• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2012.tde-22052012-124000
Documento
Autor
Nome completo
Maria Aparecida de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Ribeiro, Helena (Presidente)
Castillo-Salgado, Carlos
Cesar, Chester Luiz Galvao
Silva, Edelci Nunes da
Waldman, Eliseu Alves
Título em português
Condicionantes socioambientais urbanos associados à ocorrência de dengue no município de Araraquara
Palavras-chave em português
Análise Espacial e Temporal
Dengue
Epidemiologia
GIS
Saúde Urbana
Resumo em português
Introdução: Estima-se que 2,5 bilhões de pessoas vivam em áreas de risco de dengue, em mais de 100 países endêmicos. Mais de 50 milhões de infecções ocorrem anualmente com 500.000 casos de dengue hemorrágica e 22.000 mortes, principalmente entre crianças. A cidade de Araraquara apesar de apresentar boas condições sociais e econômicas, tem apresentado graves epidemias de dengue na última década. Objetivo: Este estudo examinou os fatores socioambientais urbanos associados à incidência de dengue em Araraquara, que é uma cidade de médio porte localizada no interior do estado de São Paulo, na região sudeste do Brasil nos anos de 1998 a 2008. Métodos: Foi realizado um estudo ecológico longitudinal, no qual foram avaliados dados de incidência de Dengue notificados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) em todas as semanas epidemiológicas dos anos de 1998 a 2008, no município de Araraquara. As variáveis socioambientais urbanas investigadas foram extraídas do censo demográfico, de imagens de satélite e de planos de informações georreferenciados do ambiente construído. As variáveis meteorológicas investigadas foram obtidas a partir de uma estação automática com mediçoes diárias para todo o período analisado. Para investigar o padrão espaço temporal da distribuição da incidência de dengue no município, foram utilizadas as técnicas de análise exploratória de dados espaciais. Para investigar o efeito independente de variáveis socioambientais urbanas sobre a ocorrência de casos de dengue nos setores censitários de Araraquara, ao longo do período de 1998 a 2008, foram utilizados modelos de análise multivariada para dados longitudinais, por meio de equações de estimação generalizadas (GEE, Generalized Estimating Equations). Resultados: foram identificados padrões sazonais da incidência de dengue. Foram observados efeitos significativos de variáveis sociombientais urbanas, incluindo as variáveis meteorológicas, epidemiológicas e do ambiente construído, como fatores de risco à ocorrência de dengue e estes fatores variam no tempo e no espaço. Conclusão: os resultados mostraram a complexidade dos fatores associados à incidência de dengue no município de Araraquara, que envolve fatores socioambientais urbanos, em diferentes escalas espaciais e temporais. A consideração dos fatores no planejamento de políticas públicas pode ser importante para o enfrentamento desse grave problema de saúde urbana.
Título em inglês
Urban socio-environmental factors associated with the incidence of dengue fever in Araraquara city.
Palavras-chave em inglês
Dengue
Epidemiology
GIS
Spatial-Temporal Analysis
Urban Health
Resumo em inglês
Introduction: It is estimated that 2.5 billion people live in areas at risk of dengue fever in more than 100 endemic countries. Over 50 million infections occur annually with 500,000 cases of DHF and 22,000 deaths, mostly among children. The city of Araraquara, despite having good social and economic conditions, had severe dengue epidemics in the last decade. Objective: This study examined the urban socio-environmental factors associated with the incidence of dengue in Araraquara, which is a medium-sized city located in the state of São Paulo, in southeastern Brazil in the years 1998 to 2008. Methods: We conducted a longitudinal ecological study, which evaluated data on the incidence of dengue reported in the Information System for Notifiable Diseases (SINAN) in all epidemiological weeks of the years 1998 to 2008, for the city of Araraquara. The urban social and environmental variables investigated were taken from the census, satellite images and geo-referenced data layers of the built environment. The meteorological variables investigated were obtained from an automatic station with daily measurements for the whole period. To investigate the pattern of spatial and temporal distribution of the incidence of dengue in the city, we used the techniques of exploratory spatial data analysis. To investigate the independent effect of urban social and environmental variables on the occurrence of dengue cases in the census tracts of Araraquara, over the period 1998 to 2008, we used multivariate analysis models for longitudinal data, and generalized estimating equations (GEE). Results: We identified seasonal patterns of dengue incidence. Significant effects were observed for urban social and environmental variables, including meteorological variables, epidemiological and built environment as risk factors to the occurrence of dengue and these factors vary in time and space. Conclusion: The results showed the complexity of factors associated with the incidence of dengue in the city of Araraquara, which involves urban socio-environmental factors at different spatial and temporal scales. The consideration of these factors in the planning of public policies can be important to deal with this serious problem of urban health.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Maria_De_OLiveira.pdf (8.22 Mbytes)
Data de Publicação
2012-08-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.