• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.59.2017.tde-18112016-093340
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Barros Brant Carvalho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Bairrao, Jose Francisco Miguel Henriques (Presidente)
Petean, Antonio Carlos Lopes
Piotto, Débora Cristina
Título em português
Religião e memória social afro-brasileira em Ribeirão Preto
Palavras-chave em português
Cultos Afro-Brasilieros
Etnopsicologia
Memória Social
Umbanda
Resumo em português
Nesta investigação busca-se compreender como o sistema religioso da umbanda entrelaça-se às biografias dos seus dirigentes, as quais configuram e são configuradas por essa tradição afro-brasileira. Para tanto, acompanharam-se as cerimônias religiosas e entrevistaram-se quatro lideranças em dois terreiros na região de Ribeirão Preto. Interagiu-se com a comunidade pesquisada em posição de consulente. Foram feitos registros em caderno de campo, fotográficos, vídeos e áudio. Fez-se ainda uma reflexão sobre as potencialidades da psicanálise como ferramenta teórica pertinente para uma interação com o campo desde um lugar de interlocução deste como sujeito e não um objeto de saberes acadêmicos. Encontrou-se que a heterogeneidade da religiosidade umbandista agrega a diversidade do coletivo. Conceitos externos aos significados da tradição não parecem ser úteis para se compreender essa religião não dogmática nem excludente de divindades nem pessoas. Os recursos culturais e simbólicos mostram-se fundamentais para subsidiar a manutenção de memórias antigas. A característica da multiplicidade umbandista não está no trânsito e convivência entre pertenças religiosas, mas é inerente ao modo próprio de ser.
Título em inglês
Religion and Afro Brazilian Social Memory in Ribeirão Preto
Palavras-chave em inglês
Afro Brazilian Religion.
Ethnopsychology
Social Memory
Resumo em inglês
This investigation seeks to understand through the perspective of the umbandist religious system how its leaders composing and being composed by this Afro Brazilian tradition. For this purpose, religious ceremonies were followed and four leaderships were interviewed in two terreiros in Ribeirão Preto. The researcher interacted with the community as a participant. Field notes were registered and photos, videos and audio were collected. And also was reflected about how the Psychoanalysis is a potential theoretical tool to interacting with the research field as being an interlocutor subject and not as object of academic knowledge. It was found that religious heterogeneity of Umbanda aggregates diversity to social collective. Outer concepts to the meaning of the tradition do not seem to be helpful to comprehend this religion that is not dogmatic nor exclusionary with any divinities and people. Cultural and symbolic sources are central to keeping ancient memories. The multiplicity issue in the Umbanda is not found in the transit or coexistence between religious belonging, but it is inherent to its own way of being.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
juliana.pdf (3.31 Mbytes)
Data de Publicação
2017-02-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.