• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Samuel Henrique Camara de Bem
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Pecora, Jesus Djalma (Presidente)
Cruz Filho, Antonio Miranda da
Estrela, Carlos
Simões, Waldocyr
Sousa Neto, Manoel Damião de
Título em português
Avaliação dos efeitos da irrigação ultrassônica passiva, por meio de microtomografia computadorizada, microscopia óptica e microscopia eletrônica de varredura
Palavras-chave em português
Camada de esfregaço ; Detritos ; Irrigação ultrassônica passiva
Resumo em português
O presente trabalho teve como objetivo determinar, por meio de microtomografia computadorizada (μCT), o aumento de volume interno, após realização da irrigação ultrassônica passiva (P.U.I.), em diferentes substratos (dentes humanos e bovinos); a remoção da camada de “smear” e “debris” do canal radicular, após a realização da P.U.I., com diferentes soluções irrigadoras finais, por meio de microscopia eletrônica de varredura (MEV) e microscopia óptica (MO). Para a verificação do aumento de volume interno vinte dentes (dez humanos e dez bovinos) foram selecionados e padronizados em 17 mm ± 1 mm de comprimento. Os dentes humanos foram preparados até o diâmetro final # 50/05, os dentes bovinos por possuírem canais amplos não receberam preparo biomecânico. Cada dente foi fixado na base da mesa giratória do aparelho de μCT e realizou-se o primeiro exame μCT. Os espécimes foram então submetidos a P.U.I. (aparelho EMS em frequência de 32 KHz) e em seguida foi realizado o segundo exame de μCT respeitando os mesmos padrões do primeiro exame. As imagens capturadas foram comparadas antes e depois da P.U.I. Para a verificação, da remoção da camada de “smear” e “debris”, foram selecionados 46 caninos inferiores. Os dentes foram preparados até o diâmetro final # 50/05 e submetidos a P.U.I. com diferentes soluções irrigadoras finais: G3 (Soro fisiológico); G4 (NaOCl 1 %); G5 (EDTA-C 17 %); G6 (NaOCl 1 % / EDTA-C 17 %). Após a P.U.I. vinte e quatro dentes foram preparados e analisados em MEV e vinte e dois dentes foram submetidos ao processamento histológico e analisados em MO. A presença da camada de “smear” foi determinada a partir da atribuição de escores que variaram de 1 - 4. A presença de “debris” foi determinada a partir da grade de integração do software Image J. Os dados obtidos foram analisados com auxílio do software BioEstat 5.0. Os resultados mostraram que a P.U.I. aumentou significativamente o volume interno do canal radicular nos dentes humanos (p=0,008) e bovinos (p=0,002). A P.U.I. não removeu a camada de “smear”; e não removeu “debris” (p=0,1923) de forma estatisticamente significativa. Concluiu-se que a P.U.I. não é passiva, ela promove alteração de volume no canal radicular, aumentando seu volume interno independentemente do substrato testado; não removeu a camada de “smear”, mas reduziu significativamente o tempo necessário para que a solução quelante final agisse; não promoveu a remoção de “debris” estatisticamente significativa, mas independentemente da solução irrigadora final, realizar a P.U.I. aumenta qualitativamente a remoção de “debris” do canal radicular.
Título em inglês
Evaluation of the effect of passive ultrasonic irrigation using computed microtomography, optical microscopy and scanning electron microscopy
Palavras-chave em inglês
Debris ; Passive ultrasonic irrigation ; Smear layer
Resumo em inglês
The aim of this study was to determine by μCT the internal volume increasing, after using of P.U.I., in different dental substrates (human and bovine); the removal of the smear layer and debris from the root canal, after using P.U.I. with different irrigation solutions, using SEM e OM. In order to verify the internal volume increasing, 20 teeth (ten humans and ten bovine) were selected and standardized with 17 mm ± 1 mm of length. Human teeth were prepared to a final diameter of #50/05. As the bovine teeth presents large root canal, they did not receive biomechanical preparation. Each tooth was fixed on a movable platform on the μCT device and the first test was carried out. The specimens were subjected to P.U.I. (EMS device with 32 KHz of frequency) in order to performed the second μCT test respecting the same standards. Images were captured and compared before and after P.U.I. Fourth six mandibular canine teeth were selected to verify the smear layer and debris removal. The teeth were prepared to the final diameter of #50/05 and subjected to P.U.I. with different irrigation solutions: G3 (Saline); G4 (NaOCl 1 %); G5 (EDTA-C 17 %); G6 (NaOCl 1% / EDTA-C 17 %). After P.U.I. 24 teeth were prepared and analyzed using SEM and 22 teeth were subjected to histological processing and thus analyzed with OM. The present smear layer was determined by score s' attribution ranging from 1 - 4. Presence of debris was determined by attribution of the screen integration from the Image J software. Data were analyzed with the support of BioEstat 5.0 software. The results showed that P.U.I. significantly increased the internal volume of root canal of human (p=0,008) and bovine teeth (p=0,002). The P.U.I. did not remove the smear layer nor debris (p=0,1923) statistically significant. It was concluded that P.U.I. is not passive, it increases the internal volume of root canal independently of the tested dental substrates; it did not remove the smear layer, but significantly decreased the onset of action of the final solution; it did not promote statistically significant differences regarding the debris removal however independently of the final irrigation solution to carry out P.U.I. increases the root canal debris removal.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.