• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.59.2008.tde-21052009-092119
Documento
Autor
Nome completo
Andréa Rodrigues Chaves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Nassur, Maria Eugenia Queiroz (Presidente)
Cass, Quezia Bezerra
Chiericato Junior, Glaico
Rocha, Eduardo Carasek da
Yonamine, Maurício
Título em português
Desenvolvimento da fase extratora SPME de poli(pirrol) e avaliação das técnicas SPME/LC e SBSE/LC para análises de antidepressivos em amostras de plasma
Palavras-chave em português
Cromatografia Liquida
extração sortiva em barra de agitação
microextração em fase sólida
plasma
poli(pirrol) e antidepressivos
Resumo em português
A depressão em idosos é uma desordem persistente e recorrente, resultado do stress psicossocial ou efeito de doenças fisiológicas, que podem acarretar a desabilidade do indivíduo, aumento dos sintomas das doenças clínicas, na maior utilização dos serviços de saúde e altas taxas de suicídios.A monitorização terapêutica permite a ndividualização do regime de dosagem, assegurando a eficácia clínica e minimizando os efeitos adversos dos fármacos, prescritos na clínica. Os antidepressivos têm sido monitorados, pois, apresentam intervalos terapêuticos bem estabelecidos, ou seja, a maioria dos pacientes, que apresentam concentrações plasmáticas dentro deste intervalo fixo, tem as desordens psiquiátricas mantidas sob controle e efeitos adversos aceitáveis. Os antidepressivos tricíclicos (ADTs): imipramina, amitriptilina, nortriptilina e desipramina, embora eficazes e ainda muito utilizados, apresentam efeitos adversos, não desejáveis. Os antidepressivos, inibidores seletivos da recaptação de serotonina (SSRIs): citalopram, fluoxetina, paroxetina e sertralina, apresentam eficácia clínica comparável aos clássicos ADTs, mas destituídos dos efeitos adversos associados aos mesmos. Os métodos convencionais, empregados no tratamento de amostras biológicas, para análises de antidepressivos por técnicas cromatográficas, têm sido a extração líquido-líquido e extração em fase sólida. A microextração em fase sólida tem sido empregada em diferentes análises em fluidos biológicos, porém essa técnica apresenta certas limitações como, o número limitado de fases extratoras disponíveis no comércio que sejam adequadas para a análise de compostos não iônicos. A avaliação de novas fases extratoras, mais seletivas, estáveis e de baixo custo tem sido requerida para a análise de fármacos. O interesse no uso de poli(pirrol) (PPY), como fase extratora para SPME, está relacionado às diferentes interações dos fármacos (hidrofóbicas, -, com o grupo funcional polar, troca iônica, ácido-base) aos grupos multifuncionais deste polímero. Sua polimerização pode ser alcançada tanto por oxidação química, quanto por eletrodeposição em meio aquoso ou orgânico. O método eletroquímico apresenta algumas vantagens, tais como: o polímero ou mistura de polimeros podem ser revestidos diretamente em um metal, incorporação de diferentes grupos funcionais, entre outras, a polimerização pode ser eletroquimicamente controlada através da voltametria cíclica. Neste trabalho o poli(pirrol) (PPY) foi eletrodepositado em eletrodo de aço inox e empregado para a microextração em fase sólida dos antidepressivos: paroxetina, fluoxetina, mirtazapina, duloxetina, sertralina e citalopram. As variáveis da eletrodeposição, número de ciclos e contra-íon empregado no processo de eletrodeposição foram otimizadas. Assim como as variáveis SPME: tempo, temperatura, pH e volume de amostra, e tempo e solvente de dessorção; almejando maior sensibilidade para o método SPME-PPY/LC UV proposto. A extração sortiva em barra de agitação (SBSE), técnica recente de preparo de amostras, para a pré-concentração de compostos orgânicos presentes em amostras biológicas, baseia-se na extração estática, através do polímero polidimetilsiloxano (PDMS), no qual ocorre a dissolução (sorção) do analito. Neste trabalho, as técnicas SBSE e cromatografia líquida de alta eficiência com detecção UV (SBSE/LC UV) foram avaliadas para a análise simultânea de antidepressivos em amostras de plasma para fins de monitorização terapêutica. As condições cromatográficas de análise, assim como as variáveis SBSE de extração (tempo, temperatura, força iônica, pH da matriz) e tempo de dessorção, foram otimizadas, visando adequada sensibilidade analítica. A validação analítica foi realizada segundo normas da ANVISA, para ambos os métodos propostos, em diferentes concentrações plasmáticas, as quais contemplam o intervalo terapêutico. Segundo os parâmetros de validação avaliados, os métodos SBSE/LCUV e SPMEPPY/LCUV padronizados poderão ser empregados nas análises dos antidepressivos, para fins de monitorização terapêutica.
Título em inglês
Developmento of polypyrrole SPME extraction phase and evaluation of the SPME/LC and SBSE/LC techniques to antidepressants plasma samples analyses
Palavras-chave em inglês
antidepressants
liquid chromatography
plasma sample.
poly(pyrrole)
Solid-phase microextraction
stir bar sorptive extraction
Resumo em inglês
Depression in the elderly is a persistent and recurrent disorder resulting from psychosocial stress or physiological effect or disease. This condition can lead to disability, cognitive impairment, enhanced symptoms of medical illnesses, increased use of health care services and, increased of suicide rates. Therapeutic monitoring allows individualization of the dose regimen, ensuring clinical effectiveness and minimizing the adverse effects of drugs, prescribed at the clinic. Antidepressants have been monitored because they present well - established therapeutic intervals; in other words, most of the patients present plasmatic concentrations within this fixed range, so that their psychiatric disorders are kept under control and the adverse effects are acceptable. The tricyclic antidepressants (ADTs) imipramine, amitriptyline, nortryptiline, and desipramine, have adverse effects. The selective serotonin reuptake inhibitors (SSRIs) antidepressants citalopram, fluoxetine, paroxetine, and sertraline, are clinically effectiveness as the classic ADTs, but they do not lead to the adverse effects associated to the latter. The conventional methods employed in the treatment of biological samples for analysis of antidepressants by chromatographic techniques have been the liquid-liquid extraction (LLE) and solid phase extraction (SPE) techniques. Solid-phase microextraction (SPME) has been used in various analyses of biological fluids. However, this technique has limitations such as the small number of comemercially available extracting phases that are appropriate for the analysis of non-ionic compounds. Investigation of new extraction phases that are more selective and stable, as well as inexpensive, has been requested for drug analysis. The interest in the use of poly(pirrole) (PPY) as an extraction phase for SPME is related to the different interactions of the drugs (hydrophobic, - , with the polar functional group, ionic exchange and acid-base) with the multifunctional groups on this polymer. The PPY polymerization can be achieved by chemical oxidation or electropolymerization in aqueous solution or organic solvents. The electrochemical method has advantages such as, the polymer or a mixes of polymers can be directly deposited on a metal wire, different functional groups can be incorporated, polymerization can be electrochemically controlled by cyclic voltammetry. In this work poly(pyrrole) was electropolymerized on stainless steel electrodes and employed for the solid phase microextraction of the antidepressants paroxetine, fluoxetine, mirtazapine, duloxetine, sertraline, and citalopram. The electropolymerization variables, the number of cycles and counterion employed in the process were optimized, as well as the SPME variables, time, temperature, pH, sample volume, and desorption solvent; aiming at a better sensibility for the proposed method SPME-PPY/LC-UV. The stir bar sorptive extraction (SBSE), recently established technique for samples preparation, that targets the pre concentration of organic compounds present in biological samples. It is based on static extraction, through the polymeric polydimethylsiloxane (PDMS), where there is analyte dissolution (sorption). In this work, the SBSE technique and liquid chromatography with UV detector (SBSE/LC-UV) were evaluated for the simultaneous determination of antidepressants in plasma samples for therapeutic monitoring purposes. The cromatographic conditions, the SBSE extraction variables (time, temperature, ionic strength and matrix pH), and the dessorption time were optimized for appropriate analytical sensibility. The analytical validation was accomplished according to the norms of ANVISA for both of the proposed methods, in different plasmatic concentrations, which contemplate the therapeutic interval. According to the evaluated validation parameters, the standardized methods SBSE/LC-UV and SPME-PPY/LC-UV can be used in the analyses of antidepressants for therapeutic drug monitoring purposes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tese.pdf (3.21 Mbytes)
Data de Publicação
2009-07-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.