• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.58.2008.tde-31032008-162503
Documento
Autor
Nome completo
Luciana Aparecida Pereira Barbosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Silva, Ricardo Gariba (Presidente)
Cruz Filho, Antonio Miranda da
Vansan, Luiz Pascoal
Título em português
Análise preditiva da resistência à deflexão dos instrumentos rotatórios de NiTi em diferentes diâmetros nominais, conicidades e temperaturas.
Palavras-chave em português
análise preditiva
deflexão dos instrumentos
diâmetro nominal e conicidade
temperatura
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi avaliar a resistência à deflexão dos instrumentos endodônticos rotatórios K3 SybronEndo, de vários diâmetros nominais - padrão ISO - e diferentes conicidades, .02, .04 e .06. Avaliar se as alterações de temperatura de 25°C (ambiente) para 37°C (corpórea) e uma baixa temperatura 0°C influenciam de maneira significante na resistência à deflexão dos mesmos; e por último estabelecer uma equação para prever o comportamento desses instrumentos em relação a sua resistência à deflexão em diferentes ângulos de curvaturas. Foram utilizados cinco instrumentos K3 nos diâmetros nominais: #15, 20, 25, 30, 35, 40 e 45 nas três conicidades: .06, .04, .02 totalizando 105 instrumentos que foram submetidos a um teste de deflexão numa máquina universal, onde se avaliou a resistência à deflexão destes instrumentos de 0° (instrumentos sem deflexão, reto) até um ângulo de deflexão de 16° nas três diferentes temperaturas: 27°C, 37°C e 0°C. Foram obtidos resultados onde a resistência à deflexão dos instrumentos não foi influenciada de modo significante nas alterações de temperatura analisadas e não seguem um padrão linear. O diâmetro nominal e principalmente a conicidade (taper) dos instrumentos influenciam de maneira significante na resistência à deflexão dos mesmos. Um teste de regressão linear por função polinomial de primeiro grau indicou que esses instrumentos apresentavam uma resistência à deflexão que segue um padrão linear, e pôde ser predito através da seguinte equação: RD = a + bx onde se é possível calcular a resistência à deflexão de um instrumento em um determinado ângulo de curvatura do canal radicular.
Título em inglês
Predicted analyze of the resistance to the deflection of the NiTi rotary instruments in different nominal diameters, taper and temperatures.
Palavras-chave em inglês
deflexion of instruments
nominal diameter and taper
preditive analysis
temperature
Resumo em inglês
The aim of this work was to evaluate the resistance to the deflection of the SybronEndo K3 NiTi rotary instruments in relation to the nominal diameter standard ISO in the three tapers: .06, .04, .02; to evaluate if the temperature changes of 25°C (room temperature) to 37°C (body temperature) and a low temperature 0°C influence the resistance to the deflection of these instruments in a significant way; and at last, to establish an equation to foresee the behaviour of these instruments in relation to their resistance to the deflection in different angles of curvatures. Five K3 instruments were used in the nominal diameters: #15, 20, 25, 30, 35, 40, and 45 in the three tapers: .06, .04, .02 adding up 105 instruments, which were subjected to an deflection test in an universal machine, where it was evaluated the resistance to the deflection of these instruments of 0° (instruments without deflection, straight) until a angle of deflection of 16° in the three different temperatures: 27°C, 37°C and 0°C. It was obtained a result where the resistance to the deflection of the instruments was not influenced, in significant way, the analyzed temperature changes, and they do not follow a linear standard. The nominal diameter and mainly the taper of the instruments influence, in significant way, the Abstract resistance to the deflection of them. A linear regression test for polynomial function of first degree indicated that these instruments presented a resistance to the deflection that follows a linear standard, and it could be predicted through the equation: RD = a + bx where it is possible to calculate the resistance to the deflection of an instrument in a determinate angle of curvature of root canal.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
me_LucianaBarbosa.pdf (751.60 Kbytes)
Data de Publicação
2008-07-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.