• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Thaís Silva Marinheiro de Paula
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Pacifico, Soraya Maria Romano (Presidente)
Borges, Fabiana Claudia Viana
Sousa, Lucília Maria Abrahão e
Título em português
O olhar de si e do corpo: sujeitos em discurso sobre cirurgia bariátrica
Palavras-chave em português
Cirurgia Bariátrica
Corpo
Discurso
Olhar
Sujeito.
Resumo em português
Ao nos depararmos com os possíveis sentidos que circulam em relação à busca pelo corpo belo e perfeito, isto é, a busca pelo corpo magro, nesta pesquisa, entendemos que o corpo se tornou uma forma de representação de saúde e beleza, pois, na chamada modernidade líquida, o imaginário social é constituído pela memória discursiva que evoca sentidos tecidos sócio-historicamente sobre o padrão corporal fluido, contribuindo para que os discursos existentes sobre a busca pelo corpo belo e perfeito afetem a imagem que o sujeito faz de seu próprio corpo, ou seja, afetam a imagem que ele deseja alcançar para se sentir incluído na sociedade que o cerca, seja para atingir o padrão de beleza ou para se sentir saudável. Compreendemos, assim, que o corpo inscreve-se no discurso do sujeito, pois faz parte das formações discursivas que o permeiam, isso porque a subjetividade se instaura no momento em que esse corpo reclama por sentidos outros. Consequentemente, ao analisarmos os discursos de sujeitos que fizeram a cirurgia bariátrica, observamos que houve a necessidade de recorrer a esse procedimento cirúrgico para que pudessem fazer parte deste novo corpo, pois surge o desejo de: perder peso, inclusão social e/ou sensação de bem-estar. Desta forma, ao pensarmos sobre como o corpo obeso pode atravessar diferentes sentidos e também apresentar/sofrer relações de poder, nessa relação com o simbólico e com o político, entendemos que o corpo ganha interpretações por meio do olhar e que a percepção de corpo pelo sujeito está diretamente relacionada aos discursos que circulam pela realidade externa, como, por exemplo, o discurso médico, com isso a escolha pela cirurgia bariátrica pode estar relacionada aos sentidos de beleza e estética que silenciam outros sentidos que tratam sobre a saúde. Nesse ideário, esse trabalho visa a compreender os processos de subjetivação do sujeito-paciente de cirurgia bariátrica, a partir da análise de discursos por ele produzidos após o procedimento cirúrgico, suas expectativas, necessidades e ansiedades, assim como os resultados obtidos, investigando, por meio de marcas linguísticas, como os sujeitos foram/são afetados pelo discurso médico sobre o padrão corporal. Para a elaboração do corpus, foram coletados dados com base nas respostas de quatorze sujeitos que realizaram esse procedimento cirúrgico há pelo menos um ano, sendo cinco homens e nove mulheres, na faixa etária de trinta a cinquenta e cinco anos. O campo epistemológico de análise que sustenta a pesquisa é a Análise do Discurso pecheuxtiana, cujo dispositivo teórico-analítico será essencial para o movimento de interpretação e compreensão dos dados. Os resultados apontam sentidos dominantes, (re)produzidos pelos sujeitos que fizeram a cirurgia bariátrica os quais reproduzem o discurso médico que trata a cirurgia bariátrica como um lugar de completude e satisfação corporal, entretanto, são materializados outros sentidos que apontam para a não completude do sujeito e do corpo, de modo que o discurso sobre o corpo ideal fura, ou seja, o sujeito, mesmo tendo realizado a cirurgia bariátrica indicia a necessidade de realizar outros procedimentos cirúrgicos para se chegar à ilusória completude.
Título em inglês
The look of yourself and body: subject in discourse about bariatric surgery
Palavras-chave em inglês
Bariatric Surgery
Body
Discourse
Look
Subject.
Resumo em inglês
When we face the possible meanings that circulate in relation to the search for the beautiful and perfect body, that is, the search for the thin body, In this research, we understand that the body has become a form of representation of health and beauty, because in the so-called liquid modernity, the social imaginary is constituted by the discursive memory that evokes socio-historically woven senses on the fluid body standard, contributing for the existing discourses on the search for the beautiful and perfect body to affect the image that the subject makes of his own body, that is, affect the image that he wants to reach to feel included in the society that surrounds him, either to reach the standard of beauty or to feel healthy. We understand, therefore, that the body subscribes to the discourse of the subject, because it is part of the discursive formations that permeate it, this because the subjectivity is established at the moment in which this body complains for other senses. Consequently, when we analyze the discourses of subjects who performed bariatric surgery, we observed that it was necessary to resort to this surgical procedure so that they could be part of this new body, because arise the desire: to lose weight, social inclusion and/or sensation of welfare. Then, when we think about how the obese body can cross different senses and also present / suffer relations of power, in this relation with the symbolic and the political, we understand that the body gains interpretations through the look and that the perception of body by the Subject is directly related to the discourses that circulate through external reality, such as medical discourse, so the choice for bariatric surgery may be related to the senses of beauty and esthetics that silence other senses that deal with health. In this idea, this work aims to understand the subjectivation processes of the subject-patient of bariatric surgery, based on the analysis of discourses produced by him after the surgical procedure, his expectations, needs and anxieties, as well as the results obtained, investigating, by means of linguistic marks, as subjects were / are affected by medical discourse about body standard. For the elaboration of the corpus, were collected data based on the responses of fourteen subjects who underwent this surgical procedure for at least one year, five men and nine women, in the age group of thirty to fifty five years old. The epistemological field of analysis that underpins the research is the pecheuxtiana Discourse Analysis, whose theoretical-analytical device will be essential for the movement of interpretation and understanding of the data. The results point dominant senses, (re)produced by the subjects who performed bariatric surgery, which reproduce the medical discourse that treats bariatric surgery as a place of completeness and corporal satisfaction, however, other meanings are materialized that point to the non-completeness of the subject and body, so that the discourse on the ideal body is faulty, that is, the subject, even having performed bariatric surgery it indicates the need to perform other surgical procedures to achieve the illusory completeness.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-10-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.