• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Carlos Kiyoshi Furuya Júnior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Claudia Pinto Marques Souza de (Presidente)
Caly, Wanda Regina
Faintuch, Joel
Título em português
Efeitos da cirurgia de Fobi-Capella na doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA): estudo prospectivo de dois anos
Palavras-chave em português
Anastomose em-Y de Roux
Fígado gorduroso/cirurgia
Fígado gorduroso/complicações
Fígado gorduroso/metabolismo
Fígado gorduroso/patologia
Fígado gorduroso/terapia
Obesidade mórbida/cirurgia
Obesidade mórbida/complicações
Obesidade mórbida/terapia
Resumo em português
Introdução: A incidência de obesidade é crescente e alarmante, principalmente no mundo ocidental. De acordo com o National Center for Health Statistics, cerca de 61% da população adulta nos Estados Unidos está acima do peso e 30% é obesa, sendo que 5 a 6% está classificada na faixa de obesidade Grau III. No Brasil, o Ministério da Saúde aponta que 32,9% dos brasileiros estão fora da faixa de peso ideal, e 4,8% dos homens e 11,7% das mulheres encaixam-se na faixa de obesidade Grau III. Devido a alta prevalência da Doença Hepática Gordurosa Não Alcoólica (DHGNA) em pacientes portadores de obesidade grave e os escassos conhecimentos acerca de sua evolução para doença crônica do fígado após cirurgias bariátricas, foram objetivos deste estudo avaliar os efeitos da cirurgia gastrorredutora com derivação intestinal em Y de Roux Cirurgia de Fobi-Capella) sobre DHGNA após 24 meses. Métodos: Dentre 40 pacientes com IMC > 40 kg/m2 submetidos à cirurgia bariátrica (cirurgia de Fobi-Capella) no período de 2001 a 2003, 18 pacientes foram seguidos por aproximadamente 24 meses (700 ± 42 dias) e incluídos no estudo, realizando-se exames laboratoriais, tais como enzimas hepáticas, perfil lipídico e glicêmico; e a biopsia hepática no perioperatório e 24 meses após a cirurgia. O diagnóstico histológico de DHGNA e Esteatohepatite Não Alcoólica (ENA) foi determinado segundo a classificação padronizada por meio da revisão pelo Pathology Committee of the NASH Clinical Research Network Americano, que designou e validou as características histológicas e um sistema de escore de atividade para DHGNA para estudos clínicos. esultados: O IMC médio inicial dos 18 pacientes foi de 51,7 ± 7 kg/m2 e na segunda biopsia, após 24 meses de seguimento foi de 32,3 ± 6 kg/m2, com excesso do índice de massa corpórea perdida de 72,56%. DHGNA foi constatada no exame histológico inicial em 100% dos pacientes, sendo steatohepatite em 67% (10 pacientes com escore de atividade da DHGNA maior ou igual a 5 e dois pacientes com escore 4 com algum grau de fibrose) e 33% com esteatose isolada. Dos pacientes com ENA, 8,3% apresentavam cirrose. Após cerca de 24 meses houve desaparecimento da esteatose em 89% e manutenção da esteatose Grau I em 11% (p < 0,001). Em relação à fibrose, observada inicialmente em 10 (55%) dos pacientes, somente 4 (22,22%) dos pacientes mantiveram algum grau de fibrose (p = 0,020). No que se refere ao infiltrado inflamatório, 78% mantiveram discreto infiltrado lobular (Grau I) não relacionado à degeneração gordurosa. A balonização hepatocelular desapareceu em 50% dos pacientes e manteve-se discreta (Grau I) em 50% (p < 0,001). Não houve diferença estatística no que se refere às aminotranferases no pré e pós-operatório tardio. Houve redução significativa dos lípides e glicemia em quase a totalidade dos pacientes. Conclusão: A correção da síndrome metabólica obtida pela acentuada perda de peso após cirurgia de Fobi-Capella promoveu melhora da esteatose, fibrose, e os escores de atividade da DHGNA menores que 5, respectivamente em 89%, 75% e 100%dos pacientes previamente portadores de DHGNA, não se observando efeito deletério na histologia hepática nesta série.
Título em inglês
Effects of bariatric surgery (Fobi-Capella) in nonalcoholic fatty liver disease (NAFLD): prospective study of 2 years
Palavras-chave em inglês
Anastomosis Roux-en-Y
Fatty liver/complications
Fatty liver/metabolism
Fatty liver/pathology
Fatty liver/surgery
Fatty liver/therapy
Obesity morbid/complications
Obesity morbid/surgery
Obesity morbid/therapy
Resumo em inglês
Background: The incidence of obesity is increasing in western countries at an alarming rate. The National Center for Health Statistics of United Stated estimated in adult population 61% the prevalence of overweight or obesity, and 30% has obesity, and 5 to 6% were classified in severe obesity. In Brazil, the Ministry of Health reported 32.9% the prevalence of overweight or obese in adult brazilian population, and severe obesity 4.8% were men and 11.7% were women. Although nonalcoholic fatty liver disease (NAFLD) has been proved very frequent among morbidly obese patients and the effect of weight loss after bariatric surgery in inflammation and fibrosis related NAFLD is still a matter of debate. The aim of this study was to evaluate the impact of Fobi-Capella surgery in NAFLD in a follow up of 24 months. Methods: Forty patients with body mass index (BMI) IMC > 40 kg/m2 were submitted to Roux-en-Y gastric bypass with intraoperatory liver biopsies between 2001 a 2003, and 18 patients were followed and selected to underwent a liver biopsies after 24 months (700 ± 42 days). Blood biochemical tests and liver histology were compared before and after weight loss. The histological diagnosis of Nonalcoholic fatty liver disease (NAFLD) and Nonalcoholic steatohepatitis (NASH) was analyzed using the classification proposed by Pathology Committee of the NASH Clinical Research Network, which designed and validated a histological feature scoring system that address the characteristics of NASH lesions and a NAFLD activity score (NAS) for use in clinical trials. Eighteen patients with body mass index >40 kg/m2 submitted to Roux-n-Y gastric bypass were enrolled, and wedge liver biopsy was obtained at the operation. After 24 months, patients agreed to be submitted to a percutaneous liver biopsy. Results: The initial average BMI of 18 patientes were 51.7 ± 7 kg/m2. After following 24 months, average BMI was 32.3 ± 6 kg/m2. The average of percent excess body mass index loss was 72.56%. NAFLD was present in all 18 patients at the initial biopsy, NASH in 67% (10 patient had score of NAS ? 5 and two patients with score 4 had some degree of fibrosis) and 33% with steatosis only; 8.3% of patients with NASH has cirrhosis. After 24 months steatosis disappeared in 89% (p < 0,001) and fibrosis disappeared in 60% of the patients (p = 0.020). Hepatocellular ballooning disappeared in 50% (p < 0.001). A slight lobular inflammatory infiltrate remained in 78%, apparently unrelated to fatty degeneration. Since liver biochemical variables AST and ALT had been found within normal limits in 88% and 89%, respectively of patients at initial biopsy, no difference was found 24 months later (p = 1.000). Lipid profile and blood sugar plasma concentration were closer to normal in all patients after 24 months of follow up (p < 0.05). Conclusions: The improvement of metabolic syndrome related a severe obesity after sustained weight loss surgery promoted significant improvement in liver histology. The steatosis, fibrosis and NAS ? 5 were decreased in 89%, 75% and 100% of patients, respectively. None patient had progression of hepatic fibrosis in this series.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
carloskffuruyajr.pdf (3.33 Mbytes)
Data de Publicação
2006-11-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.