• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2008.tde-02022009-092434
Documento
Autor
Nome completo
Maria Gabriela Bernardo da Cunha
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Zilberstein, Bruno (Presidente)
Bresciani, Claudio Jose Caldas
Navas, Deli Montanari
Título em português
Avaliação vocal de pacientes portadores de obesidade mórbida candidatos à cirurgia bariátrica
Palavras-chave em português
Acústica da fala
Distúrbios da voz
Obesidade mórbida
Rouquidão
Resumo em português
A obesidade é uma endemia, com prevalência estimada, entre os anos de 1989 e 1994, de quase 40% na população norte-americana e 20% na população brasileira, que traz diversos problemas de saúde no seu contexto biopsicossocial. Dentre essas comorbidades discute-se a característica da voz destes indivíduos. O objetivo deste estudo foi caracterizar os parâmetros vocais dos indivíduos portadores de obesidade mórbida, comparado-os aos de indivíduos não obesos, através da análise acústica e perceptivo-auditiva no sentido de caracterizar seu padrão vocal. Método: Foram selecionados 45 indivíduos adultos voluntários do Ambulatório de Obesidade da Disciplina de Cirurgia do Aparelho Digestivo, de ambos os sexos com IMC acima de 35 Kg/m2. Para cada indivíduo do grupo em estudo, foi selecionado também um individuo adulto voluntário, pareado por sexo, idade e tabagismo, porém com IMC abaixo de 30 Kg/m2. Todos os indivíduos foram submetidos a exame laringológico e à gravação da voz no Setor de Fonoaudiologia do Ambulatório de Otorrinolaringologia. Foi realizada análise estatística onde os valores de p menores que 0,05 foram considerados estatisticamente significantes. Os resultados mostraram que os indivíduos portadores de obesidade mórbida apresentaram mais frequentemente: sinais laríngeos sugestivos de lesão por RGE; 4 vezes mais rouquidão, 3 vezes mais instabilidade, 5 vezes mais soprosidade; 5 vezes mais estrangulamento aos finais das emissões; Jitter, Shimmer e Ruído alterados e Tempos Máximos Fonatórios inferiores em relação aos indivíduos do grupo controle. Concluiu-se que o indivíduo portador de obesidade mórbida tem sua voz caracterizada como: rouca, soprosa e com instabilidade fonatória, com Jitter e Shimmer alterados, TMF diminuídos e com presença de estrangulamento da voz ao final das emissões.
Título em inglês
Voice characterization in individuals suffering from morbid obesity
Palavras-chave em inglês
Hoarseness
Obesity morbid
Speech acoustics
Voice disorders
Resumo em inglês
Obesity is an endemic illness whose estimated prevalence, from 1989 to 1994, was 40% amongst North American people and 20% amongst Brazilian people. It is a disease that causes several health problems on a biopsychosocial basis. Amongst these consequences of obesity, the voice characteristics of affected people is a target of discussion and analysis. The purpose of this study was to set the voice patterns of people affected by morbid obesity, by making a comparison to the voice patterns of people who are not fat. The comparison was made through the acoustic and auditory-perceptive analysis in order to establish the voice patterns. Method: We have selected 45 adults who are volunteers coming from the Center for Obesity Specialized in the Digestive System Surgery. The selected people were men and women whose Body Mass Index (BMI) is higher than 35 kg/ m2. For each person selected, there is another one, also adult, same sex, age and smoking habit, but with a BMI under than 30 kg/ m2. All the volunteers made laryngology test and their voice was recorded in the Phonoaudiology Department, from the Center of Otorhinolaryngology. We prepared the statistics, disregarding the values under 0.05, considered statistically insignificant. The results showed that the patients affected by morbid obesity presented more frequently: signs on their larynx that indicate gastroesophageal reflux (GER); 4 (four) times more hoarseness, 3 (three) times more instability, 5 (five) times more vocal fatigue and breathing; 5 (five) times more voice cracking. Besides these disabilities, people affected by morbid obesity presented changes in Jitter, Shimmer and Noise, as well as low Maximum Phonation Time (MPT). We conclude that people affected by morbid obesity present roughness, breathness with phonatory instability, changes in Jitter and Shimmer, low MPT and cracking voice
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
MariaGBCunha.pdf (699.16 Kbytes)
Data de Publicação
2009-02-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.