• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2008.tde-12012009-171046
Documento
Autor
Nome completo
Andréa Petian
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Cardoso, Maria Regina Alves (Presidente)
Fiorini, Ana Claudia
Pereira, Luiz Alberto Amador
Rivero, Dolores Helena Rodriguez Ferreira
Wunsch Filho, Victor
Título em português
Incômodo em relação ao ruído urbano entre trabalhadores de estabelecimentos comerciais no município de São Paulo
Palavras-chave em português
Incômodo
Poluição sonora
Questionários
Ruído
Resumo em português
Objetivos: 1) Estimar a prevalência do incômodo causado pelo ruído em trabalhadores de estabelecimentos comerciais no município de São Paulo. 2) Identificar o conhecimento e a opinião dos trabalhadores de estabelecimentos comerciais em relação ao ruído urbano 3) Identificar fatores sócio-demográficos associados ao incômodo, ao conhecimento e a opinião em relação ao ruído urbano. Métodos: Estudo transversal com 400 trabalhadores de estabelecimentos comerciais situados na zona central do município de São Paulo. O instrumento utilizado foi um questionário que contemplava questões sobre dados sócio-ambientais, ruído e aspectos relacionados aos incômodos por ele causados. As entrevistas foram realizadas no próprio estabelecimento onde o trabalhador atuava, em horário comercial. Mediu-se também o nível de pressão sonora no posto de trabalho, em um estabelecimento de cada rua visitada. Resultados: Dos 400 participantes, 59% eram do sexo feminino. A idade dos indivíduos variou entre 18 e 89 anos, com a mediana de 31 anos. 60% tinham nível escolar médio completo ou incompleto, 46% eram do setor de moda e 44% exerciam a função de balconista. Espontaneamente o ruído aparece em quarto colocado em incômodos no município e em primeiro em incômodo no local de trabalho e na residência. Do total, 65,75% achavam o local de trabalho ruidoso e 62,5% se mostraram incomodados com ruído neste local. O ruído interferia na atividade laboral de 43% dos trabalhadores sendo que a principal falar ao telefone (54%). Os principais problemas causados ou agravados pelo ruído, na opinião dos trabalhadores foram: perda auditiva, (72%), estresse (29%), irritabilidade (9%), dor de cabeça (7%), nervosismo (3%) e alterações do sono (1%). A maioria dos entrevistados referiu ter boa audição (96%). O sexo masculino e o maior nível de escolaridade se mostraram associados ao fato do trabalhador referir que o local de trabalho era ruidoso. Conclusões: A prevalência de trabalhadores que trabalhavam em estabelecimentos comerciais no município de São Paulo que referiram incômodo relacionado ao ruído no local de trabalho foi estimada em 62,5%. Referiram que o local de trabalho era ruidoso 65,75% trabalhadores e, o ruído do tráfego no local de trabalho incomodou 62% trabalhadores. Com os resultados deste estudo pode-se inferir que os trabalhadores conheciam tanto o risco físico do ruído, quanto o incômodo que ele pode causar. Os trabalhadores relataram que o ruído poderia causar ou agravar alguns problemas de saúde, principalmente a perda auditiva, estresse e irritabilidade
Título em inglês
Annoyance related about urban noise among workers of commercial establishments in the city of Sao Paulo, Brazil
Palavras-chave em inglês
Annoyance
Noise
Questionnaires
Sound contamination
Resumo em inglês
Objectives: 1) To evaluate the annoyance caused by noise among workers of commercial establishments of the city o Sao Paulo. 2) To find out the knowledge and opinion of these workers about the urban noise. 3) To identify socio-demographic factors associated to the annoyance, the knowledge and the opinion of the workers of commercial establishments in the city of Sao Paulo about the urban noise. Methods: This is a cross sectional study with 400 workers of commercial establishments located at the central area of the city of Sao Paulo. It was used a questionnaire that included questions about socio-environmental, noise and aspects related to the annoyances caused by them. The interviews were carried on at the workers workplace, during working hours. It was also measured the noise level at the workstation in one establishment of every street visited. Results: Of the 400 participants, 59% were female. The age ranged from 18 and 89 years old, with a median of 31 years. 60% of them had complete or incomplete high school educational level, 46% worked with clothes, and 44% were clerks. Noise appears spontaneously in fourth place among the annoyances at the workplace and at home. Of the participants 65.75% considered the workplace noisy, and 62.5% declared the felt annoyed by the noise at this place. Noise interfered with the professional activities of 43% of the workers, being talking to the phone the main activity disrupted (54%). Main problems caused or worsened by noise, for the workers, were: hearing loss (72%), stress (29%), irritability (9%), headache (7%), nervousness (3%), and sleep disturbances (1%). Most of the interviewed workers consider themselves as having a good hearing (96%). Male gender and higher schooling level were associated to the fact the worker mentions the workplace is noisy. Conclusions: The prevalence of people working at commercial establishments in the city of Sao Paulo who mentioned annoyance related to noise at the workplace was estimated to be 62.5%. 65.75% of the workers mentioned that the workplace was noisy, and the traffic noise was disturbing for 62% of the workers. From the results of this study it can inferred that the workers knew the physical risks associated to noise and the annoyances it can cause. The workers mentioned that noise could cause or worsen some health problems, especially hearing loss, stress and irritability
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Andreapetian.pdf (576.90 Kbytes)
Data de Publicação
2009-01-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.