• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2018.tde-24082018-171012
Documento
Autor
Nome completo
Valdson de Angelis Cortes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1980
Orientador
Banca examinadora
Paim, Gil Vianna (Presidente)
Iaria, Sebastiao Timo
Miguel, Omar
Qualifik, Paul
Título em português
Diagnóstico laboratorial da raiva natural em cães: estudo comparativo entre as técnicas da imunofluorescência direta e de inoculação em camundongos e entre os especimens de saliva, oculares, de glândulas salivares e de encéfalo
Palavras-chave em português
Diagnóstico
Raiva
Saúde Animal
Resumo em português
Espécimens de saliva, oculares, de glândulas salivares e de encéfalo obtidos de 30 cães infectados naturalmente, foram examinados através das técnicas de IFD e de IIC e posteriormente comparados, com o objetivo de apreciar a sensibilidade de alternativas propostas para o diagnóstico da raiva. Os resultados evidenciam a ocorrência de discrepâncias entre as técnicas de IFD e de IIC apenas quando aplicadas aos espécimens de saliva, oculares e de glândulas salivares parôtidas, em 5 (16,66%), 9 (30%) e 11 (36,66%) casos respectivamente, mas sem revelar significância estatística. As glândulas salivares submaxilares e o encéfalo foram os espécimens mais apropriados para o diagnóstico da raiva, tanto à IFD, como à IIC, tendo ambos apresentado uma taxa de 100% de positividade, significativamente maior do que a observada com o exame da córnea, do humor aquoso e das glândulas salivares parótidas. A associação das duas técnicas para o diagnóstico da raiva, tornou o procedimento tão sensível quanto a combinação pareada dos diferentes espécimens, embora a eficiência de 100%, não tenha sido observada em todas as oportunidades, quando se considerou uma ou outra alternativa. O tratamento da saliva pelas técnicas de IFD e de IIC associadas, foi comparável à combinação da saliva com a córnea por IFD, para demonstrar a infecção rábica em cães. Ambas as alternativas revelaram uma positividade de 100%, idêntica à observada com cada um dos espécimens de glândulas salivares submaxilares e de encéfalo, quando tratados por uma ou outra técnica isoladamente.
Título em inglês
Not available
Palavras-chave em inglês
Not available
Resumo em inglês
glands specimens in 5 (16,66%), 9 (30%) and 11 (36,66%) cases respectivelly, without showing any evidence of statistical significance. The specimens from submaxillary salivary glands and encephalon were most suitable for the rabies diagnosis in either the direct immunofluorescence or in mouse intracerebral inoculation techniquess both of them showing a rate of 100% positiveness significantly greather than that observed in cornea, aqueous humor and parotid salivary glands examinations. The association of the two techniques for the rabies diagnosis aade the procedure as appreciable as the conjugation of different specimens taken two by two, although a 100% efficiency has not been observed in all cases, regarding to the procedures considered. The direct immunofluorescence and mouse intracerebral inoculation associated procedure for the saliva examination was comparable to combined of saliva and cornea by direct immunofluorescence in order to demonstrate a rabid infection in dogs. Both of the alternative procedures revealed a 100% positiveness identical to that observed for the submaxillary salivary glands and encephalon specimens, when submitted independently to either one or other technique.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DR_40_Cortes_1980.pdf (2.39 Mbytes)
Data de Publicação
2018-08-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.