• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.60.2007.tde-04122007-105049
Documento
Autor
Nome completo
Helaine Carneiro Capucho
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Fonseca, Maria Jose Vieira (Presidente)
Borin, Maria de Fátima
Lopez, Renata Fonseca Vianna
Título em português
Desenvolvimento de formulações tópicas contendo papaína para o tratamento de feridas
Palavras-chave em português
atividade proteolítica
estabilidade
feridas
papaína
Resumo em português
O presente trabalho avaliou, por medida de conteúdo protéico, análise eletroforética, por determinação da atividade proteolítica e verificação da estabilidade dessa atividade, matérias-primas papaína de dois fabricantes. Formulações géis de Carbopol® 940, Natrosol® 250 HHR e Pluronic® F127, contendo matéria-prima papaína a 1%, foram desenvolvidas e avaliadas quanto à estabilidade e a eficácia in vitro da atividade proteolítica. Os estudos de estabilidade foram conduzidos por medida da atividade proteolítica da papaína, utilizando a caseína como substrato, em amostras armazenadas sob diferentes condições de temperatura e umidade. A eficácia da ação proteolítica in vitro foi avaliada em gel de poliacrilamida, contendo gelatina como substrato. A matéria-prima do fabricante B apresentou maior conteúdo protéico e maior atividade proteolítica do que a matériaprima do fabricante A. Ambas matérias-primas demonstraram estabilidade da atividade funcional, quando armazenadas a 4°C, por um período de 6 meses. Quando armazenadas a 30°C/70%UR e a 40°C/70%UR, houve perda acentuada dessa atividade. A medida da atividade proteolítica das formulações, após 48 horas de sua preparação, mostrou que apenas 8% da atividade funcional total foi detectada. Este resultado pode indicar interação entre a papaína e os componentes das formulações, levando a uma perda da atividade proteolítica, ou uma redução da velocidade da reação enzimática. Os estudos da estabilidade da atividade funcional mostraram que ambas formulações foram estáveis, quando armazenadas a 4°C, por 6 meses. Entretanto, quando armazenadas a 30°C/70%UR e a 40°C/70%UR, foi observada rápida redução da atividade proteolítica, em função do tempo de armazenamento. A avaliação da atividade proteolítica das formulações em gel de poliacrilamida, adicionado de gelatina como substrato, após 6 horas de incubação a 37°C, demonstrou que a formulação gel de Carbopol® 940 foi a mais eficaz, até mesmo superior à formulação extemporânea de matéria-prima papaína 1%, em solução aquosa. Este resultado evidencia que esse polímero foi o mais adequado para veicular a papaína. Além disso, foi o que apresentou maior eficácia proteolítica no teste in vitro. Dessa forma, esta formulação poderá ser empregada para auxiliar o processo de cicatrização de feridas e queimaduras, nos diferentes níveis assistenciais de saúde, com garantia de eficácia, segurança e qualidade.
Título em inglês
Development of topical formulations containing papain to wounds treatment.
Palavras-chave em inglês
papain
proteolytic activity
stability
wounds
Resumo em inglês
The present work evaluated by content of protein measurement, electrophoresis, proteolytic activity determination and verification of this activity stability, raw materials of papain obtained from two manufacturers. Gel formulations of Carbopol® 940, Natrosol® 250 HHR and Pluronic® F127, and containing 1% of papain, were developed and evaluated with regard to stability and in vitro efficacy of proteolytic activity. The stability studies were conducted by papain proteolytic activity measurement, using casein as substrate and the samples were stored under different conditions of temperature and humidity. The in vitro efficacy of proteolytic activity was evaluated using polyacrylamide gel containing gelatin as substrate. The raw material obtained from manufacturer B showed higher content of protein and higher proteolytic activity than the one from manufacturer A. Both raw materials showed functional stability when stored at 4°C during 6 months. When stored at 30°C/70% RH and at 40°C/70% RH, there was significant loss of these activities. The measure of formulations proteolytic activity, after 48 hours from its preparation, showed that only 8% of the total activity was detected. This result might indicate possible interactions between papain and formulation components, which lead to a loss in the proteolytic activity or a reduction in the speed of enzymatic reaction. The functional stability studies showed that all formulations were stable when stored at 4°C during 6 months. However, when stored at 30°C/70%RH and 40°C/70%RH, it was observed fast decrease in the proteolytic activity as a function of storage time. The evaluation of formulations proteolytic activity in polyacrylamide gel, added with gelatin as substrate, after 6 hours of incubation at 37°C, showed that Carbopol® 940 gel formulation was the most efficient, being also better than the formulation recently prepared with 1% of papain raw material in aqueous solution. This result demonstrates that this polymer was the most adequate to be incorporated with papain. Besides this, it was the one that showed higher proteolytic efficacy in the in vitro test. Then, this formulation might be employed to help in the wound and burns cicatrisation process, in the different levels of health assistance, with efficacy, security and quality guarantee.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-01-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.