• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.59.2018.tde-03082018-133519
Documento
Autor
Nome completo
Laís Galo Vanzella
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Barbosa, Francirosy Campos (Presidente)
Bairrao, Jose Francisco Miguel Henriques
Hikiji, Rose Satiko Gitirana
Müller, Regina Aparecida Polo
Título em português
A memória individual e coletiva colombiana na performance de um gênero musical - o vallenato
Palavras-chave em português
Colômbia ; Memória coletiva ; Música ; Vallenato
Resumo em português
Esta investigação busca compreender, através de um estudo histórico e uma análise interpretativa das letras e performances de algumas canções, a participação do gênero musical colombiano vallenato em uma das grandes lutas da Colômbia, que envolve a seleção e a construção de memórias coletivas, a fim de melhorar sua imagem dentro e fora do país. Dentro da elite da Costa caribenha colombiana, intelectuais como Consuelo Araújo Noguera, Alfonso López Michelsen e Gabriel García Márquez sempre defenderam a ideia de que o gênero musical vallenato teria se originado na cidade de Valledupar, porém, teorias mais atuais afirmam que ele surgiu como um dos principais pilares da construção de uma identidade nacional colombiana. A partir dos conceitos de Memória coletiva e individual explorados por Maurice Halbwachs e Ecléa Bosi e por meio das teorias elaboradas pela Antropologia da performance, este trabalho tem como objetivo compreender de que forma o vallenato possibilita o acesso a alguns elementos desta memória coletiva/individual colombiana. O recorte de tempo deste trabalho abrange desde o fim da década de 40 até os anos 2000, principalmente após as hibridações feitas pelo cantor Carlos Vives, na década de 90. A análise das letras e performances se apoia no método da Antropologia Interpretativa/Hermenêutica nos moldes de Geertz (2008). Através da análise de alguns elementos históricos e líricos do vallenato e de entrevistas realizadas na Colômbia durante os anos de pesquisa conclui-se que, de fato, existiram campanhas e incentivos tanto governamentais quanto não - governamentais para a exaltação de certas memórias através da música (principalmente a vallenata) e após décadas, o país parece estar conseguindo construir uma imagem mais positiva dentro e fora de suas fronteiras.
Título em inglês
The individual and collective memory in the performance of a colombian musical genre the vallenato
Palavras-chave em inglês
Carlos Vives ; Collective memory ; Colombia ; Music ; Vallenato
Resumo em inglês
This research seeks to understand, through a historical study and an interpretative analysis of the lyrics and performances of some songs, the participation of the Colombian musical genre vallenato in one of the great fights of Colombia which involves the selection and construction of collective memories in order to improve their image both inside and outside the country. Within the elite of the Colombian Caribbean coast, intellectuals like Consuelo Araújo Noguera, Alfonso López Michelsen and Gabriel García Márquez have always defended the idea that the musical genre vallenato originated in the city of Valledupar, however, more current theories affirm that it appeared as one of the main pillars of the construction of a Colombian national identity. From the concepts of collective and individual memory explored by Maurice Halbwachs and Ecléa Bosi and through the theories elaborated by performance anthropology, this work aims to understand how vallenato allows access to some elements of this Colombian collective / individual memory. The time cut of this work ranges from the late 1940s through the 2000s, mainly after the hybrids made by singer Carlos Vives, in the 90's. The analysis of letters and performances is based on the method of Interpretive Anthropology / Hermeneutics in the manner of Geertz (2008). Through the analysis of some historical and lyrical elements of vallenato and interviews conducted in Colombia during the years of research, it was concluded that, in fact, there were governmental and non-governmental campaigns and incentives for the exaltation of certain memories through music (mainly vallenata) and after decades, the country seems to be able to build a more positive image inside and outside its borders.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-10-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.