• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2012.tde-27072012-115224
Documento
Autor
Nome completo
Silvia Scemes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Elkis, Helio (Presidente)
Savoia, Mariangela Gentil
Scazufca, Marcia
Título em português
Avaliação da aplicação do inventário de habilidades sociais em pacientes com esquizofrenia
Palavras-chave em português
Assertividade
Comportamento social
Esquizofrenia
Habilidades sociais
Inventario de habilidades sociais
Isolamento social
Resolução de problemas
Resumo em português
OBJETIVO: Avaliar a aplicação do Inventário de Habilidades Sociais de Del Prette (IHS) na mensuração das Habilidades Sociais e suas correlações com variáveis psicopatológicas e neuropsicológicas em pacientes com esquizofrenia, em comparação com controles normais. MÉTODOS: Este estudo é parte de um ensaio clinico que avaliou a eficácia do Treino de Habilidades Sociais em pacientes com esquizofrenia e onde foram utilizados vários instrumentos e, entre eles, o IHS para avaliação de Habilidades Sociais, a Positive and Negative Syndrome Scale (PANSS) para avaliação da Psicopatologia e a Wechsler Abbrevited Scale of Intelligence (WASI) como medida geral de avaliação da inteligência. O estudo foi realizado no ambulatório de dois centros especializados (Projesq do Instituto de Psiquiatria do HC FMUSP e Proesq da Universidade Federal de São Paulo) nos quais 91 pacientes com diagnostico de esquizofrenia pelo DSM IV TR, com diferentes níveis de gravidade ( 62 refratários e 29 não refratários), foram comparados com controles 108 controles normais. Para comparação entre variáveis foram utilizados teste t de Student, Análise de Variância e Covariância e para o estudo das correlações um modelo de Regressão Linear. .Resultados: Pacientes com esquizofrenia apresentaram comprometimento significativamente maior de suas habilidades sociais, avaliadas pelos cinco fatores do IHS, quando comparados com controles normais, exceto para o Fator F5 (auto-controle da agressividade). Não foram encontradas diferenças de habilidades sociais entre os subgrupos de pacientes divididos de acordo com sua gravidade. Os fatores do IHS não se correlacionaram significativamente com as subescalas da PANSS, com exceção do fator F3 (conversação e desenvoltura social), que se correlacionou inversamente com a gravidade da subescala de Psicopatologia Geral da PANSS. Não foram observadas correlações entre os fatores do IHS e as três dimensões do WASI (Verbal, Execução e Total). CONCLUSÕES: O Inventário de Habilidades Sociais mostrou ser um instrumento capaz de detectar o comprometimento das habilidades sociais em pacientes com esquizofrenia, quando comparados com controles normais. Não foram observadas diferenças entre os subgrupos de pacientes quanto à gravidade do quadro, bem como em relação à maioria das variáveis psicopatológicas ou neuropsicológicas mensuradas, fazendo supor que as habilidades sociais representem uma dimensão independente do funcionamento social na esquizofrenia
Título em inglês
Evaluation and application of the social skills inventory in patients with schizophrenia
Palavras-chave em inglês
Assertiveness
Problem solving
Schizophrenia
Social behavior
Social isolation
Social skills
Social skills training
Resumo em inglês
AIM: To evaluate the use of Del Prettes Social Skills Inventory ( IHS) in the measurement of Social Skills e their correlations with psychopathological and neuropsychological variables in patients with schizophrenia comparing with normal controls. METHODS: This study is part of a clinical trial which evaluated the efficacy of Social Skills Training in patients with schizophrenia and which utilized several instruments such as the IHS for the evaluations of Social Skills, the Positive and Negative Syndrome Scale (PANSS) for the evaluation of Psychopathology and the Wechsler Abbreviated Scale of Intelligence (WASI) as a measure of general intelligence. The study was developed in two specialized centers (Projesq of the Institute of Psychiatry of University of São Paulo General Hospital and Proesq of the Federal University of São Paulo) where 91 patients with a DSM IV_TR diagnostic of schizophrenia, with different levels of severity (62 refractory and 29 non refractory) were compared with 108 normal controls. Comparisons between variables were performed using t tests, Analysis of Variance and Covariance, and for correlations a Linear Regression Model. RESULTS: Patients with schizophrenia, when compared with normal controls, showed a significant impairment in their social skills, as measured by the 5 factors of the IHS, except for factor F5 (self control of aggression). Patients showed no differences in terms of social skills regarding severity. No significant correlations where found between the IHS factors the PANSS subscales, except the F3 factor (conversation and social performance) which inversely correlated with the General Psychopathology subscale. Additionally we found no correlations between IHS factors and the 3 WASI dimensions (Verbal, Executive and Total).CONCLUSIONS: The Social Skills Inventory was able to detect socials skills impairment in patients with schizophrenia, as compared to normal controls. No relationship were found between IHS and severity, psychopathology or cognitive measures and, therefore, we may hypothesize that Social Skills may represent and independent dimension of the social functioning in schizophrenia
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SilviaScemes.pdf (4.45 Mbytes)
Data de Publicação
2012-07-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.