• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.58.2014.tde-03022015-081237
Documento
Autor
Nombre completo
Agnaldo Rocha de Souza Júnior
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2014
Director
Tribunal
Mazzetto, Marcelo Oliveira (Presidente)
Jansen, Wellington Correa
Ribeiro, Ricardo Faria
Torres, Érica Miranda de
Título en portugués
Efeito dos processos de cristalização nas propriedades mecânicas e morfologia do sistema cerâmico de dissilicato de lítio
Palabras clave en portugués
cerâmica
microdureza
morfologia
resistência a flexão
Resumen en portugués
Com a crescente valorização da estética, o uso das cerâmicas a base de dissilicato de Lítio tem se destacado devido as suas propriedades estéticas e mecânicas. Contudo, este sistema exige um processo de cristalização complexo que limita o seu uso aos fornos mais sofisticados e de alto custo. Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de dois processos de cristalização na microdureza, resistência à flexão e morfologia do dissilicato de Lítio IPS e.max CAD. De 10 blocos do IPS e.max CAD obteve-se 60 corpos de prova que foram divididos entre o ensaio de microdureza Knoop (n=30) e resistência à flexão (n=30). Cada ensaio teve os corpos de provas separados em 3 grupos conforme processo de cristalização: G1- processo de cristalização preconizado pelo fabricante; G2- processo de cristalização simplificado; G3- sem cristalização. Análise morfológica foi realizada, qualitativamente, por confocal a laser em 1 amostra recolhida, aleatoriamente, de cada grupo do teste de resistência à flexão. Os dados obtidos na microdureza foram tabulados e analisados estatisticamente pelo teste de Friedman, enquanto que os dados da resistência a flexão foram analisados por Análise de Variância e teste de Tukey-Kramer, ambas as análise com significância de p≤ 0,05. Os resultados mostraram que a média da microdureza Knoop dos corpos de prova do grupo G3 (862,13 KHN) foi semelhante ao do grupo G2 (818,9 KNP) e estes foram significantemente maiores que o grupo G1 (645,13 KHN). A resistência à flexão dos corpos mostrou um valor maior para o grupo G1 (302,95 MPa), mas estatisticamente semelhante ao grupo G2 (277,7 MPa), os quais foram significantemente maiores que o grupo G3 (155,2 MPa). Morfologicamente o G3 apresentou uma superfície mais irregular seguido pelo G1, com uma superfície mais regular para o G2. Todos os dois processos de cristalização promoveram um aumento da resistência à flexão, no entanto o processo de cristalização simplificado promoveu uma maior microdureza e superfície mais regular.
Título en inglés
Effect of crystallization processes in mechanical properties and morphology of the lithium disilicate glass ceramic system
Palabras clave en inglés
ceramic
flexural strength
microhardness
morphology
Resumen en inglés
Due to the crescent appreciation for esthetic, the use of lithium disilicate glass ceramic has excelled because of their esthetic and mechanical properties. However, this system requires a complex process of crystallization which restricts his use to sophisticated and expensive ovens. This study aimed to evaluate the effect of two crystallization processes in hardness, flexural strength and morphology of the IPS e.max CAD lithium disilicate. Ten blocks of IPS e.max CAD generated 60 specimens that were divided between the Knoop micro hardness test (n = 30) and flexural strength (n = 30). Each trial had the bodies of evidence separated into 3 groups according to the crystallization process: G1-crystallization process recommended by the manufacturer; G2-simplified process of crystallization; G3 without crystallization. It was performed a morphological analysis, qualitatively, by confocal laser scanning microscopy on one sample taken randomly from each group for the flexural strength test. The data obtained by the micro hardness test were statistically analyzed Friedman tests, while the flexural strength data were analyzed by analysis of variance and Tukey-Kramer test, both analysis with significance set at p≤ 0.05. The results showed that the average micro hardness of the specimens in group G3 (862.13 KHN) was similar to G2 (818.9 KNP) and these were significantly higher than the G1 group (645.13 KHN). The flexural strength of the specimens showed a higher value for G1 (302.95 MPa), but statistically similar to G2 (277.7 MPa), which were significantly higher than the G3 group (155.2 MPa). Morphologically G3 exhibited a more irregular surface followed by G1, with a surface more regular for G2. Both of crystallization processes promoted a gain in flexural strength. However, the simplified crystallization process promoted a greater hardness and more regular surface.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2015-11-13
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.