• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.55.2018.tde-24102018-151910
Documento
Autor
Nome completo
Lucas Daniel Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2018
Orientador
Banca examinadora
Rodrigues Junior, José Fernando (Presidente)
Bressan, Graça
Isotani, Seiji
Zaina, Luciana Aparecida Martinez
Título em português
Técnicas de aprendizado de máquina aplicadas à classificação de estudantes a partir de estilos de aprendizagem
Palavras-chave em português
Aprendizado de máquina
Aprendizagem adaptativa
Estilos de aprendizagem
Felder-Silverman
Sistemas educacionais adaptativos
Resumo em português
Com efeito, diversos estudos nas áreas de psicologia cognitiva e pedagogia apontam que cada indivíduo possui diferentes maneiras de captar, processar, analisar e organizar informações durante o processo de aprendizado, o que fundamenta o conceito de Estilos de Aprendizagem (EA). Em vista disso, diversos sistemas educacionais adaptativos foram propostos com o intuito de proporcionar conteúdo personalizado em seus cursos. Porém, em boa parte dos casos, estes sistemas fazem uso de questionários para identificar os estilos de aprendizagem, e este método pode mostrar-se inviável em algumas situações. Isso ocorre pois o preenchimento dos questionários demanda um esforço adicional por parte do aluno, além fazer uma avaliação estática dos EA, desconsiderando possíveis variações em suas preferências ao longo do tempo. Supõe-se que uma estratégia de detecção automática e dinâmica dos EA baseada no comportamento dos estudantes pode ser mais proveitosa neste sentido, pois é isenta destas limitações. Deste modo, a proposta neste trabalho é investigar diferentes técnicas relacionadas ao aprendizado de máquina (especialmente algoritmos de classificação) aplicadas à predição automática dos estilos de aprendizagem de estudantes, a partir de suas interações em um ambiente virtual de ensino. Dentre os inúmeros modelos de EA propostos na literatura, optou-se por usar o modelo de Felder-Silverman como base para os experimentos. Como estudo de caso, foram rastreadas as interações de 105 estudantes de um curso de pós-graduação em fonoaudiologia ministrado integralmente pelo sistema Moodle. Além disso, estes alunos foram solicitados a responder ao questionário ILS, o qual indica a preferência de cada indivíduo de acordo com o modelo de Felder-Silverman. Para a construção dos conjuntos de dados, foram coletadas informações como a quantidade de visitas, tempo gasto e interação dos usuários em cada tipo de recurso (recursos de vídeo, formulários de avaliação, fórum, etc.). Estes conjuntos de dados no formato atributo-valor serviram de entrada para quatro algoritmos de classificação: Naïve Bayes, aprendizado baseado em instâncias (kNN), Redes Neurais Artificiais (MultiLayer Perceptron) e Árvores de Decisão (J48), combinados com métodos de seleção de atributos e executados em validação cruzada. Para fins de experimentação, foram avaliadas as taxas de acertos e erros dos algoritmos em relação aos resultados apontados pelo questionário ILS, em cada umas das dimensões do modelo de Felder-Silverman. Os resultados apontaram para o uso de mais de um classificador - Naïve Bayes e aprendizagem baseada em instância - dependendo da dimensão do estilo de aprendizagem. A metodologia aplicada foi comparada com sete trabalhos correlatos da literatura; Os resultados demonstraram uma performance superior aos trabalhos anteriores em quase todas as dimensões. Portanto, o presente trabalho contribui para o contexto da informática aplicada à educação, especificamente no que diz respeito à implementação de sistemas educacionais adaptativos, com base em uma análise comparativa entre diferentes técnicas aplicadas ao mesmo problema. Sendo assim, as conclusões obtidas devem colaborar para o aprimoramento do processo de modelagem de estudantes. Além disso, são levantadas discussões a respeito dos resultados, que podem auxiliar na direção de futuros trabalhos da área.
Título em inglês
Machine Learning techniques applied to automatic detection of Learning Styles in educational systems
Palavras-chave em inglês
Adaptative learning
Adaptive educational systems
Felder-Silverman
Learning styles
Machine learning
Resumo em inglês
In fact, several studies in the areas of cognitive psychology and pedagogy point out that each individual has different ways of capturing, processing, analyzing and organizing information during the learning process, which supports the concept of Learning Styles (LS). Therefore, several adaptive educational systems were proposed with the aim of providing personalized content in their courses. However, in most cases, these systems use questionnaires to identify learning styles, and this method may prove unfeasible in some situations. This is because filling in the questionnaires requires an additional effort on the part of the student, besides, this approach makes a static evaluation of the LS, disregarding possible variations in their preferences over time. It is assumed that an automatic and dynamic detection of LS based on student behavior may be more useful in this sense, since it is exempt from these limitations. In this way, the proposal in this work is to investigate different techniques related to machine learning (especially classification algorithms) applied to the automatic prediction of student learning styles, based on their interactions in a virtual teaching environment. Among the many LS models proposed in the literature, we chose to use the Felder-Silverman model (FSLSM). As a case study, the interactions of 105 students from a post-graduate course in speech therapy were studied. In addition, these students were asked to respond to the ILS questionnaire, which indicates the preference of each individual according to FSLSM. In order to construct the data sets, information was collected such as the number of visits, time spent and user interaction in each type of resource (video resources, evaluation forms, forum, etc.). These data sets in the attribute-value format served as input to four classification algorithms: Naïve Bayes, instance-based learning (kNN), MultiLayer Perceptron and Decision Trees (J48), combined with attribute selection methods and executed in cross-validation. For the experimentation, the accuracy and error rates of the algorithms were evaluated in relation to the results indicated by the ILS questionnaire, in each one of FSLSM dimensions. Our results pointed out to the use of more than one classifier, Naïve Bayes and Instance-based Learning, depending on the learning style dimension. We compared our methodology to seven works of the literature; the results demonstrated a performance superior to the previous works in almost every dimension. The present work contributes to the context of informatics applied to education, specifically with regard to the implementation of adaptive educational systems, based on a comparative analysis of different methods applied to the same problem. Therefore, the conclusions obtained should contribute to the improvement of the student modeling process. In addition, discussions are held regarding the results, which may assist in the direction of future work in this area.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-10-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.