• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Alexandra Martini de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Forlenza, Orestes Vicente (Presidente)
Alves, Tania Corrêa de Toledo Ferraz
Jacob Filho, Wilson
Okamoto, Ivan Hideyo
Título em português
Ensaio clínico randomizado e controlado para avaliar a versão brasileira ambulatorial do método TAP (Tailored Activity Program - Programa Personalizado de Atividades) no tratamento de sintomas neuropsiquiátricos em indivíduos com demência
Palavras-chave em português
Ambulatório hospitalar
Atividades cotidianas
Cuidadores
Demência
Sintomas comportamentais
Terapia ocupacional
Resumo em português
INTRODUÇÃO: Embora os quadros demenciais sejam caracterizados, principalmente, por comprometimentos cognitivos e funcionais, muitos pacientes apresentam alterações comportamentais ou sintomas neuropsiquiátricos (SNPs) em alguma fase de sua história clínica. De acordo com a literatura atual, os SNPs são muito frequentes, podendo ocorrer em até 90% dos casos de demência. Dentre os SNPs mais comuns, estão incluídos: agressividade, apatia, agitação, perambulação, desinibição, ansiedade, humor deprimido e sintomas psicóticos (alucinações e delírios). Diretrizes internacionais têm sugerido que os tratamentos não-farmacológicos devem ser a primeira opção na abordagem dos SNPs. Recentemente, os estudos têm mostrado que as intervenções não-farmacológicas são tão eficazes quanto os tratamentos farmacológicos, no entanto, sem ocasionar os efeitos colaterais e riscos das medicações. Uma abordagem não-farmacológica promissora é o uso de atividades. Um método de Terapia Ocupacional, denominado Tailored Activity Program (TAP - Programa Personalizado de Atividades - versão domiciliar) foi desenvolvido com o objetivo de reduzir e prevenir SNPs em idosos com demência moderada a grave e, de acordo com os estudos, tem se mostrado eficaz. No Brasil, existem poucos estudos sobre abordagens nãofarmacológicas no tratamento de SNPs em indivíduos com demência. OBJETIVOS: Realizar a tradução e adaptação transcultural do método TAP para a língua portuguesa, bem como sua adequação para o uso ambulatorial. Avaliar a eficácia do método TAP (versão ambulatorial brasileira) no tratamento de SNPs de indivíduos com demência moderada a grave e na redução da sobrecarga dos seus cuidadores. MÉTODO: Trata-se de um ensaio clínico aleatorizado, controlado, duplamente encoberto, para o tratamento de SNPs em idosos com demência moderada a grave, através da versão traduzida e adaptada do método TAP para uso ambulatorial. O grupo experimental recebeu oito sessões baseadas no método TAP, em regime ambulatorial, e o grupo controle recebeu oito sessões baseadas em um programa psicoeducativo com orientações sobre demência. As medidas de desfecho consistiram na avaliação de SNPs dos indivíduos com demência, por meio do The Neuropsychiatric Inventory-Clinician rating scale (NPI-C), e da avaliação da sobrecarga dos seus cuidadores, por meio da Escala Zarit. Todos os participantes foram avaliados nos momentos pré (T0) e pós-intervenção (T1). RESULTADOS: Foram incluídos 54 indivíduos com demência, que foram alocados para as condições experimental (n= 28) e controle (n= 26). Observou-se melhora estatisticamente significante no grupo experimental nos seguintes SNPs: delírios (p=0,05), agitação (p=0,001), agressividade (p=0,007), depressão (p=0,008), ansiedade (p=0,006), euforia (p=0,007), apatia (p=0,02), desinibição (p=0,03), irritabilidade (p=0,03), distúrbio motor (p=0,007) e vocalizações aberrantes (p=0,03). Por sua vez, não foi observada melhora nos seguintes SNPs: alucinações (p=0,06), distúrbios do sono (p=0,06) e distúrbios do apetite (p=0,5). O método TAP para uso ambulatorial também se mostrou clinicamente eficaz na redução da sobrecarga nos cuidadores do grupo experimental (p=0,01). CONCLUSÃO: Este ensaio clínico é o primeiro estudo controlado sobre a eficácia de uma intervenção de Terapia Ocupacional baseada na versão ambulatorial do método TAP para aliviar os SNPs em pacientes com demência moderada a grave. Os resultados mostraram que o uso de atividades prescritas de maneira personalizada, aliada ao treinamento do cuidador, pode ser uma abordagem clinicamente eficaz na redução de SNPs e da sobrecarga de cuidadores de indivíduos com demência
Título em inglês
Randomized and controlled clinical trial to evaluate a Brazilian outpatient version of the TAP method (Tailored Activity Program) for the treatment of neuropsychiatric symptoms in individuals with dementia
Palavras-chave em inglês
Behavioral symptoms
Caregivers, Activities of daily living
Dementia
Occupational therapy
Outpatient clinics hospital
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Although dementia is characterized mainly by cognitive and functional deficits, many patients present behavioral changes or neuropsychiatric symptoms (NPS) at some stage of their clinical evolution. According to the current literature, NPS are very frequent and may occur in up to 90% of dementia cases. The most common NPS are aggression, apathy, agitation, wandering, disinhibition, anxiety, depressed mood and psychotic symptoms (hallucinations and delusions). International guidelines have suggested that non-pharmacological treatments should be the first option in clinical approaching to NPS. Recently, studies have shown that nonpharmacological interventions are as effective as pharmacological treatments, however without the side effects and risks of medications. A promising nonpharmacological approach is the use of activities. An Occupational Therapy method, called Tailored Activity Program (TAP), was developed with the objective of reducing and preventing NPS in the elderly with moderate to severe dementia and, according to published studies, has shown to be effective. In Brazil, there are few studies on non-pharmacological approaches in the treatment of NPSs in individuals with dementia. OBJECTIVES: To perform the translation and transcultural adaptation of the TAP method to Brazilian Portuguese, as well as its adequacy for outpatient use. To evaluate the efficacy of the TAP (Brazilian outpatient version) method in the treatment of NPS in individuals with moderate to severe dementia and in the burden reduction of their caregivers. METHOD: This is a randomized, double-blind, controlled clinical trial for the treatment of NPS in elderly with moderate to severe dementia., using the transcultural translation and adaptation of the outpatient TAP method. The experimental group received eight sessions based on the TAP method, on an outpatient basis, and the control group received eight sessions based on a psychoeducational program with orientations about dementia. Outcome measures consisted of assessing the NPS of individuals with dementia, through the Neuropsychiatric Inventory-Clinician rating scale (NPI-C), and assessing the burden on their caregivers, using the Zarit Scale. All the participants were evaluated at pre (T0) and post-intervention (T1). RESULTS: We included 54 individuals with dementia, who were allocated to the experimental (n=28) and control (n=26) groups. There was improvement of the following NPS in the experimental group: delusions (p=0.05), agitation (p=0.001), aggressiveness (p=0.007), depression (p=0.008), anxiety (p=0.006), euphoria (p=0.007), apathy (p=0.02), disinhibition (p=0.03), irritability (p=0.03), motor disturbance (p=0.007) and aberrant vocalization (p=0.03). No improvement was observed in the following NPS: hallucinations (p=0.06), sleep disturbances (p=0.06) and appetite disorders (p=0.5). The TAP method for outpatient use was also clinically effective in reducing burden in the caregivers of the experimental group (p=0.01). CONCLUSION: This clinical trial is the first controlled study of the efficacy of an Occupational Therapy intervention based on the outpatient version of the TAP method to relieve NPS in patients with moderate to severe dementia. The results showed that the use of personalized prescribed activities, coupled with the caregiver training, may be a clinically effective approach to reduce NPS and caregiver burden of individuals with dementia
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-12-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.