• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2015.tde-23092015-154635
Documento
Autor
Nome completo
Danira Tavares Francisco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Wertzner, Haydée Fiszbein (Presidente)
Jesus, Luis Miguel Teixeira de
Nemr, Nair Katia
Título em português
Contorno de língua na produção do /s/ e /?/ na fala de adultos e crianças com e sem transtorno fonológico
Palavras-chave em português
Desenvolvimento da linguagem.
Fala
Língua
Técnicas e procedimentos diagnósticos
Transtornos da articulação
Ultrassonografia
Resumo em português
Introdução: A Fonoaudiologia é uma ciência da área da saúde que busca promover, prevenir, diagnosticar e reabilitar as questões relacionadas à comunicação dos indivíduos. Assim, torna-se importante o desenvolvimento de tecnologias para aprimorar a sua prática - que deve se basear em evidências - e os instrumentos de análise articulatória têm auxiliado no entendimento sobre como a paciente aprende e produz determinados fonemas. O objetivo do estudo foi descrever os tipos de configuração de contorno de língua, por meio da Ultrassonografia aplicada na produção de Fala (USF), nas produções de /s/ e /?/ na fala de adultos, crianças com desenvolvimento típico de fala e linguagem e crianças com Transtorno Fonológico (TF). A utilização da Ultrassonografia como ferramenta para análise articulatória é recente na Fonoaudiologia, mas tem demonstrado importantes contribuições no diagnóstico e intervenção. Delinear o padrão de articulação em adultos falantes do Português Brasileiro, por meio da USF, pode fornecer informações importantes a respeito das variações observadas na produção dos sons de fala, além de possibilitar comparações entre as variações das produções apresentadas por crianças que estão em desenvolvimento e que podem ou não apresentar alterações de fala e linguagem. Dentre as alterações de fala e linguagem mais constantes na clínica fonoaudiológica está o TF, bastante ocorrente na população infantil, porém sem causa definida. O TF tem sido objeto de estudo de muitos profissionais da área, uma vez que apresenta heterogeneidade quanto à gravidade, manifestações e fatores associados. A motivação de estudar as sibilantes /s/ e /?/ decorreu do fato de que as consoantes coronais fricativas /s z ? ?/ são sons de fala com aquisição tardia no desenvolvimento típico e os mais comuns de sofrerem distorções e substituições. Métodos: Participaram do presente estudo 15 adultos entre 18 anos e 11 meses e 28 anos e 5 meses de idade, 13 crianças sem alterações de fala e linguagem, entre 6 anos e 7 anos e 11 meses de idade e sete crianças com TF, com o Processo Fonológico de Frontalização de Palatal (FP), entre 5 anos e 2 meses e 7 anos e 3 meses de idade. Para todos os sujeitos, foram aplicadas e analisadas as provas diagnósticas de Fonologia e, posteriormente, a USF. A coleta das imagens da USF foi realizada em vista Sagital. O contorno da superfície de língua foi traçado individualmente no software AAA para cada uma das cinco produções dos alvos /s/ e /?/ de cada sujeito. Os contornos de língua foram analisados de forma qualitativa e quantitativa, por meio da mensuração de 11 pontos delimitados numa grade radial sobreposta ao contorno de língua na USF. Resultados: Foi possível observar que há, pelo menos, quatro possibilidades de configuração de língua na articulação do /s/ na fala de adultos e crianças com desenvolvimento típico. Para as crianças com TF, foram observadas três dessas configurações. A produção do /?/ não foi tão variada a ponto de serem observadas configurações de contorno de língua distintas, entre os sujeitos. Conclusões: O estudo foi efetivo para descrever os tipos de configuração de contorno de língua, por meio da USF, nas produções do /s/ e /?/, diferenciando a produção desses fonemas na fala de adultos, crianças com desenvolvimento típico e crianças com TF
Título em inglês
Tongue contour in the production of /s/ and / ?/ in the speech of adults, typically developing children and children with speech sound disorder
Palavras-chave em inglês
Articulation disorders
Diagnostic techniques and procedures
Language development
Speech
Tongue
Ultrasonography
Resumo em inglês
Introduction: The Speech-Language-Hearing Sciences is a health' science that aims to promote, prevent, diagnose and rehabilitate the issues related to human communication. Therefore it is important to develop technologies to improve the evidence based practice. Articulatory analysis tools has helped in the understanding on how the patient learns and produces certain phonemes. The aim of this study was to describe the different types of tongue contour based on the ultrasound tongue imaging (UTI) during the production of the sounds /s/ and /?/ in adult speech, typically developing children and children with Speech Sound Disorder (SSD). The use of UTI as a tool for articulation analysis is recent in Speech-Language-Hearing Sciences but has been demonstrating to be an important tool in the diagnosis and intervention of SSD. The design of the Brazilian Portuguese-speaking adults articulation's pattern by the UTI may provide important information about the modifications observed during the production of speech sounds as it enables comparisons between variations of the productions presented by children who are under development and that may or may not have SSD. SSD is a very common and quite occurring speech disorder in children but has not a definite cause yet. The SSD has been studied by many speech and language pathologists as it is a heterogeneous pathology in terms of severity, manifestations and associated factors. The motivation to study the sibilants /s/ and /?/ was based on the fact that the coronal fricatives consonants /s z ? ?/ are speech sounds with late acquisition in typically developing and also sounds that are frequently distorted or substituted by others. Methods: The study included 15 adults aged between 18 years and 11 months and 28 years and 5 months old, 13 typically developing children without speech and language impairments aged between 6 years old and 7 years and 11 months old and seven children with SSD, with the phonological process of palatal fronting (PF) aged from 5 years and 2 months and 7 years and 3 months old. The tongue contours were analyzed qualitatively and quantitatively by measuring 11 fans delimited in a radial grid superimposed on the tongue contour at UTI. The diagnostic tests of phonology followed by the UTI analysis were applied to all subjects. Data collection for the UTI analysis was performed in sagittal view. The tongue contour was traced individually for the five productions with the target sounds /s/ and /?/ using the AAA software for analysis. Results: Results demonstrated that there are at least four tongue setting possibilities to produce the sound /s/ in both adults and typically developing children´s speech. Three of these settings were observed for children with SSD. No different tongue settings were observed between groups during the production of the sound /?/. Conclusions: The study was effective to describe the types of tongue contour settings using UTI and also to differentiate the production of the sounds /s/ and /?/ in the speech of adults, typically developing children and children with SSD
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-09-23
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • WERTZNER, H. F., Francisco, DT, and PAGAN-NEVES, L. O. Fatores causais e aplicação de provas complementares relacionadas à gravidade no transtorno fonológico [doi:10.1590/S1516-80342012000300011]. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia [online], 2012, vol. 17, p. 299-303.
  • Francisco, DT, PAGAN-NEVES, L. O., e WERTZNER, H. F. Aplicação da ultrassonografia de fala como ferramenta auxiliar ao diagnóstico do transtorno fonológico. In 4o. Seminário de Aquisição Fonoaudiológica, Santa Maria, 2013. Anais do 4o. Seminário de Aquisição Fonoaudiológica., 2013. Resumo.
  • WERTZNER, H. F., Francisco, DT, e PAGAN-NEVES, L. O. Tongue contour in 'ch' sound for Brazilian Portuguese-speakers with SSD: a pilot study using ultrasound. In Ultrafest VI, Edinburgh, 2013. Anais do Ultrafest VI., 2013. Resumo.
  • WERTZNER, H. F., et al. Comparison between stimulability & articulation rate in speech sound disorder. In 2011 ASHA Convention, San Diego, CA, 2011. Anais do 2011 ASHA Convention., 2011. Abstract.
  • WERTZNER, H. F., et al. Descrição de medidas de produção de fala de sons vozeados em crianças com transtorno fonológico. In XX Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Brasília, 2012. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento Especial., 2012. Resumo. Dispon?vel em: http://www.sbfa.org.br/portal/suplementorsbfa.
  • WERTZNER, H. F., et al. Speech inconsistency and articulation rate in children with SSD. In 29th World Congress of the IALP, Turim, Itália, 2013. Anais do 29th World Congress of the IALP., 2013. Resumo.
  • WERTZNER, H. F., Francisco, DT, e PAGAN-NEVES, L. O. Influência da inconsistência de fala na gravidade e na taxa articulatória no transtorno fonológico. In XX Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Brasília, 2012. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento Especial., 2012. Resumo. Dispon?vel em: http://www.sbfa.org.br/portal/suplementorsbfa.
  • Wertzner, Haydée Fiszbein, Francisco, DT, and Pagan-Neves, Luciana de Oliveira. Articulation rate and speech inconsistency measures according to the sounds stimulability. In 2012 ASHA Convention, Atlanta, 2012. Anais do 2012 ASHA Convention., 2012. Abstract.
  • WERTZNER, H. F., Francisco, DT, e PAGAN-NEVES, L. O. Aplicação da ultrassonografia de fala na intervenção fonoaudiológica em alterações de fala. In Giovana Ferreira-Gonçalves & Mirian Rose Brum-de-Paula. Dinâmica dos movimentos articulatórios: sons, gestos, imagens. Organizador. Pelotas : UFPEL, 2013{Volume}. cap. 1, p. 111-126.http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5170/tde-23092015-154635/
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.