• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2018.tde-18092018-161240
Documento
Autor
Nome completo
Jose Luiz D'Angelino
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1983
Orientador
Banca examinadora
Souza, José Maria Pacheco de (Presidente)
Ishizuka, Masaio Mizuno
Juarez, Edmundo
Miguel, Omar
Paim, Gil Vianna
Título em português
Toxoplasmose suína: contribuição para o estudo epidemiológico
Palavras-chave em português
Anticorpos
Experimentos Animais
Imunofluorescência em Animal
Inoculação
Prevalência
Suinocultura
Suínos
Toxinas em Animal (epidemiologia)
Toxoplasma gondii (imunologia)
Toxoplasmose (veterinária)
Zootecnia
Resumo em português
O presente trabalho foi realizado visando: a) o acompanhamento da dinâmica da evolução dos anticorpos revelados pelas provas de imunofluorescência indireta (IFI) e hemaglutinaçâo (HA); b) o estudo da concordância de resultados das duas provas, mediante a estatistica Kappa e da co-positividade e co-negatividade; c) e a avaliaçâo da prevalência da infecção toxoplásmica em rebanhos suínos pertencentes a diferentes modalidades de exploraçâo zootécnica (intensiva e semi-intensiva) pelas provas de IFI e HA. Foi realizada a inoculaçâo experimental de 20 suínos com a forma infectante de taquizoitos do Toxoplasma gondii e mantidos 7 outros como controle. Os animais ficaram sob observaçâo durante um período de 84 dias (12 semanas). No 7º dia pós-inoculação, 74,0% dos suínos apresentaram anticorpos revelados pela prova de IFI, enquanto que HA detectou em 21,0% dos animais. Os anticorpos persistiram durante todo o periodo de observação, com a primeira prova revelando títulos mais altos. Ambas as provas apresentaram sensibilidade e especificidade de 100%, a partir do 10º dia, já que todos os animais inoculados revelaram anticorpos, enquanto que os do grupo controle permaneceram negativos durante todo o experimento. No estudo de concordância das duas provas foram examinados soros de 273 suínos, abatidos em matadouros, verificando-se que o grau de concordância medido por Kappa foi de 69,24%. O índice de co-positividade de HA em relação à IFI foi de 72,78% e o de co-negatividade, l00%. A prevalência da infecção, considerando todas as idades em rebanhos suínos segundo a prova de IFI, foi de 54,0% para o sistema de criação intensiva e 49,2% para a criação semi-intensiva, enquanto que para a prova de HA foi de 46,6% e 42,7%, respectivamente. Os valores das prevalincias observadas segundo o tipo de criação (intensiva e semi-intensiva) não diferiram estatisticamente. No que se refere às taxas de infecção toxoplásmica segundo as diferentes idades estudadas, observou-se na queda dos valores do grupo de até 2 meses de idade para o de 2 a 4 meses, para a partir deste haver um incremento com o progredir da idade.
Título em inglês
Not available
Palavras-chave em inglês
Not available
Resumo em inglês
The present work was done aiming: a) the following of the dynamics of antibodies response revealed by Indirect Fluorescent Antibodies (IFA) and Hemagglutination (HA) techniques; b) the study of the agreement between the results of the two tests by means of Kappa statistics as well as copositivity and co-negativity índices; c) the evaluation of the prevalence of toxoplasmic infection in swine herds belonging to different types of pig-raising (intensive and semi-intensive) by the IFA and HA tests. For the experimental infection study, a group of twenty swines were inoculated with the infecting form of tackyzoites of Toxoplasma gondii; and seven additional ones were maintained as the control group. The animals were observed during a period of 84 days (12 weeks). On the 7th day post-inoculation, 74,0% of sera of experimentally inoculated animals presented antibodies for the IFA technique, while HA revealed antibodies in 21,0%. With the infected group, antibodies were detected through all period of observation, but the IFA technique showed higher antibody titers than the HA. Both methods presented 100% of sensitivity and specificity, starting from the 10th day of observation. All animals of the control group were negative for the antibody detection during the observed period. Two hundred and seventy three swine sera collected from a slaughter-house were used for the study of the agreement between the two tests. Kapps statistics showed 69,24% of agreement and the rate of co-positivity of HA test in relation to the IFA test was 72,78, and the rate of conegativity was 100%. The prevalence rates considering all the ages in the swine herds tested according to the method of IFA was 54,0% for the intensive-raised animals and 49,2% for animals of the semi-intensive system, while the HA test showed respectively 46,6% and 42,7%. The prevalence rates observed according to the type of pig-raising (intensive or semi-intensive) did not differ statistically. As for the rates of the toxoplasmic infection according to the different ages studies, it was observed a decrease in the values from group "until 2 months" in relation to the group "2 to 4 months", and then an increase with the advance of age.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.