comercial principalmente em relação a suas características aromáticas e físico-químicas (alto rendimento de polpa e elevada acidez) com um teor significativo para vitamina C, sugerindo que as ingestões das mesmas podem contribuir de forma positiva à saúde humana. Apesar de todos os tratamentos agroindustriais propostos terem sido eficientes em relação a conservação dos padrões de identidade e qualidade, durante o período de armazenamento, as amostras de polpa congelada integral e polpa congelada sem casca foram as que mais se destacaram em relação ao custo/benefício, uma vez que estes tratamentos apresentam menor complexidade em suas operações. Foi também evidenciado que devido a presença de taninos na casca do cambuci, o que resulta em um paladar adstringente, o suco tropical elaborado a partir da polpa dos frutos sem casca foi o preferido pelos provadores. Os principais compostos voláteis majoritários encontrados nas polpas processadas foram: o linalol para os tratamentos Pasterização+congelamento (23,4%), Pasterização+refrigeração (26,1%) e Congelamento Integral (12,7%); o limoneno para o tratamento congelamento sem casca (11,2%); o 1-hexanol para o tratamento refrigeração (44,4%); e o 1,8 cineol para o tratamento liofilização (16,8%)
Título em inglês
Effects on physicochemical and sensorial characterization of pulp of Campomanesia phaea (o. Berg.) Landrum (cambuci) when subjected to different agro-industrial treatments
Palavras-chave em inglês
cambuci
Campomanesia phaea
fruit pulp
native fruits
vitamin C
volatile compounds
Resumo em inglês
The commercial use of tropical fruit pulps that are characteristically Brazilian in food and beverage industry reflects a growing trend toward to offer processed products, differentiated on the market, presenting at the same time healthy alternatives to human nutrition that can bring social, environmental and economic impacts highly positive, influencing a whole chain of business, quite significant in Brazil and with huge potential for growth. The development of plant products, especially from native fruits, can add significant values to industrialized commercial derivatives. In this context, the present study has included the characterization of physicochemical, nutritional, microbiological, volatile compounds and sensory of fruit pulp obtained from processing of the fruits of the species Campomanesia phaea (O. Berg.) Landrum (cambuci) aiming it possible use as raw material for the application in the food and beverage industry. The work sought to know and evaluate the possible uses of this fruit in the market, after different types of agroindustrial processing (pasteurization, freeze-drying, freezing and refrigeration). The results demonstrated that the species presents a very restricted dispersion in the Atlantic Forest biome, with a production and marketing chain already installed, although still in its early stages, but with great potential for growth. The cambuci's pulps analyzed presented a great potential for commercial use mainly in relation to their aromatic and physicochemical characteristics (high yield of pulp and high acidity) with a significant concentration of vitamin C, suggesting that its intake can contribute to human health. Despite all the agroindustrial treatments proposed have been efficient with regard to conservation of the identity and quality standards, during the storage period, the whole and peeled frozen pulp samples were the ones that who stood out the most by cost and benefit, since these treatments feature less complexity in their operations. Foi também evidenciado que devido a presença de taninos na casca do cambuci, o que resulta em um paladar adstringente, o suco tropical elaborado a partir da polpa dos frutos sem casca foi o preferido pelos provadores. It was also evidenced that due to the presence of tannins in the cambuci's peel, which results in an astringent palate, the tropical juice elaborated from the pulp of the shelled fruit was preferred by testers. The main volatile compounds found in the processes pulps were: linalool for frozen-pasteurized pulp (23,4%), frozen-refrigerated pulp (26,1%) and frozen pulp (12,7%); the limonene for peeled frozen pulp (11,2%); the 1-hexanol for Refrigerated pulp (44,4%); and 1,8 cineol for lyophilized pulp (16,8%)
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-05-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.