• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.59.2005.tde-10072007-104528
Documento
Autor
Nome completo
Thamara Alessandra Braz da Silva Leal
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2005
Orientador
Banca examinadora
Zucoloto, Fernando Sergio (Presidente)
Souza, Jomara Alves Cangussu de
Teixeira, Isabel Ribeiro do Valle
Título em português
Comportamento de oviposição em Anastrepha obliqua (Macquart) (Diptera: Tephritidae): influência do alimento do adulto, indução comportamental e aprendizagem associativa
Palavras-chave em português
Anastrepha obliqua
Comportamento
Oviposição
Resumo em português
A hipótese sobre preferência de oviposição/performance do imaturo considera que a fêmea adulta estaria maximizando seu fitness ao ovipositar em hospedeiros que otimizam a performance da larva. Porém vários outros fatores podem atuar no momento da seleção de sítio para oviposição, dentre eles a influência do recurso alimentar utilizado pelo adulto, a indução comportamental e a aprendizagem associativa. O presente trabalho teve por objetivo responder às seguintes questões relacionadas ao comportamento de oviposição de Anastrepha obliqua: O carboidrato presente na dieta do adulto (glicose ou sacarose) pode exercer influência positiva sobre a preferência da fêmea por um sítio de oviposição com composição semelhante?(Fase 1) A experiência prévia com um hospedeiro que possui um dos dois carboidratos citados pode interferir em escolhas futuras entre sítios de oviposição (indução comportamental)? (Fase 2) As moscas associam uma substância estranha (sulfato de quinino) à presença de proteína no sítio de oviposição? (Fase 3) Na Fase 1, substratos para escolha contendo glicose ou sacarose foram colocados à disposição de moscas alimentadas com um desses dois carboidratos. Na Fase 2, as moscas, que tiveram contato prévio com sítios artificiais para oviposição constituídos por lêvedo e glicose ou lêvedo e sacarose, foram testadas quanto à preferência de oviposição entre esses dois tipos de substratos. As moscas dos dois grupos constituintes da Fase 3 tiveram contato, durante cinco dias, com substratos contendo lêvedo e sulfato de quinino. Depois desse período, as fêmeas escolheram entre substratos para oviposição contendo ou não a substância estranha. Em um grupo, os sítios artificiais continham lêvedo, no outro, apenas ágar. A preferência de oviposição nas três fases foi determinada através da quantidade de ovos depositados pelas fêmeas nos substratos para escolha. O tipo de carboidrato presente na dieta do adulto não exerceu influência positiva sobre a preferência de fêmeas de A. obliqua por um sítio artificial para oviposição com composição semelhante. Supõe-se que isso se deva às moscas, ao longo de suas vidas, terem contato com diversos recursos alimentares e para oviposição, e aos açúcares terem valor nutritivo adequado para a espécie. A influência da experiência (indução) no comportamento de oviposição foi notada quando o contato prévio foi com substratos contendo lêvedo e sacarose, e não quando as fêmeas tiveram contato anterior com os constituídos por lêvedo e glicose. Para explicar esse resultado, levantou-se a hipótese de ter havido, durante a evolução do grupo, uma pressão de seleção maior em favor da existência de indução comportamental decorrente do contato prévio com o carboidrato mais abundante na natureza (sacarose). Através dos experimentos realizados, não se verificou a associação do sulfato de quinino à presença de proteína no sítio de oviposição. No entanto, seria precipitado dizer que as fêmeas de A.obliqua não são capazes de fazer tal associação, uma vez que o comportamento de oviposição inclui várias etapas.
Título em inglês
Oviposition behavior in Anastrepha obliqua (Macquart) (Diptera: Tephritidae) influence of adult food, induced preference and associative learning
Palavras-chave em inglês
Anastrepha obliqua
Behavior
Ovipostion
Resumo em inglês
The hypothesis concerning the oviposition preference/immature performance considers that the adult female would be maximizing its fitness when ovipositing in hosts that optimize the larval performance. However, several other factors can act in the moment site selection for oviposition occurs, among them the influence of the alimentary resource used by the adult, the behavioral induction and the associative learning. The purpose of this study was to answer the following questions related to the Anastrepha obliqua oviposition behavior: Can the carbohydrate present in the adult diet (glucose or sucrose) exert positive influence on the female preference for an oviposition site with similar composition? (Phase 1) Can previous experience with a host that possesses one of the two mentioned carbohydrates interfere in choosing oviposition sites in the future (behavioral induction)? (Phase 2) Do the flies associate a foreign substance (quinine sulphate) to the presence of protein in the oviposition site? (Phase 3). In Phase 1, substrates for choice containing glucose or sucrose were offered to flies fed with one of the above mentioned carbohydrates. In Phase 2, the flies which had previous contact with artificial oviposition sites constituted by yeast and glucose or yeast and sucrose were tested concerning preference for oviposition between these two types of substrate. The two Phase 3 groups flies had contact during five days with substrates containing yeast and quinine sulphate. After that period, the females have chosen between oviposition substrates containing or not the foreign substance. In one group, the artificial sites contained yeast and in the other only agar. The oviposition preference in the three phases was determined by the amount of eggs deposited by the females in the substrates for choice.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
thamaraleal.pdf (48.10 Kbytes)
Data de Publicação
2015-04-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.