• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2017.tde-02062017-100757
Documento
Autor
Nome completo
Andréia Fernandes Brilhante
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Galati, Eunice Aparecida Bianchi (Presidente)
Andrade, Andrey José de
Nunes, Vania Lucia Brandão
Shaw, Jeffrey Jon
Teixeira, Marta Maria Geraldes
Título em português
Epidemiologia da leishmaniose tegumentar americana (LTA) no município de Xapuri, Estado do Acre, Brasil: estudo em população humana, cães domésticos e vetores
Palavras-chave em português
Amazônia
Casos Caninos
Casos Humanos
Diversidade
Epidemiologia
Flebotomíneos
Infecção Natural
Leishmania spp.
Leishmaniose Tegumentar Americana
Seringal
Vetores
Resumo em português
Introdução. A leishmaniose tegumentar americana (LTA) é uma endemia de importância em saúde pública na Amazônia Brasileira, onde possui diferentes perfis de transmissão com a participação de diversas espécies de vetores e de protozoários do gênero Leishmania. O Estado do Acre apresenta altos índices de LTA e, no ano de 2015, apresentou o mais alto coeficiente de detecção de casos (137,7/100.000 hab.) da doença no Brasil. Objetivo. Analisar aspectos epidemiológicos da LTA no município de Xapuri, Estado do Acre, Brasil, envolvendo população humana, cães domésticos, vetores e identificação de Leishmania. Materiais e Métodos. Para a avaliação epidemiológica, foram analisadas fichas de notificação dos casos humanos no período de 2008 a 2014 obtidas do sistema de vigilância epidemiológica do município. Foram analisadas as variáveis: sexo, grupo etário, escolaridade, forma clínica, diagnóstico, tratamento e evolução clínica. Os dados foram submetidos à análise descritiva e teste estatístico do qui-quadrado de Pearson utilizando o pacote estatístico STATA. Também foram obtidas amostras de material de pacientes (escarificação das lesões fixadas em lâminas) atendidos no centro médico do município, durante o período de novembro de 2014 a janeiro de 2016. As amostras foram submetidas à análise molecular para diagnóstico de Leishmania spp. O inquérito canino foi realizado em áreas urbanas e rurais; nestas, predominantemente, em seringais, onde a doença foi reportada em humanos. Após avaliação clínica dos animais para busca de lesões e sinais característicos de leishmanioses, foram coletadas amostras de sangue venoso por punção jugular ou cefálica, e quando havia lesões sugestivas da doença, foram anestesiados e submetidos à biopsia para colheita do fragmento de lesão. Amostras destes fragmentos foram submetidas a técnicas parasitológicas, inoculação em meio de cultura Neal, Novy e Nicolle, exame direto e técnicas moleculares para detecção do parasita. A identificação de Leishmania spp. foi realizada por técnicas moleculares. Os flebotomíneos foram coletados em ambiente domiciliar e florestal de dois seringais (Floresta e Cachoeira) e na área urbana, com armadilhas luminosas tipo CDC, instaladas mensalmente, no período de agosto de 2013 a julho de 2015. Neste período, apenas no seringal Cachoeira, também foram feitas coletas utilizando armadilhas de Shannon nas cores branca e preta, e de janeiro a maio de 2016, coletas em trocos de árvores com aspiradores manuais. Uma amostra de fêmeas coletadas pelas diferentes técnicas foi dissecada viii para investigação da presença de flagelados. Para a análise do comportamento da fauna flebotomínea foram utilizados índices ecológicos como de Shannon, Pielou e Abundância das Espécies Padronizado, média geométrica de Williams e análise dos componentes principais. Para estimar a atratividade dos flebotomíneos pelas cores branca e preta foi utilizado o teste de Mann-Whitney (p<0,05). Análises morfométricas utilizando o teste de Gabriel (teste F, p <0,05) foram feitas para distinguir alguns táxons. Para as análises moleculares dos parasitas foi empregada a técnica de Nested-PCR SSU rRNA utilizando os iniciadores S4/S12 e S17/S18 e sequenciamento. Resultados. No estudo de casos humanos, constatou-se que a doença ocorre predominantemente em populações rurais e isoladas do município, em indivíduos de ambos os sexos, com as incidências mais elevadas em crianças e adolescentes. Em 33 dos 45 pacientes com clínica positiva para LTA foram detectadas a presença de DNA de Leishmania spp. Nos cães domésticos, verificou-se alta taxa de infecção (20,0 por cento ) por Leishmania (Viannia) sp. Nos estudos de flebotomíneos, foram coletados 21.197 espécimes (14.210 fêmeas e 7.107 machos) com armadilhas CDC, e 6.309 (864 machos e 5.445 fêmeas) com armadilhas de Shannon. As frequências, abundâncias e densidades mais elevadas foram dos gêneros Nyssomyia, Psychodopygus e Trichophoromyia, coletados em ambientes silvestres, peri e intradomiciliares. Em ambiente rural foram coletados 99,9 por cento dos espécimes e no urbano apenas 0,1 por cento . Nyssomyia shawi predominou no Seringal Cachoeira, e Trichophoromyia spp. (Th. auraensis/Th. ruifreitasi) no Seringal Floresta. Espécies do gênero Psychodopygus predominaram no período chuvoso, enquanto as de Nyssomyia, no período seco. Infecções por Leishmania spp. foram detectadas em Brumptomyia sp., Nyssomyia antunesi, Ny. shawi, Lutzomyia sherlocki, Psathyromyia aragaoi, Psychodopygus carrerai carrerai, Ps. davisi, Ps. hirsutus hisutus, Ps. llanosmartinsi, Ps. lainsoni, Thrichophoromyia ubiquitalis e Trichophoromyia spp. Por meio de análises morfológicas e morfométricas das fêmeas de Trichophoromyia sugeriu-se a distinção de Th. octavioi de Trichophoromyia spp. (Th. auraensis/Th. ruifreitasi) e descreveu-se, Psathyromyia elizabethdorvalae sp. n. Conclusões. A LTA em Xapuri apresenta um perfil de transmissão silvestre e outro domiciliar. As populações humanas e caninas que frequentam ambientes florestais estão expostas a uma alta diversidade de vetores e de agentes etiológicos, o que aumenta o risco de infecção de LTA. As informações aqui apresentadas podem nortear as medidas de controle, planejamento das ações e definição de prioridades dos órgãos de vigilância epidemiológica do Estado do Acre, visando o diagnóstico precoce e tratamento adequado dos casos de leishmanioses da população humana de Xapuri
Título em inglês
Epidemiology of American cutaneous leishmaniasis (ACL) in Xapuri municipality, Acre state, Brazil: study in human population, domestic dogs and vectors
Palavras-chave em inglês
Amazon
American Cutaneous Leishmaniasis
Canine Cases
Diversity
Epidemiology
Human Cases
Leishmania spp.
Natural Infection
Phlebotomine Sandflies
Rubber Plantation Allotment
Vectors
Resumo em inglês
Introduction. American cutaneous leishmaniasis (ACL) is an endemic disease that deserves the attention of public health in the Brazilian Amazon, where it has various transmission profiles with the participation of several species of vectors and protozoa of the genus Leishmania. The state of Acre registers high rates of ACL, having in 2015 the highest coefficient of detection of cases (137.7 / 100,000 inhab.) in Brazil. Objective. To analyze the epidemiological aspects of LTA in the municipality of Xapuri, State of Acre, Brazil, involving the human population, domestic dogs, vectors and the identification of Leishmania ssp. Materials and Methods. For the epidemiological evaluation, records of the human cases notified between 2008 and 2014 obtained from the epidemiological surveillance system of the municipality, were analyzed. The following variables were selected for analysis: sex, age group, schooling, clinical form, diagnosis, treatment and clinical evolution. The data were submitted to descriptive analysis and the Pearson chi-squared statistical test using the statistical package STATA. Samples of patient material (scarification of lesions fixed on slides) were also obtained from the medical center of the city during the period from November 2014 to January 2016. These samples were submitted to molecular analysis for the diagnosis of Leishmania spp. The canine survey was carried out in both urban and rural areas, in the latter rubber plantations where the disease had been reported in humans predominated. After a clinical evaluation to search for lesions and characteristic signs of leishmaniasis, samples of venous blood were collected by jugular or cephalic puncture, and when the animals presented lesions suggestive of cutaneous leishmaniasis, they were anesthetized and submitted to biopsy to harvest the lesion fragment. Samples of these fragments were submitted to parasitological techniques, inoculation in Neal, Novy and Nicolle culture medium, direct examination and molecular techniques to detect Leishmania spp. The samples were submitted to molecular analysis for the diagnosis of Leishmania spp. The phlebotomine survey was carried out in forest and the domiciliary environment of the city and in two rubber plantation areas (Seringal Cachoeira and Seringal Floresta), monthly using CDC light traps, from August 2013 to July 2015. In this period, only in the Seringal Cachoeira were collections also made using black and white Shannon traps. Collections in tree trunks and among tree roots with manual aspirators were also undertaken from January to May 2016. xi Samples of females collected by different techniques were dissected to investigate the presence of flagellates. For the analysis of the behavior of the phlebotomine fauna, ecological indexes such as Shannon, Pielou, and Standardized Species Abundance, Williams geometric mean and main component analysis were used. The Mann-Whitney test (p <0.05) was used to estimate the attractiveness of the black and white colors to sandflies. Morphometric analyses using the Gabriel test (test F, p <0.05) were made to distinguish between some taxa. For the molecular analyses of the parasites the Nested-PCR SSU rRNA technique was used using primers S4 / S12 and S17 / S18 and sequencing. Results. In the study of human cases, it was found that the disease occurs in rural and isolated populations and in individuals of both sexes, especially in children and adolescents. In 33 of the 45 patients with positive ACL, the presence of Leishmania spp DNA was detected. The domestic dogs have shown a high infection rate (20.0 per cent ) attributed to Leishmania (Viannia) sp. In the sandfly studies, 21,197 specimens (14,210 females and 7,107 males) were collected in CDC traps, and 6,309 (864 males and 5,445 females) were collected in Shannon traps. The highest frequencies, abundances and densities were of the genera Nyssomyia, Psychodopygus and Trichophoromyia collected in wild, peri and intradomiciliary environments. Nyssomyia shawi predominated in the Seringal Cachoeira, and the Trichophoromyia spp. (Th. auraensis/Th. ruifreitasi) in the Seringal Floresta. Species of the genus Psychodopygus predominated in the rainy season while those of Nyssomyia in the dry period. Natural infections by Leishmania spp were detected in Brumptomyia sp., Nyssomyia antunesi, Ny. shawi, Lutzomyia sherlocki, Psathyromyia aragaoi, Psychodopygus carrerai carrerai, Ps. davisi, Ps. hirsutus hirsutus, Ps. llanosmartinsi, Ps. lainsoni, Trichophoromyia ubiquitalis and Trichophoromyia sp. Morphological and morphometric analyses of Trichophoromyia females were suggested to distinguish Th. octavioi from Trichophoromyia spp (Th. auraensis/Th. ruifreitasi), Pa. elizabethdorvalae being described for the first time. Conclusions. ACL in Xapuri presents one profile of wild transmission and another of domiciliar transmission. Both populations, human and canine, because they live in forest environments are exposed to a high diversity of vectors and etiological agents, which increases the risk of ACL infection. The information presented here may guide the measures of control, planning of actions and definition of priorities taken by the organs of surveillance and epidemiology of the State of Acre, aiming at the early diagnosis and appropriate treatment of the human cases in Xapuri
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-06-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.