• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2006.tde-06032007-085928
Documento
Autor
Nome completo
Tatiana Ribeiro de Campos Mello
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Waldman, Eliseu Alves (Presidente)
Antunes, Jose Leopoldo Ferreira
Gouveia, Nelson da Cruz
Peres, Marco Aurélio de Anselmo
Sousa, Maria da Luz Rosario de
Título em português
Diferenciais da saúde em áreas urbanas e rurais: cárie dentária e condições gengivais em escolares no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Cárie dentária
Índice periodontal
Levantamentos de saúde bucal
Saúde bucal
Resumo em português
Objetivos: Estudar os diferenciais entre os indicadores de cárie dentária e alterações gengivais em escolares de áreas urbanas e rurais do Estado de São Paulo. Material e Métodos. Estudo de corte transversal analítico e ecológico foram os dois delineamentos utilizados. A população de estudo foram estudantes de escolas urbanas e rurais do Estado de São Paulo de 5 a 7 e de 10 a 12 anos; a fonte de informação foi o "Levantamento das Condições de Saúde Bucal - Estado de São Paulo, 1998". Foi estimada a prevalência de cárie dentária (índice ceo-d e CPO-D), do sangramento gengival durante a sondagem e de cálculo dental (índice CPI), para o estudo de associação com características sócio-demográficas dos escolares e indicador de desenvolvimento social (IDH-M) das cidades participantes do levantamento. Foram estimadas as odds ratios ajustadas e não ajustadas, por meio de análise de regressão logística de delineamento de modelos multivariados e multiníveis. O estudo de diferenciais de prevalência entre diferentes regiões do Estado empregou uma classificação de àreas rurais homogêneas pré-existentes. Resultados: Os indicadores de saúde bucal tiveram distibuição desigual entre os estratos, indicando pior condição para a população rural. Estudar em áreas rurais, em escolas públicas, ser negro ou pardo e ser do sexo masculino associaram com a manifestação de cárie não tratada e alterações gengivais, ao nível dos indivíduos. No modelo multinível, a presença de flúor na água de abastecimento público, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M) e o Índice de Cuidado associaram com as condições de saúde bucal estudadas ao nível das cidades participantes do levantamento. Áreas rurais cujo sistema produtivo apresentava maior implementação da economia agro-industrial tiveram os melhores indicadores de saúde bucal. Conclusões: Os escolares de área rural mostraram-se mais vulneráveis para todas as condições de saúde bucal avaliadas
Título em inglês
Health differentials in rural and urban areas: prevalence of dental caries and gingival status in the State of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Gingival bleeding on probing
Dental calculus
Dental caries
Epidemiology
Oral health
Rural population
Resumo em inglês
Objectives: To assess differentials of prevalence of dental caries and gingival status in schoolchildren from rural and urban areas of the State of São Paulo. Material and Methods: The study population comprised schoolchildren aged 5 to 7 and 10 to 12 years old; the source of information was the “Survey of Oral Health Status – State of São Paulo, 1998”. The prevalence of dental caries (dmft and DMFT indices), gingival bleeding on probing and dental calculus (CPI index) were assessed for the appraisal of association with socio-demographic characteristics of schoolchildren and indices of social development of participating towns. The estimation of adjusted and non-adjusted odds ratios used logistic regression analysis, and the fitting of multivariate multilevel models. The study of prevalence differentials among regions of the State used a previous classification of homogeneous rural areas. Results: Indices of oral health had an unequal distribution among strata, indicating a poorer profile for rural population. Studying in rural areas, in public schools, being black and being a boy associated with the odds of presenting untreated dental caries and gingival status at the individual level. Fluoride addition to tap water and the human development index associated with these outcomes at the town level. Rural areas whose productive system presented enhancements associated with the agro-industry had an improved profile of oral health. Conclusion: Schoolchildren in rural areas had a poorer profile for all outcomes of oral health. These findings should instruct health services for programming specific interventions aimed at this stratum.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese_compl_saber.pdf (436.69 Kbytes)
Data de Publicação
2007-03-06
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • ANTUNES, J. L. F., et al. Multilevel assesment of determinants of dental caries experience in Brazil [doi:10.1111/j.1600-0528.2006.00274.x]. Community Dentistry and Oral Epidemiology [online], 2006, vol. 34, p. 146-152.
  • MELLO, T. R. C., et al. Prevalence and severity of dental caries in schoolchildren of Porto, Portugal [doi:10.1922/CDH_2193Mello07]. Community Dental Health [online], 2008, vol. 25, p. 119-125.
  • MELLO, T. R. C., ANTUNES, J. L. F., e WALDMAN, E. A. Áreas rurais: Polos de concentração de agravos à saúde bucal?. Arquivos de Medicina, 2005, vol. 19, p. 67-74.
  • MELLO, T. R. C., ANTUNES, J. L. F., e WALDMAN, E. A. Prevalência de cárie não tratada na dentição decídua em áreas urbanas e rurais do Estado de São Paulo, Brasil [doi:10.1590/S1020-49892008000200002]. Revista Panamericana de Salud Pública / Pan American Journal of Public Health [online], 2008, vol. 23, p. 78-84.
  • MELLO, Tatiana, ANTUNES, José Leopoldo, e WALDMAN, Eliseu Alves. Prevalência de cárie não tratada na dentição decídua em áreas urbanas e rurais do Estado de São Paul. Revista Pan Americana de la Salud Publica, 2008, vol. 23, n. 2, p. 78-84.
  • ANTUNES, J. L. F., et al. Multilevel determinants affecting inequalities of dental caries experience. In European congress of Epidemiology 2006, Utrecht- Holanda, 2006. European Journal of Epidemiology., 2006. Abstract.
  • MELLO, T. R. C., et al. Health differencials in rural and urban areas:prevalence of dental caries and maloclusion in the Brazilian context. In European Congress of Epidemiology, Porto - Portugal, 2004. Journal of Epidemiology and Community Health.Espanha : British Medical journal, 2004. Abstract.
  • MELLO, T. R. C., et al. Prevalence and severity of dental caries in schoolchildren of Porto. Portugal. In European Congress of Eidemiology, Utrecht- Holanda, 2006. European Journal of Epidemiology., 2006. Abstract.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.