• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2008.tde-29052008-112236
Documento
Autor
Nome completo
Maria Fernanda Cristofoletti
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Cardoso, Marly Augusto (Presidente)
Gigante, Denise Petrucci
Gimeno, Suely Godoy Agostinho
Marchioni, Dirce Maria Lobo
Vivolo, Sandra Roberta Gouvea Ferreira
Título em português
Fatores dietéticos associados à obesidade abdominal: estudo transversal de base populacional em nipo-brasileiros de Bauru
Palavras-chave em português
Fatores dietéticos
Nipo-brasileiros
Obesidade abdominal
Obesidade.
Resumo em português
Introdução: A obesidade abdominal associa-se ao risco para diabetes mellitus tipo 2 (DM) e doença cardiovascular (DCV). Entre os fatores associados à obesidade abdominal, destaca-se o importante papel da dieta. Objetivo: O presente estudo investigou a associação entre fatores dietéticos e adiposidade em nipo-brasileiros de Bauru, Estado de São Paulo. Métodos: Para o presente estudo, 772 participantes (329 homens e 443 mulheres) com idade entre 30-92 anos foram analisados em inquérito transversal de base populacional. Um questionário quantitativo de freqüência alimentar validado para essa população foi empregado para avaliar a dieta habitual. Índice de massa corporal (IMC, em kg/m2) e circunferência de cintura (CC, em cm) foram classificados de acordo com critérios da Organização Mundial de Saúde para a população asiática (obesidade geral IMC >= 25kg/m2; obesidade abdominal CC >= 90 cm para homens e >= 80 cm para mulheres). Modelos de regressão logística múltiplos foram utilizados na comparação entre o menor e o maior tercil de consumo alimentar em relação ao risco associado para obesidade abdominal, obesidade geral ou obesidade geral com obesidade abdominal, após ajuste para co-variáveis sócio-demográficas, de estilo de vida e bioquímicas. As análises foram estratificadas por gênero. Resultados: Em toda a população, maior consumo de embutidos foi associado à obesidade abdominal [Odds Ratio (OR) =2,09; IC95%: 1,05-4,18; Pde tendência = 0,009] e geral com abdominal (OR=2,41; IC95%: 1,40-4,15; Pde tendência = 0,006). Em homens, a ingestão de fibra de leguminosas (OR =0,27; IC95%: 0,08-0,84; Pde tendência = 0,015) foi inversamente associada à obesidade abdominal. Houve associação entre maior consumo de colesterol e de alimentos embutidos e obesidade geral com obesidade abdominal (OR=3,03, IC95%: 1,21-7,60, Pde tendência = 0,050 e OR=2,41, IC95%: 1,40-4,15, Pde tendência = 0,188, respectivamente). Entre as mulheres, o maior consumo de carnes vermelhas (OR=0,50; IC95%: 0,26; 0,98; Pde tendência = 0,121) foi inversamente associado à obesidade geral com abdominal, provavelmente devido ao baixo consumo geral. Conclusão: O consumo de alimentos embutidos foi associado à obesidade geral, abdominal e geral na presença de abdominal. Diferentes associações entre fatores dietéticos e medidas de adiposidade foram observadas segundo gênero.
Título em inglês
Dietary factors associated with abdominal obesity: cross-sectional population based study among Japanese-Brazilian from Bauru, SP
Palavras-chave em inglês
Abdominal obesity
Dietary factors
Japanese-Brazilians
Obesity.
Resumo em inglês
Introduction. Abdominal obesity has been associated with type 2 diabetes mellitus (DM) and cardiovascular disease. Among the risk factors for abdominal obesity, diet has been considered one of the most important. Aims/hypothesis. This study investigated which dietary factors are associated with the distribution of body adiposity in Japanese-Brazilians from Bauru-Sao Paulo. Methods. Analysis using a population-based cross-sectional study can out in 772 subjects (329 men and 443 women) aged 30-92 years from Bauru, Brazil. Dietary intakes were assessed using a validated food-frequency questionnaire. Measurements of weight, height, and waist circumference (WC, in cm) were taken using the following WHO cut-offs for Asians: overall obesity, Body Mass Index (BMI) >= 25kg/m2; abdominal obesity, WC >= 90 for men and >= 80 for women. Multiple logistic regression models were used for comparison between the lowest with the highest tertile of intakes stratified by gender, after adjusting for socio-demographic, lifestyle, biochemical and nutritional confounders. Results. In overall population, higher intakes of processed meats were associated with abdominal obesity [Odds Ratio (OR) =2.09; IC95%: 1.05-4.18; Pfor trend = 0.009] and with overall with abdominal obesity (OR=2.41; IC95%: 1.40-4.15; Pfor trend = 0.006). In stratified analysis by gender, among men, bean fiber was inversely associated with abdominal obesity (OR=0.27; 95%CI: 0.08; 0.84; Pfor trend = 0.015), when compared participants in the highest to the lowest tertile of intakes. Higher intakes of cholesterol and processed meats were associated with overall with abdominal obesity (OR=3.03, 95%CI: 1.21-7.60, Pfor trend = 0.050 and OR=2.41, IC95%: 1.40-4.15, Pfor trend = 0.188, respectively). Among women, higher intakes of red meats were inversely associated to overall with abdominal obesity (OR=0.50; IC95%: 0.26; 0.98; Pfor trend = 0.121) probably related to low intake levels. Conclusions. Processed meats were associated with overall, abdominal and overall with abdominal obesity. Diferent associations were observed in dietary factors in relation to overall, abdominal as well as overall with abdominal obesity according to gender.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese_eletronica.pdf (4.10 Mbytes)
Data de Publicação
2008-06-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.