• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Fabiana Tokie Yagihara
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Silva, Rogerio Santos da (Presidente)
Bittencourt, Lia Rita Azeredo
Genta, Pedro Rodrigues
Poyares, Dalva Lucia Rollemberg
Souza, Altay Alves Lino de
Título em português
Beauty CPAP: o impacto do tratamento da apneia obstrutiva do sono com aparelho de pressão aérea contínua sobre a percepção da idade e da aparência saudável, descansada e atraente num estudo prospectivo, randomizado, cruzado e placebo controlado
Palavras-chave em português
Aparência física
Apneia do sono tipo obstrutiva
Ensaio clínico controlado aleatório
Estudos Cross-Over
Placebos
Polissonografia
Pressão positiva contínua nas Vias aéreas
Resultado do Tratamento
Sono
Resumo em português
Objetivos: Comparar os efeitos de um mês de tratamento com aparelho de pressão aérea positiva (CPAP) e com placebo sobre a aparência e características objetivas da pele da face de pacientes com apneia obstrutiva do sono (AOS), num estudo randomizado e cruzado. Métodos: Foram incluídos pacientes consecutivos com AOS grave e sonolentos. Os pacientes realizaram três polissonografias (PSG): a primeira para confirmação da AOS e outras duas adicionais com uso de placebo (dilatador nasal) e para titulação de CPAP, antes do início de cada tratamento. Todos os pacientes foram aleatoriamente alocados em dois grupos de tratamento: 1) uso do placebo e 2) uso do CPAP. Após um mês com o primeiro tratamento e 15 dias de washout, houve cruzamento para o segundo tratamento. A face dos pacientes foi fotografada de modo padronizado nos três momentos experimentais. As fotografias foram apresentadas, em ordem aleatória, pelo Qualtrics Survey Software, e avaliadas on-line por 704 observadores para quantificação da aparência saudável (nada saudável até extremamente saudável), atraente (nada atraente até extremamente atraente) e cansada (nada cansada até extremamente cansada). A idade aparente também foi perguntada para cada observador. Foram realizadas avaliações quantitativas das características da pele da face dos pacientes, em cada momento experimental, incluindo a presença de acne, manchas, porosidade, rugas, textura, e uniformidade do tom da pele, por meio da captação de imagens pelo equipamento VISIATM System. Resultados: Foram avaliados 30 pacientes (idade=46±9 anos; 21 homens). Os pacientes utilizaram o placebo em 98% das noites do período de tratamento e a adesão ao CPAP foi de 94% das noites, com média de 6,0 ± 1,7 horas de uso por dia de tratamento. Após o tratamento com CPAP, em comparação ao momento basal e após tratamento placebo, foi observada melhora na qualidade objetiva do sono, sonolência, qualidade de vida e sintomas depressivos (P < 0,05). A avaliação das fotografias pelos observadores mostrou que os pacientes foram identificados como mais jovens após o uso de CPAP (P < 0,001), mas não foram observadas alterações quantitativas das características da pele da face, em comparação com o momento basal e após o uso de placebo. A análise de regressão linear identificou que a quantidade de dias de tratamento com CPAP, o tempo total de sono e a porcentagem do tempo total de sono com saturação de oxihemoglobina abaixo de 90% foram preditores da diminuição da idade atribuída após o uso de CPAP. Conclusão: Os pacientes com AOS graves e sonolentos apresentaram aparência mais jovem após um mês de tratamento com CPAP
Título em inglês
The impact of the treatment of obstructive sleep apnea with continuous airway pressure on perceived health, tiredness, attractiveness, and age: a prospective randomized crossover placebo-controlled study
Palavras-chave em inglês
Body physical appearance
Continuous positive airway pressure
Cross-over studies
Placebos
Polysomnography
Randomized controlled trial
Sleep
Sleep apnea obstructive
Treatment outcome
Resumo em inglês
Objectives: To compare the effects of one month with continuous positive airway pressure (CPAP) treatment and placebo intervention on the appearance and objective facial skin characteristics of patients with obstructive sleep apnea (OSA) in a randomized crossover study. Methods: Consecutive sleepy patients with severe OSA were included. The patients underwent three polysomnograms (PSG): first one to confirm OSA and two additional ones using placebo (nasal dilator) and for CPAP titration before starting each treatment period. All patients were randomly included into two treatment groups: 1) placebo use and 2) CPAP use. After one month with the first treatment and 15 days of washout, patients were crossed-over for the second treatment. Photographs from the patients' faces were obtained in the three experimental moments. The photographs were presented in a random order by the Qualtrics Survey Software, and were evaluated online by 704 observers for quantifying healthy appearance (unhealthy to extremely healthy), attractive (unattractive to extremely attractive) and tired (not tired to extremely tired). Apparent age was also rated for each observer. Quantitative evaluations of the skin characteristics of the patients' faces were also carried out at each experimental moment, including the presence of acne, patches, porosity, wrinkles, texture, and skin tone uniformity, through the capture of images by VISIATM System equipment. Results: 30 patients (age = 46±9 years, 21 men) were evaluated. During treatment period, the patients wearing placebo intervention on 98% of the nights and adherence to CPAP was 94%, with a mean of 6.0 ± 1.7 hours of use per day of treatment. After CPAP treatment, compared to baseline and after placebo treatment, improvement in the objective sleep quality, sleepiness, quality of life and depressive symptoms were observed (P <0.05). Observational assessment of the photographs showed that patients were evaluated as being younger after using CPAP (P < 0.001), but no quantitative changes in face skin characteristics were observed compared to the baseline and after the use of placebo. Linear regression analysis identified the number of days with CPAP treatment, total sleep time and percentage of total sleep time with oxyhemoglobin saturation below 90% were predictors of decreasing of rated age after CPAP treatment. Conclusion: Sleepy patients with severe OSA had a younger appearance after one month of CPAP treatment
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-09-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.