• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Ana Beatriz Rabelo Bozzini
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Porta, Gilda (Presidente)
Koch, Vera Hermina Kalika
Mazo, Daniel Ferraz de Campos
Miura, Irene Kazue
Título em português
Qualidade de vida relacionada à saúde de crianças e adolescentes portadores de hepatite autoimune
Palavras-chave em português
Adolescente
Criança
Doença crônica
Hepatite autoimune
Qualidade de vida
Resumo em português
Objetivo: Avaliar a qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) de crianças e adolescentes com hepatite autoimune (HAI). Métodos: Estudo transversal avaliou 80 pacientes com HAI e 45 controles saudáveis utilizando o instrumento Pediatric Quality of Life Inventory 4.0 (PedsQL 4.0). Os dados demográficos, a presença de comorbidade autoimune, dose de corticóide, remissão e gravidade da doença e dor abdominal também foram avaliados. Resultados: A idade atual média foi similar em pacientes HAI e controles saudáveis [13 (5-18) vs. 14 (3-18) anos, p = 0,804]. De acordo com os relatos das crianças, os escores físico, emocional e escolar foram significativamente menores nos pacientes com HAI comparado ao grupo controle (p < 0,05). Os escores físico e total foram significantemente menores de acordo com relato dos pais de pacientes com HAI comparado aos controles (p < 0,05). Uma análise mais aprofundada em pacientes com HAI e presença de dor abdominal no último mês, revelou significativo prejuízo dos domínios físico, social e total (p < 0,05). Não foram observadas diferenças quanto à presença de comorbidade autoimune, remissão da doença e gravidade da doença (p > 0,05). Pacientes em uso de doses < 0,16 mg / kg / dia de prednisona quando comparados aos em uso de dose >= 0.16 mg / kg / dia no momento da entrevista, mostraram prejuízo significante no domínio físico [87,5 (50-100) vs. 75 (15,63-100) vs. 87 (50-100), p = 0,006]. Conclusões: Observouse redução de capacidades física, emocional e escolar em pacientes pediátricos com hepatite autoimune. Dor abdominal e dose de prednisona em uso influenciaram negativamente na QVRS de crianças e adolescentes com HAI
Título em inglês
Health-related quality of life in children and adolescents with autoimmune hepatitis
Palavras-chave em inglês
Adolescent
Autoimmune hepatitis
Children
Chronic disease
Quality of life
Resumo em inglês
Objective: To evaluate health related quality of life (HRQL) in children and adolescents with autoimmune hepatitis (AIH). Methods: A cross-sectional study assessed 80 patients with AIH and 45 healthy controls using Pediatric Quality of Life Inventory 4.0 (PedsQL 4.0) instrument. Demographic data, presence of autoimmune comorbidity, prednisone dose, disease remission, disease severity and abdominal pain were also evaluated. Results: According to the child-self report, physical, emotional, school and total scores were significantly lower in AIH patients compared to controls (p < 0.05). Only the physical and total scores were significantly lower in parent's report in AIH patients versus controls (p < 0.05). Further analysis in AIH patients with abdominal pain in the last month revealed significant decreased medians of physical, social and total scores (p < 0.05). No differences were observed regarding the presence of concomitant other autoimmune disease, disease remission and disease severity (p > 0.05). AIH patients using prednisone dose below the median ( < 0.16 mg/kg/day) had significantly reduced physical score [87.5(50-100) vs. 75(15.63-100) vs. 87 (50- 100), p=0.006]. Conclusions: Reduced scores in physical capacity, emotional and school domains were observed in pediatric AIH patients. Abdominal pain and corticosteroid dose influenced negatively the HRQL in children and adolescents with AIH
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AnaBeatrizBozzini.pdf (945.62 Kbytes)
Data de Publicação
2018-01-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.