• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.61.2006.tde-14112006-101425
Documento
Autor
Nome completo
Eloisa Aparecida Nelli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Bauru, 2006
Orientador
Banca examinadora
Guilherme, Arnaldo (Presidente)
Biase, Noemi Grigoletto de
Freitas, Jose Alberto de Souza
Lauris, José Roberto Pereira
Pontes, Paulo Augusto de Lima
Título em português
Estudo da postura corporal em portadores de disfonia
Palavras-chave em português
disfonia
fisioterapia
postura
Resumo em português
Objetivos: analisar a postura corporal em pacientes disfônicos e correlacioná-los com indivíduos sem alteração de voz, a fim de estabelecer novos recursos terapêutico para reabilitar o portador de disfonia. Método: estudo prospectivo. Foram avaliados 43 indivíduos (23 disfônicos e 20 sem alteração de voz) do sexo feminino,com idade entre 18 e 40 anos ,sem alterações neurológicas ,respiratórias e reumáticas. Todos os pacientes foram encaminhado pelo serviço de Otorrinolaringologia da Escola Paulista de Medicina ( UNIFESP- EPM),após anamnese, exame do otorrinolaringologista e laringoscopia ,tendo como diagnostico de disfonia funcional ou organofuncional. Nessa população foi avaliado: 1- Postura corporal in loco, 2 – Documentação fotográfica, 3 – Exame Eletromiografia, 4 – Questionário das algias. Resultados: não houve diferença estatisticamente significante em relação à queixa,porem foi encontrado um numero maior de tensão muscular e dor na região cervical, onde se encontra situado a laringe, nos portadores de disfonia. Na avaliação postural, os indivíduos disfônicos apresentarão assimetria de ombros, alteração no posicionamento da escapula, retificação com anteriorização da região cervical em relação ao grupo controle. Nos resultados da eletromiografia houve aumento das atividades nos músculos supra-hióideo em emissão prolongada, controlada e deglutição. Nos músculos infra-hióideo houve alteração no traçado eletromiógrafico na emissão prolongada. Conclusão: pode- se concluir que o estudo mostra a existência da correlação positiva entre indivíduos portadores de disfonia e alteração na postura, baseado nas diferenças dos achados clínicos e medidas eletromiográficas.
Título em inglês
Investigation of the body posture of individuals with dysphonia
Palavras-chave em inglês
dysphonia
physical therapy
posture
Resumo em inglês
Objectives: This study analyzed the body posture of dysphonic patients and correlated them with individuals without voice alterations, in order to establish new therapeutic resources to rehabilitate the patients with dysphonia. Method: prospective study. A total of 43 individuals were analyzed (23 with dysphonia and 20 without voice alterations), of female gender, aged 18 to 40 years, without neurological, respiratory and rheumatic alterations. All patients were referred by the ENT Sector of Paulista Medical School (UNIFESP- EPM) after anamnesis, ENT examination and laryngoscopy, with diagnosis of functional or organofunctional dysphonia. The following parameters were investigated in this population: 1- Body posture in loco, 2- Photographic records, 3- Electromyographic examination, 4- Questionnaire on pain. Results: The results indicated no statistically significant difference with regard to the complaint, yet a larger number of individuals with dysphonia reported muscle tension and pain at the cervical region, where the larynx is located. Posture evaluation revealed that dysphonic individuals presented shoulder asymmetry, alterations in scapular positioning and rectification with forward displacement of the cervical region compared to the control group. The results of electromyographic analysis demonstrated increased activity of the suprahyoid muscle in prolonged emission, controlled emission and swallowing. The infrahyoid muscles exhibited altered electromyographic tracing during prolonged emission. Conclusion: It was concluded that there is correlation between individuals with dysphonia and posture alterations, based on the differences in clinical findings and electromyographic measurements.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
teseElo.pdf (1.34 Mbytes)
Data de Publicação
2006-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.