• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2015.tde-12062015-094804
Documento
Autor
Nome completo
Larriane Karen de Campos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Fernandes, Fernanda Dreux Miranda (Presidente)
Amato, Cibelle Albuquerque de La Higuera
Netrval, Danielle Azarias Defense
Título em português
Comparação entre o perfil escolar e as habilidades cognitivas e de linguagem de crianças e adolescentes do espectro do autismo
Palavras-chave em português
Adolescentes
Cognição
Comunicação
Crianças
Ensino fundamental e médio
Linguagem
Transtorno autístico
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi verificar a correlação entre tempo de permanência semanal na escola, e o desempenho de crianças com Transtorno do Espectro do Autismo em teste de inteligência não verbal e em habilidades comunicativas e de comportamento. Participaram desse estudo 44 crianças e adolescentes, com idade entre 6 e 12 anos. O protocolo aplicado envolveu: um questionário para o levantamento do perfil escolar, um protocolo para levantamento da severidade das inabilidades comunicativas e de comportamento, e um teste de inteligência não verbal. Todos os participantes estão matriculados em escolas regulares. Dos 44 participantes, 20 não responderam ao teste de inteligência não verbal; assim, eles foram divididos em dois grupos: - Grupo A: 24 participantes avaliados quanto a desempenho em inteligência não verbal e habilidades comunicativas e de comportamento e Grupo B, com 20 participantes avaliados quanto às habilidades comunicativas e de comportamento. Os resultados mostraram, no Grupo A, correlação positiva significativa entre a frequência escolar e a inteligência não verbal, e correlação negativa significativa entre frequência escolar e as inabilidades em linguagem expressiva e pragmática/social. No que diz respeito ao Grupo B houve tendência a correlações negativas em todas as relações, mas significância apenas com relação às inabilidades pragmática/social. De forma geral os resultados de ambos os grupos indicam que crianças com melhores resultados em inteligência não verbal e melhores habilidades de comunicação e comportamento tendem a permanecer mais tempo na escola por semana. Apenas 41% dos participantes permaneciam na escola 100% do tempo previsto em cada semana. A discussão envolve a importância da efetiva inclusão para o desenvolvimento da criança e os instrumentos legais que garantem os direitos de todas as crianças a processos de escolarização adequados
Título em inglês
Comparison between the school profile and language and cognitive abilities of children and adolescents of the autism spectrum
Palavras-chave em inglês
Adolescent
Autism disorder
Child
Cognition
Communication
Education primary and secondary
Language
Resumo em inglês
The purpose of this study was to verify the association of the time spent at school per week and the performance of children and adolescents of the autism spectrum in non-verbal intelligence test and communicative and behavior abilities. Participants were 44 children and adolescents with ages between 6 and 12 years. The protocol applied was: a questionnaire to the determination of the school profile, a protocol to the assessment of the severity of the impairments in communication and behavior and a test of non-verbal intelligence. All participants were enrolled in regular schools. Of the 44 participants, 20 didn't respond to the non-verbal intelligence test, therefore they were divided in two groups: Group 1: 24 participants, assessed in non-verbal intelligence, behavior and communication abilities and Group B, assessed in communication and behavior abilities. Results have shown, in Group A significant positive correlation between the time spent at school per week and non-verbal intelligence and significant negative correlation regarding impairments in expressive language and social/pragmatic abilities. In what refers to Group B there was a tendency to negative correlations in all associations but it was significant just regarding social pragmatics. The overall results to both groups indicate that children with higher non-verbal intelligence scores and better communication and behavior abilities tend to spend more time at school per week. Only 41% of the participants spent 100% of the predicted time at school every week. Discussion brings the focus to the notions regarding the importance of schooling to the child's development and the legal instruments that guarantee the rights of all children to receive adequate schooling processes
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-12
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • AMATO, Cibelle Albuquerque de La Higuera, et al. Fatores intervenientes na terapia fonoaudiológica de crianças autistas [doi:10.1590/S1516-80342011000100019]. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia [online], 2011, vol. 16, p. 104-108.
  • FERNANDES, F. D. M., et al. Incidência das alterações de fala e linguagem em um centro de saúde da cidade de São Paulo: a última década. In V Congresso Internacional, XI Congresso Brasileiro, I Encontro Cearense de Fonoaudiologia, Fortaleza, 2003. Suplemento Especial da Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, ano 8, n.1 - Junho 2003., 2003. Resumo.
  • FERNANDES, F. D. M., e CAMPOS, L. K. Comparação do perfil escolar e escore de inteligência não-verbal em crianças do espectro do autismo. In 21º Congresso Brasileiro e 2º Ibero-Americano de Fonoaudiologia, Porto de Galinhas, 2013. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia., 2013. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.