• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.58.2007.tde-13122007-085231
Documento
Autor
Nome completo
Luciana de Paula Ribeiro dos Santos Porto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Fernandes, Regina Maura (Presidente)
Bezzon, Osvaldo Luiz
Silva Filho, Cicero Eleuterio da
Sinhoreti, Mário Alexandre Coelho
Zaniquelli, Osvaldo
Título em português
Estudo in vitro da estabilidade de cor e opacidade de cinco sistemas cerâmicos sob influência do envelhecimento artificial acelerado
Palavras-chave em português
envelhecimento artificial
espectrofotometria
porcelana dental
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar a estabilidade de cor e opacidade de cinco sistemas cerâmicos glazeados naturalmente e com pintura extrínseca, utilizando os espectrofotômetros Color Guide 45/0 (BYK-Gardner) e Easyshade (Vita), sob influência do envelhecimento artificial acelerado. Foram confeccionados 14 corpos de prova para cada grupo testado de cerâmica - metalocerâmica Ceramco 3 (Dentsply) (grupo 1), cerâmica pura Ceramco 3 (grupo 2), cerâmica pura EX -3 (Noritake) (grupo 3), Vitroceram (Angelus) recoberta com Allceram (Degudent) (grupo 4) e Vitroceram recoberta com Cerabien (Noritake) (grupo 5). Sete corpos de prova de cada grupo cerâmico foram glazeados naturalmente e sete foram submetidos à pintura extrínseca com pigmento Vita Chrom 712. Uma leitura inicial foi realizada em todos os corpos de prova utilizando o espectrofotômetro Color Guide, obtendo valores de opacidade e das coordenadas L*, a*, b* e E*; e utilizando o espectrofotômetro Easyshade, obtendo valores de L*, C*, h* e E*. Após o envelhecimento artificial de 500h, foram realizadas novas leituras nos espectrofotômetros. Os resultados encontrados foram submetidos à análise estatística e concluiu-se que os grupos 2, 3 e 4 foram influenciados estatisticamente pelo envelhecimento artificial acelerado quanto à opacidade; e que o grupo 5 foi o que obteve o pior desempenho de estabilidade de cor (E* = 3,32 - VTCE e E* = 2,68 = VTCEPE) para o espectrofotômetro Color Guide. Com o espectrofotômetro Easyshade os grupos 4 e 5 e as cerâmicas MC, CER, EX foram considerados ineficazes quanto à estabilidade de cor (p<0,05).
Título em inglês
"In vitro" study of color stability and opacity of five ceramic systems under influence of accelerated aging
Palavras-chave em inglês
accelerated aging
dental porcelain
spectrophotometry
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate the color stability and opacity of five ceramic systems naturally glazed and with extrinsic porcelain colorant, under influence of accelerated aging, using two spectrophotometers Color Guide 45/0 (BYK-Gardner) and Easyshade (Vita) as a tool for color and opacity measurement. Fourteen samples were provided for each tested group of ceramics: metal-ceramic Ceramco3 (Dentsply) (Group 1), Ceramco3 (Group 2), EX3 (Noritake) (Group 3), Vitroceram (Angelus) with Allceram (Degudent) (Group 4) and Vitroceram with Cerabien (Noritake) (Group 5). Seven samples of each group were submitted to extrinsic colorant (Vita Chrom 712) and the other seven were naturally glazed. An initial measurement was performed and the values of opacity, L*, a*, b* and E* were obtained using the Color Guide spectrophotometer, and using Easyshade the values of L*, C*, h* and E* were obtained. After the process of 500h accelerated aging a new measurement was performed for all samples. The results were statistically analyzed and the conclusion was that the opacity of groups 2, 3 and 4 were statistically influenced by the accelerated aging and the group 5 had the worst assessment in color stability (E* = 3,32 - VTCE e E* = 2,68 - VTCEPE) with the Color Guide spectrophotometer. With Easyshade, groups 4 and 5 and MC, CER and EX ceramics were considered ineffective as for color stability (p<0,05).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
do_Luciana_Porto.pdf (1.73 Mbytes)
Data de Publicação
2008-01-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.