• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.6.2009.tde-21072009-090125
Documento
Autor
Nome completo
Mara Silvia Galletti Munkeviz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Pelicioni, Maria Cecilia Focesi (Presidente)
Marques, Regina Auxiliadora de Amorim
Zioni, Fabiola
Título em português
Saúde bucal no Programa Saúde da Família no município de São Paulo: uma perspectiva do usuário
Palavras-chave em português
Percepção do Usuário
Programa Saúde da Família
Saúde Bucal Coletiva
Resumo em português
Introdução Este trabalho objetivou analisar a recente inserção da saúde bucal no Programa Saúde da Família (PSF) no que se refere ao vínculo, ao acesso, à integralidade da atenção e à resolutividade dos problemas de saúde bucal. Objetivo - Identificar as opiniões, percepções e necessidades dos usuários adultos da UBS Vila Espanhola, município de São Paulo, em relação à sua saúde bucal e ao serviço de atenção à saúde bucal a eles oferecido pelo PSF. Metodologia Pesquisa qualitativa, composta pelas seguintes etapas: observação sistemática das atividades da equipe de saúde bucal da UBS estudada e entrevista com os usuários adultos, maiores de 18 anos, que tiveram algum tipo de atendimento odontológico na UBS nos últimos 6 meses. Na fase de análise optou-se pela técnica de análise de conteúdo. Resultados Realizaram-se 25 entrevistas e percebeu-se que a inserção do PSF aumentou o acesso da população estudada na região da UBS, aumento que trouxe maior demanda por serviços especializados em odontologia. Contudo, os usuários não estão conseguindo utilizar esses serviços de atenção secundária em saúde bucal. As entrevistas também trouxeram algumas questões levantadas pelos usuários, como a constante troca de dentistas na equipe, comprometendo o vínculo, a falta de autonomia dos usuários com relação à própria saúde bucal, a da falta de credibilidade no setor público, a do papel do ACS na equipe, a da forma como são efetuados os grupos de escovação, a questão do espaço físico onde são realizados os atendimentos e a forma como é aplicado o princípio da equidade para priorizar os atendimentos. Conclusão - A inserção da saúde bucal no PSF trouxe alguns avanços, porém precisa ser reavaliada para realmente conseguir atingir suas principais propostas, como a integralidade da atenção, a equidade, entre outras.
Título em inglês
Buccal health in Family Health Program in the city of São Paulo: the patients perceptions.
Palavras-chave em inglês
Collective Buccal Health
Family Health Program PSF
Patients Perceptions
Resumo em inglês
Introduction This study aims to analyze the recent insertion of oral health in the Family Health Program PSF considering link, access, integrity of attention and in to oral problems resolution. Buccal Health, which has always been apart from health public politics in this country, has now the opportunity to, at last, be part of the Unified Health System. Objective Identify opinions, perceptions and necessities of the adults patients from Vila Espanhola UBS (Health Basic Unity), São Paulo city, in relation to dental health and the service of attention to buccal health offered by the PSF. Methodology Qualitative research made of the following steps: systematic observation of the activities done by the buccal health team of the studied UBS, and interview with the adult patients, older than 18, that had any kind of attention in the past six months. In the analyses phase, we opted by the content analysis. Results: It was done 25 interviews and it was noticed that the insertion of PSF increased the access of the studied population in the UBS region, however this increase brought a bigger demand by specialized oral services. The patients are not being able to have access to those secondary attentions in buccal health. The interviews also brought some patients question such as the constant changing of the dentists in the team - compromising the link, lack of patients autonomy in relation to their own oral health, lack of credibility of public politics, the roll of the ACS in the team, the way how it is applied the equity principle to prioritize the cares. Conclusion: The insertion of buccal health in the PSF brought some advances, however it needs to be reevaluated to really reach its main proposals as integrality of attention, equity among others needs.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
MaraGalletti.pdf (461.76 Kbytes)
Data de Publicação
2009-08-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.