• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2006.tde-12042006-135835
Documento
Autor
Nome completo
Ernesto Reggio
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Pompeo, Antonio Carlos Lima (Presidente)
Antonopoulos, Ioannis Michel
Figueiredo, José Alaor de
Hering, Flávio Luiz Ortiz
Rocha, Luis Carlos de Almeida
Título em português
"Tratamento percutâneo do adenocarcinoma de próstata por crioablação"
Palavras-chave em português
Adenocarcinoma
Criocirurgia/métodos
Próstata
Resumo em português
Diversas são as formas de tratamento do câncer de próstata, com resultados oncológicos e complicações variadas . A crioablação foi proposta nos anos 60 e com a evolução dos métodos de imagem a técnica ressurgiu; 44 pacientes, divididos em 3 grupos (portadores de tumor de alto risco, tumores de baixo risco e falha de tratamento após radioterapia) foram submetidos a crioterapia por via percutânea transperineal. Sobrevida livre de doença foi de 87% no grupo baixo risco, 34% no grupo alto risco e 58% no grupo de resgate após falha de radioterapia. A complicação mais freqüente foi disfunção erétil (94,5%); obstrução infravesical ocorreu em 9 pacientes (20,4%); 6 pacientes (13,6%) apresentaram algum grau de incontinência urinária. Não houve nenhum caso de fístula uretroretal ou mortalidade relacionada ao procedimento
Título em inglês
Percutaneous treatment of prostate adenocarcinoma by cryoablation
Palavras-chave em inglês
Adenocarcinoma
Cryosurgery/methods
Prostate
Resumo em inglês
There are several treatments for prostate cancer with an assorted oncologic results and complications. Cryoablation was proposed in the 60 and the improvement of radiological techniques allowed the perineal percutaneous treatment; 44 patients divided into three groups (high risk tumors, low risk tumors and patients with recurrent prostate cancer following radiotherapy) were submitted to perineal percutaneous prostate cryoablation. Biochemical-free survival was 87% in low risk group, 34% in the high-risk group and 58% in salvage cryoablation. Erectile dysfunction was the most frequent complication (94,5%); Infravesical obstruction occurred in 20,4% of the patients and six (13,6%) developed urinary incontinence. There were no urethrorectal fistulae or mortality related to the procedure
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-05-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.