• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2006.tde-21092006-111036
Documento
Autor
Nome completo
Verbenia Nunes Costa
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Nomura, Roseli Mieko Yamamoto (Presidente)
Francisco, Rossana Pulcineli Vieira
Rezende Filho, Jorge Fonte de
Título em português
"Cardiotocografia computadorizada em gestantes com diabetes mellitus: efeitos da glicemia capilar materna na freqüência cardíaca fetal"
Palavras-chave em português
Cardiotocografia
Freqüência cardíaca fetal
Glicemia
Gravidez em Diabéticas
Resumo em português
Os efeitos da glicemia materna na regulação da freqüência cardíaca fetal (FCF) constituem aspecto controverso na literatura, principalmente em gestações complicadas pelo diabetes mellitus. O objetivo deste trabalho foi estudar a influência da glicemia materna na FCF analisada pela cardiotocografia computadorizada. Método: Trinta e nove gestantes com diabetes mellitus pré-gestacional foram avaliadas prospectivamente na Clínica Obstétrica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, no período compreendido entre julho de 2003 e fevereiro de 2005. As pacientes incluídas possuíam o diagnóstico de diabetes pré-gestacional, gestação única, idade gestacional entre 36 e 40 semanas e ausência de malformações fetais. Para a realização do estudo, cada paciente foi avaliada pela cardiotocografia computadorizada, durante uma hora, sendo analisados os seguintes parâmetros da FCF: freqüência basal, tempo para atingir os critérios de normalidade, freqüência de movimentos fetais, número de contrações uterinas, número de acelerações e desacelerações, episódios de alta e baixa variação, variação de curto prazo. Realizou-se a glicemia capilar imediatamente antes do início da cardiotocografia, 30 e 60 minutos após o começo do exame. Utilizou-se a média glicêmica para análise das relações com os achados cardiotocográficos, com os valores de corte de 100 mg/dL e 120mg/dL. Resultados: Do total de 39 pacientes analisadas, 25 (64,1%) apresentavam média glicêmica ≥ a 100 mg/dL e 19 (48,7%) ≥ a 120 mg/dL. A média da FCF mostrou aumento significativo nos grupos com a média glicêmica ≥ a 100 mg/dL (p<0,05) e a 120mg/dL (p<0,05). Houve correlação positiva significativa (p<0,05 e r=0,57) da FCF com a média glicêmica no exame. Verificou-se correlação negativa significativa (p<0,05) da quantidade de acelerações transitórias acima de 10 bpm (r=-0,32) e de 15 bpm (r=-0,44) com a média glicêmica no exame. A variação de curto prazo da FCF apresentou associação significativa (p<0,05) com a média glicêmica acima de 120mg/dL. Ocorreu correlação negativa significativa (p<0,05) da variação de curto prazo da FCF (r=-0,47) com a média glicêmica no exame. Os demais parâmetros avaliados pela cardiotocografia computadorizada não mostraram diferença significativa com a média glicêmica. Conclusão: os níveis glicêmicos maternos, durante o exame, exercem influência sobre parâmetros da FCF analisada pela cardiotocografia computadorizada.
Título em inglês
Computerized cardiotocography in pregnants affected by diabetes mellitus: effects of maternal capillary glycemia in the fetal heart rate
Palavras-chave em inglês
Blood glucose
Cardiotocography
Fetal heart rate
Pregnancy in dibetics
Resumo em inglês
The effects of maternal glycemia over the of fetal heart rate (FHR) regulation appoint a controversial subject in the literature, mainly in pregnancies affected by diabetes mellitus. The objective of this research was to investigate the influence of maternal glycemia in the FHR indices analysed by computerized cardiotocography. Methods: Thirty nine patients with pre-gestational diabetes mellitus were examined prospectively in the Obstetrics Department of Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo- Brazil in a period of time between July of 2003 and February of 2005. The patients included had pre-gestational diabetes diagnosis, single pregnancy, gestational age between 36 and 40 weeks and absent of fetal malformations. Each patient were evaluated by computerized cardiotocography during 60 minutes, with analysis of these follow FHR parameters: basal FHR, time necessary to reach normality criteria, fetal movements rate, contraction peaks, accelerations and decelerations, episodes of high and low FHR variation, short-term FHR variation. The capillary glycemia were colleted immediately before the cardiotocography be performed, 30 and 60 minutes after the beginning of the exam. The glicemic mean level was used for analysis with the cardiotocografics results, with the cut values of 100 mg/dL and 120mg/dL. Results: From 39 patients studied, 25 (64,1%) presented glicemic mean ≥ to 100 mg/dL and 19 (48,7%) ≥ to 120 mg/dL. 1) The mean of FHR showed significant elevation in the groups with the glicemic mean ≥ to 100 mg/dL and to 120mg/dl (p<0,05); 2) There was significant positive correlation (p<0,05 and r=0,57) between the FHR and the mean glicemic; 3) There was significant negative correlation (p<0,05) between the number of transitory accelerations ≥ than 10bpm (r=-0,32) and ≥ than 15 bpm (r=-0,44) and the mean glicemic; 4) The short-term FHR variation presented significant association (p<0,05) with the mean glicemic ≥ 120mg/dL; 5) There was significant negative correlation (p<0,05) between short-term FHR variation (r=-0,47) and the mean glicemic. The others indices evaluated by computerized cardiotocography didn’t exhibit significant difference with the mean glicemic. Conclusions: The maternal glicemic levels during computerized cardiotocography seem to have influence over these analised FHR parameters.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-10-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.