• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2006.tde-22032006-225713
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Carlos Pastorino
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Jacob, Cristina Miuki Abe (Presidente)
Grisi, Sandra Josefina Ferraz Ellero
Sampaio, Magda Maria Sales Carneiro
Solé, Dirceu
Wandalsen, Neusa Falbo
Título em português
"Estudo da prevalência de asma e doenças alérgicas, da sensibilização a aeroalérgenos e da exposição a fatores de risco em escolares de 13 - 14 anos na região oeste da cidade de São Paulo"
Palavras-chave em português
Adolescente
Alérgenos
Asma/epidemiologia
Dermatite atópica
Fatores de risco
Hipersensibilidade
Rinite
Resumo em português
INTRODUÇÃO: O aumento da prevalência das doenças alérgicas tem sido associado a vários fatores de risco e a detecção destes e a avaliação da prevalência em diferentes regiões é fundamental. O protocolo padronizado ISAAC (International Study of Asthma and Allergies in Childhood), possibilitou a comparação destes dados epidemiológicos. Os OBJETIVOS deste estudo foram: avaliar a prevalência da asma, rinite e eczema alérgicos e sintomas relacionados, entre escolares de 13 a 14 anos, da região oeste da cidade de São Paulo, utilizando-se o questionário escrito ISAAC e identificar possíveis fatores de risco associados à presença de asma ou à positividade ao teste cutâneo de hipersensibilidade imediata (TCHI). MÉTODOS: Entre fevereiro de 2002 e outubro de 2003 foi aplicado questionário escrito ISAAC em 3181 alunos. Após amostragem sistemática, 528 alunos foram submetidos ao TCHI para o diagnóstico de atopia e responderam a um questionário complementar sobre antecedentes familiares e condições ambientais. Foram constituídos grupos de alunos com ou sem asma, considerando-se a presença de sintomas de asma nos últimos 12 meses, e com ou sem TCHI positivo a pelo menos um aeroalérgeno. A análise dos fatores de risco foi realizada pelo teste do qui-quadrado ou teste exato de Fisher e por regressão binária logística (Backward Stepwise). RESULTADOS: As prevalências encontradas foram: asma de 21,9%, diagnóstico médico de asma 8,9%, rinite de 30,1%, rinoconjuntivite de 19,8% , diagnóstico médico de rinite 18,9%, eczema atópico de 9,7% e o diagnóstico médico de eczema 8,6%. Houve associação entre asma, rinite e eczema atópico em 2,3% dos adolescentes. O sexo feminino foi prevalente em todas as questões sobre asma, rinite e eczema atópico. Houve associação entre TCHI e a presença de asma (OR = 2,6) e de rinite (OR = 1,9). Em relação à asma, os fatores de risco foram: sintomas de rinite no último ano (ORajustado = 3,2); positividade ao TCHI (ORajustado = 2,8); parto prematuro (ORajustado = 3,8); nunca consumir vegetais cozidos (ORajustado = 2,6); presença de eczema em locais característicos (ORajustado = 2,9) e mãe alérgica (ORajustado = 2,0). Em relação à positividade do TCHI, os fatores de risco foram: presença de asma (ORajustado = 2,3); sintomas de rinite no último ano (ORajustado = 1,9); pai alérgico (ORajustado = 2,2) e parto cesáreo (ORajustado = 1,7). CONCLUSÕES: A prevalência de asma neste estudo mostrou valores elevados em comparação ao diagnóstico médico de asma. A prevalência da rinoconjuntivite foi comparável ao diagnóstico médico de rinite, que foram menores que a prevalência de rinite no último ano. A prevalência de eczema atópico foi maior que aquela avaliada pelo critério combinado. Houve predomínio do sexo feminino nas respostas positivas para todas as doenças atópicas. Houve associação entre TCHI e presença de rinite ou asma. Os fatores de risco associados à asma foram: mãe alérgica, rinite, parto prematuro, eczema em locais característicos, dieta sem vegetais cozidos e TCHI positivos e os relacionados à positividade do TCHI: pai alérgico, cesárea, asma e rinite no último ano.
Título em inglês
Study of asthma and allergic diseases prevalence, aeroallergens sensitization and the risk factors exposure in students from 13 - 14 years in the west area of the city of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Adolescent
Alergen
Asthma/epidemiology
Atopic eczema
Hypersensibility
Rhinitis
Risk factors
Resumo em inglês
INTRODUCTION: The increase of allergic diseases has been associated to several risk factors, the detection of them and prevalences evaluations from different areas are essential. The written questionnaire standardized by "International Study of Asthma and Allergies in Childhood" - ISAAC, made possible the comparison of epidemiologic data. The aims of the present study were: to evaluate the prevalence of asthma, rhinitis and allergic eczema and related symptoms, among students from 13 to 14 years in the west area of São Paulo city, through the written questionnaire from the ISAAC study and to identify possible risk factors associated to asthma or positive skin prick test in this population. METHODS: In the period from February/2002 to October/2003 written questionnaire was applied to 3181 students. After selection by systematic samples, 528 students were submitted to skin prick test regarding the atopic diagnose and they answered a complementary questionnaire about family history and environmental conditions. The students' groups were constituted with or without asthma according the positive answer to asthma symptoms in the last 12 months, and with or without positive skin prick test at least one aeroallergen. The risk factors analysis was accomplished by univariated (qui-square or Fisher’ exact test) and multivariated analysis by binary logistic regression (Backward Stepwise). RESULTS: The prevalence found were: asthma 21,9%, medical diagnosis of asthma 8,9%, rhinitis 30,1%, rhinoconjunctivitis 19,8%, medical diagnosis of rhinitis 18,9%, atopic eczema 9,7% and the medical diagnosis of eczema 8,6%. There was association among asthma, rhinitis and atopic eczema in 2,3% of the adolescents. Female sex was prevalent in all of the subjects on asthma, rhinitis and atopic eczema. There was association between skin prick test and asthma (OR = 2,6) and rhinitis (OR = 1,9). In relation to asthma, the risk factors were: rhinitis symptoms in the last year (ORadjusted = 3,2); positive skin prick test (ORadjusted = 2,8); premature delivery (ORadjusted = 3,8); never to consume cooked vegetables (ORadjusted = 2,6); eczema presence in characteristic areas (ORadjusted = 2,9) and allergic mother (ORadjusted = 2,0). In relation to positive skin prick test, the risk factors were: asthma (ORadjusted = 2,3); rhinitis symptoms in the last year (ORadjusted = 1,9); allergic father (ORadjusted = 2,2) and cesarean section (ORadjusted = 1,7). CONCLUSIONS: This study showed high prevalence of asthma when compared with medical diagnosis of asthma. The prevalence of rhinoconjunctivitis was similar to medical diagnostic of rhinitis that was lower than the rhinitis prevalence in the last year. The prevalence of atopic eczema was higher than combined criteria. The female gender predominates in all positive responses regarding allergic diseases. There was association between skin prick test and asthma or rhinitis. The risk factors associated with asthma were allergic mother, rhinitis, premature delivery, eczema at characteristic areas, diet without cooked vegetables and positive skin prick test. The risk factors associated with positive skin prick test were: allergic father, cesarean section, asthma and rhinitis in the last year.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TESEPASTORINO.pdf (2.67 Mbytes)
Data de Publicação
2006-04-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.