• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2007.tde-18062007-115245
Documento
Autor
Nome completo
Felipe Nasser
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Carnevale, Francisco Cesar (Presidente)
Caldas, José Guilherme Mendes Pereira
Castro, Claudio Campi de
Laginha, Fábio Martins
Messina, Marcos de Lorenzo
Título em português
Avaliação clínica e técnica do tratamento endovascular percutâneo na síndrome da congestão pélvica através da técnica de embolização
Palavras-chave em português
Diagnóstico diferencial
Dor pélvica/diagnóstico
Dor pélvica/terapia
Embolização terapêutica
Varizes
Resumo em português
Um conjunto de evidências sugere que a síndrome da congestão pélvica está associada às varizes pélvicas. A congestão pélvica é explicada em muitos casos pela insuficiência das veias ovarianas em drenar o fluxo venoso dos ovários. No presente estudo, realizou-se a avaliação clínica e técnica do tratamento endovascular percutâneo na síndrome da congestão pélvica através da técnica de embolização. Foram tratadas 113 mulheres, das quais 100 foram acompanhadas pelo período de um ano e a análise dos resultados foi baseada nessa amostra. Os resultados clínicos foram baseados na avaliação da sintomatologia durante o período de acompanhamento, com a utilização da escala visual analógica. A avaliação técnica baseou-se no sucesso da realização dos procedimentos e na avaliação das complicações. As pacientes selecionadas com diagnóstico clínico da síndrome foram submetidas ao estudo angiográfico que revelou insuficiência das veias ovarianas previamente ao tratamento por embolização. Obteve-se sucesso técnico em todos os casos, caracterizado pela possibilidade de realização do cateterismo seletivo das veias ovarianas e ilíacas internas com embolização das mesmas. A remissão total dos sintomas foi observada em 37 pacientes (32.7%) e parcial em 63 pacientes (55.4%). Foi observado significativo alívio dos sintomas (p < 0,001), confirmados pela redução dos valores obtidos através da escala analógica visual. A principal complicação foi a migração do agente embolizante metálico, no entanto, com resolução endovascular de todos os casos e sem repercussão clínica. O tratamento endovascular das varizes pélvicas por meio da embolização apresentou resultados satisfatórios em relação aos sintomas apresentados e mostrou-se como método seguro e com baixos índices de complicação.
Título em inglês
Clinical and technical evaluation of transcatheter embolotherapy of the pelvic congestion syndrome
Palavras-chave em inglês
Diagnosis differential
Embolization therapeutic
Pelvic pain/diagnosis
Pelvic pain/therapy
Varicose veins
Resumo em inglês
A great body of evidence suggests that the pelvic congestion syndrome is associated to female varicocile. Pelvic congestion is explained in many cases by ovarian and internal iliac vein insufficiency. The endpoint of the study was the measurement of clinical outcomes and technical success of transcatheter embolotherapy in order to obtain relief of symptoms. The treatment group included 113 patients but only 100 were submitted for a follow up period. We had initial technical success rate of the ovarian and internal iliac vein embolization in all cases. It was used a visual analog scale (VAS) during the 12 months follow up period. The selected patients with the diagnosis of the syndrome were submitted to an angiographic evaluation to reveal ovaric and internal iliac vein insufficiency previous embolization. The technical success was determined by the ability to successfully embolize the ovarian and internal ilac varices and the clinical evaluation by the improvement of symptoms after the following period. A total relief of symptoms was observed in 37 patients (32.7%) and partial relief in 63 (55.4%). Nevertheless, it was seen an important general relief of every symptom (p < 0.001), as well a reduction of the values. The main complication was coil distal embolization, nevertheless, all of them were solved by endovascular approach without clinical repercussion. The transcatheter embolotherapy of the pelvic congestion syndrome provides significant symptomatic improvement, initial technical success and showed no significant long-term complications.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
FelipeNasser.pdf (6.60 Mbytes)
Data de Publicação
2007-06-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.