• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Maltoni Nogueira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Neufeld, Carmem Beatriz (Presidente)
Daffonseca, Sabrina Mazo
Lisboa, Carolina Saraiva de Macedo
Marturano, Edna Maria
Título em português
Indicadores e comportamentos de saúde em adolescentes de 13 anos de Ribeirão Preto
Palavras-chave em português
Adolescência
Indicadores de saúde
Perfil de saúde
Saúde do adolescente
Saúde mental
Resumo em português
A adolescência é definida como um período complexo compreendido entre os 10 e 19 anos, caracterizado por mudanças intensas de ordem biológica, física, social e cognitiva. Apesar de propícia ao desenvolvimento, também relaciona-se a comportamentos de risco e transtornos mentais. Considerando que as questões desta fase influenciam diretamente em aspectos centrais da vida adulta e em resultados globais de saúde, compreender o estado saúde desta fase, e as variáveis associadas, é indispensável para o desenvolvimento de intervenções e programas voltados para promoção de saúde efetivos. O objetivo deste projeto é mapear indicadores e comportamentos de saúde e sintomas depressivos e ansiosos em uma amostra de 300 adolescentes de 13 anos, matriculados em escolas estaduais do interior de São Paulo. Os objetivos secundários são adaptar o questionário de pesquisa Health Behavior in School-aged Children (HBSC) para a realidade brasileira e investigar as indicadores dos instrumentos com sexo e região. Os instrumentos utilizados foram: questionário HBSC Brasil 2016/17, Childrens Depression Inventory e Spence Children's Anxiety Scale, todos adaptados para o português. Os dados foram analisados através de estatística descritiva e inferencial através do teste qui-quadrado de Pearson e Análise de Variância (ANOVA). O intervalo de confiança foi de 95%. De maneira geral, os resultados indicam que os adolescentes compreenderam satisfatoriamente o questionário adaptado e que, apesar da maioria dos indicadores apresentarem resultados positivos, uma parcela considerável dos adolescentes investigados até o momento apresentam fatores de risco e necessidade de intervenções. Associações entre a variável sexo foram expressivas, demonstrando que meninos e meninas possuem características específicas nos indicadores de saúde investigados
Título em inglês
Health indicators and behaviors in 13 year olds of Ribeirão Preto
Palavras-chave em inglês
Adolescence
Adolescent health
Health indicators
Health profile
Mental health
Resumo em inglês
Adolescence is defined as a complex period between 10 and 19 years, characterized by intense biological, physical, social and cognitive changes. Although conducive to development, it is also associated to risk behaviors and mental disorders. Considering that obstacles at this stage influence directly central aspects of adult life and overall health outcomes, understanding the health status of this phase, and the associated variables, is imperative for the development of effective health interventions and programs. The aim of this project was to map indicators and health behaviors and depressive and anxious symptoms in a sample of 300 adolescents of 13 years old, enrolled in public schools in the interior of São Paulo. The secondary aim is to adapt the Health Behavior in School-aged Children (HBSC) research questionnaire to Brazilian reality and to investigate the indicators of the instruments with gender and region. The instruments used were: HBSC Brasil 2016/17 questionnaire, Children's Depression Inventory and Spence Children's Anxiety Scale, all in Portuguese. Data was analyzed through descriptive and inferential statistics using the Pearson chi-square test and Analysis of Variance (ANOVA). The confidence interval was 95%. Overall, the results indicate that the adolescents satisfactorily understood the adapted questionnaire and despite the fact that most of the indicators were positive, a substantial number of adolescents have shown risk factors and the need for interventions. Associations with gender were expressive, demonstrating that boys and girls have specific characteristics in what concerns the health indicators investigated
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.