• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Gianni Queiroz Haddad
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2017
Orientador
Banca examinadora
Arthur, Valter (Presidente)
Harder, Marcia Nalesso Costa
Mastrangelo, Thiago de Araújo
Potenza, Marcos Roberto
Santos, Luís Gustavo Cofani dos
Título em português
Perspectiva de utilização da técnica do inseto estéril para lagarta da maçã Heliothis virescens (Lepidoptera: Noctuidae) e lagarta do velho mundo Helicoverpa armigera (Lepidoptera: Noctuidae) na cultura do algodoeiro como um método alternativo de controle
Palavras-chave em português
Helicoverpa armigera
Heliothis virescens
Técnica do inseto estéril
Resumo em português
Desde a década de 50, os cientistas tem utilizado radiação ionizante para esterilizar insetos, que são liberados na natureza para acasalar, mas sem nenhuma descendência. Conhecida como a técnica do inseto estéril (TIE), este método de controle de inseto vem tradicionalmente utilizando radiações ionizantes para esterilizar os insetos, sendo uma técnica que não gera resíduo, e pode agir em sinergia com as demais técnicas dentro do manejo integrado de pragas. O Brasil por vários anos vem lutando contra o aumento de pragas, introduzindo novas táticas e técnicas dentro dos programas de MIP, para driblar a resistência dos produtos químicos, como: diminuir os resíduos dos agrotóxicos; para algumas culturas importantes do o nosso país, temos um largo espectro de pragas ocorrendo do inicio ao fim da colheita, uma delas é a cultura do algodoeiro e dentre as pragas chave dessa cultura, temos algumas lagartas extremamente importantes, entre elas Heliothis virescens e Helicoverpa armigera. Essas espécies são parecidas morfologicamente, sendo a segunda identificada a poucos anos aqui no Brasil. Ainda não há trabalhos no Brasil utilizando TIE como ferramenta adicional para lepidópteros, portanto objetivou-se com esse estudo avaliar o efeito de doses de radiação gama nas diferentes fases do ciclo evolutivo de Heliothis virescens e Helicoverpa armigera, bem como avaliar a esterilidade na geração P e a capacidade de competição dos insetos irradiados com os não irradiados. A fase pupa foi a que apresentou um melhor resultado, pois com 75 Gy atingiu a esterilidade em Heliothis virecens e 100 Gy esterilizou Helicoverpa armigera, portanto contemplou a fase e a dose escolhida para avaliar a competição entre os insetos irradiados e os insetos normais de ambas as espécies. E tanto Heliothis virecens como Helicoverpa armigera apresentaram um resultado satisfatório, pois os insetos irradiados conseguiram reduzir significativamente a viabilidade dos ovos na proporção de 9: 1: 1
Título em inglês
Perspective of using the sterile insect technique for Tobacco Budworms Heliothis virescens (Lepidoptera: Noctuidae) and Cotton Bollworm Helicoverpa armigera (Lepidoptera: Noctuidae) in cotton crop as an alternative method of control
Palavras-chave em inglês
Helicoverpa armigera
Heliothis virescens
Sterile insect technique
Resumo em inglês
Since the 1950s, scientists have used ionizing radiation to sterilize insects, which are released in nature to mate, but without any progeny. Known as the sterile insect technique (TIE), this method of insect control has traditionally used ionizing radiation to sterilize insects, a technique that does not generate residues, and can act in synergy with the other techniques within integrated pest management. For several years, Brazil has been fighting against the increase of pests, introducing new tactics and techniques within the IPM programs, to overcome the resistance of chemical products, such as: reducing the residues of agrochemicals; For some important crops of our country, we have a wide spectrum of pests occurring from the beginning to the end of the harvest, one of them is the cotton crop and among the key pests of this crop, we have some extremely important caterpillars, among them Heliothis virescens and Helicoverpa armigera These species are morphologically similar, the second being identified a few years ago in Brazil. There are still no studies in Brazil using TIE as an additional tool for Lepidoptera, therefore the purpose of this study was to evaluate the effect of doses of gamma radiation in the different phases of the evolutionary cycle of Heliothis virescens and Helicoverpa armigera, as well as to evaluate the sterility in generation P And the ability of insects to irradiate with non-irradiated insects. The pupal phase presented the best result because 75 Gy achieved sterility in Heliothis virecens and 100 Gy sterilized Helicoverpa armigera, therefore it contemplated the phase and dose chosen to evaluate the competition between the irradiated insects and the normal insects of both species. Both Heliothis virecens and Helicoverpa armigera presented a satisfactory result, as the irradiated insects managed to significantly reduce the viability of the eggs in a ratio of 9: 1: 1
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-06-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.