• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Idalina Shiraishi Kakeshita
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Almeida, Sebastiao de Sousa (Presidente)
Alvarenga, Marle dos Santos
Ferreira, Sonia Regina Pasian
Galera, Cesar Alexis
Tavares, Maria da Consolação Gomes Cunha Fernandes
Título em português
Adaptação e validação de Escalas de Silhuetas para crianças e adultos brasileiros
Palavras-chave em português
Escala de Silhuetas
Estado Nutricional
Imagem Corporal
Índice de Massa Corporal
Obesidade
Resumo em português
Introdução: Desde a infância a percepção da imagem corporal é um importante componente da auto-estima. Ela é indispensável para a adequada interação do ser humano com o ambiente e para uma vida física e mental saudável. Objetivo: Adaptar uma Escala de Silhuetas, avaliar sua fidedignidade, validar sua utilização ao contexto brasileiro e avaliar a (in)satisfação com a imagem corporal. Método: A Escala de Silhuetas foi adaptada, a partir de trabalho anterior de mesma autoria, para crianças (7-12 anos) e adultos (18-59 anos). A amostra foi composta por 280 adultos voluntários: 138 mulheres e 142 homens, e por 160 crianças: 94 meninas e 66 meninos. Avaliou-se a fidedignidade das escalas adaptadas pela técnica teste-reteste. Foi solicitado a cada voluntário que escolhesse figuras de silhuetas que representassem seu tamanho corporal atual, desejado e ideal. Para a validação das escalas adaptadas, estas foram julgadas por especialistas da área. As figuras das escalas também foram ordenadas pelos voluntários, em série ascendente. Examinou-se a aplicação das escalas a grupos distintos por sexo e por classe de Índice de Massa Corporal (IMC). Resultados: A Escala de Silhuetas para adultos ficou composta por 15 cartões com figuras de silhuetas para cada sexo, e a escala para crianças ficou composta de 11 cartões com figuras de silhuetas para cada sexo. Foram obtidos coeficientes de correlação significativamente positivos no teste-reteste, tanto para adultos (r=0,93; p<0,01) quanto para crianças (r=0,68; p<0,01) para a escolha da figura atual. O julgamento por especialistas das figuras desenhadas e a ordenação destas pelos sujeitos da pesquisa foram satisfatórios. Houve diferença significativa entre o IMC das figuras escolhidas em relação ao IMC real, por sexo e classe de IMC, para adultos e crianças. Conclusão: Os resultados sugerem que as Escalas de Silhuetas adaptadas neste trabalho, para aplicação em crianças e adultos, apresentam boas qualidades psicométricas, podendo ser utilizadas na pesquisa clínica e epidemiológica.
Título em inglês
Adaptation and validation of a Figure Rating Scales for Brazilian children and adults
Palavras-chave em inglês
Body image
Body Mass Index
Figure Rating Scale
Nutritional status
Obesity
Resumo em inglês
Introduction: Since childhood the perception of body image is an important component of self-esteem. It is essential for a proper interaction of human beings with the environment and a healthy physical and mental life. Objective: The aim of this work was to adapt a Figure Rating Scale, to assess its reliability, to validate its use in Brazil, and to evaluate the body image (dis)satisfaction. Method: The Figure Rating Scale was adapted for adults (18-59 years) and for children (7-12 years) from a previously one developed by the same author. The sample was composed of 280 adult volunteers: 138 women and 142 men; and 160 children: 94 girls and 66 boys. Test-retest reliability was conducted. Each volunteer was asked to choose the cards of silhouette figures representing his/her current, desired and ideal body sizes. To validate the adapted scales, experts judged the figures concerning Body Mass Index (BMI). The volunteers were also asked to arrange the cards in ascending order. The use of the scale in different gender and BMI class groups was examinated. Results: The Figure Rating Scale for adults was composed by 15 cards for each gender and the scale for children was composed by 11 cards of silhouette figures for each gender. It was found significantly positive correlation coefficients on test-retest, for both adults (r=93, p<0,01) and children (r=68, p<0,01) for current figure chosen. The judgment of the scales by experts and the ordering of figures were satisfactory for adult and children adapted scales. There were significant differences for gender and BMI class, considering the chosen figures in relation to the actual BMI. Conclusion: These results suggest good psychometric qualities of the adapted Figure Rating Scales, to be applied to Brazilian adults and children. They provide a tool for clinical and epidemiological research on body image.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TESE.pdf (1.04 Mbytes)
Data de Publicação
2008-06-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.