• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2013.tde-20022014-145043
Documento
Autor
Nome completo
Maria Leticia de Souza Paraiso
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Gouveia, Nelson da Cruz (Presidente)
Chiaravalloti Neto, Francisco
Goldbaum, Moises
Pereira, Luiz Alberto Amador
Fonseca, Luiz Augusto Marcondes
Título em português
Avaliação do impacto à saúde causado pela queima prévia de palha de cana-de-açúcar no Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Brasil
Doenças respiratórias/epidemiologia
Doenças respiratórias/prevenção e controle
Estudos epidemiológicos
Fatores de risco
Impacto ambiental/análise
Incêndios
Indicadores de morbi-mortalidade
Material particulado
Medicina preventiva
Poluição do ar/efeitos adversos
Poluição do ar/estatística e dados numéricos
Saccharum
Saúde ambiental
Sistemas de informação geográfica
Resumo em português
O etanol de cana-de-açúcar se consolida como combustível renovável, o que promove nova expansão da cultura da cana-de-açúcar no Brasil e, principalmente, no Estado de São Paulo. Como a queima prévia controlada da palha de cana-de-açúcar ainda é considerada uma prática agrícola necessária para a viabilização econômica da colheita, em mais de 70% dos municípios do Estado de São Paulo a população é obrigada a conviver com essa poluição. Para estudar a distribuição desse fator de risco e sua relação com a saúde, realizei um estudo epidemiológico ecológico nos 645 municípios de São Paulo. Usei um modelo Bayesiano de regressão multivariada relacionando os efeitos na saúde com a exposição à queima prévia da palha de cana-de-açúcar, sendo controlados os efeitos das variações socioeconômicas (saneamento, educação e renda) e climáticas (temperatura máxima, umidade mínima e precipitação), através da inserção das mesmas no modelo. O efeito sobre a saúde foi medido por meio da Razão de Mortalidade e Morbidade Padronizada (RMP) dos desfechos: óbitos por doenças respiratórias nas faixas etárias acima de 65 anos e internações por doença respiratória, nas faixas etárias menores de 5 anos e acima de 65 anos de cada um dos municípios. Usei como medida de exposição à queima prévia dados obtidos no INPE: percentual da área de cana colhida com queima (PMQ), níveis médios de Aerossol e Focos de queima, testadas separadamente. Para resolver a autocorrelação entre os dados, estes foram considerados conforme sua disposição espacial, através da construção de uma matriz de vizinhança dos 645 municípios do Estado. Utilizei o método de simulação de Monte Carlo via Cadeias de Markov (MCMC) para 'suavizar' as estimativas da RMP. A análise demonstrou que existe associação entre a queima prévia da palha de cana-de-açúcar e a ocorrência de doenças respiratórias, porque o aumento nos focos de queima (Focos) esteve associado significativamente com o aumento das internações por doenças respiratórias, na faixa etária de menores de cinco anos. Os resultados mostraram que a queima prévia da palha da cana-de-açúcar oferece efetivamente risco à saúde da população e, adicionados aos mapas coropléticos gerados, oferecem subsídios para a vigilância epidemiológica e contribuem para o estabelecimento de políticas públicas para controle da poluição do ar, que contemplem além dos grandes centros urbanos, os pequenos municípios. A eliminação desse fator de risco deve fazer parte das medidas primordiais de prevenção à saúde a serem adotadas no Estado
Título em inglês
Evaluation of the health impact caused by the pre-harvest burning of sugarcane straw in the State of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Air pollution/adverse effects
Air pollution/statistics e numerical data
Brazil
Environmental health
Environmental impact/analysis
Epidemiologic studies
Fires
Geographic information systems
Indicators of morbidity and mortality
Particulate matter
Preventive medicine
Respiratory tract diseases/epidemiology
Respiratory tract diseases/prevention e control
Risk factors
Saccharum
Resumo em inglês
Ethanol from sugarcane is consolidated as a renewable fuel which promotes further expansion of the culture of sugarcane in Brazil and especially in the State of São Paulo. As the controlled pre-harvest burning of sugarcane straw is still considered an agricultural practice necessary for the economic viability of this crop in more than 70% of municipalities in the State of São Paulo the population is forced to live with this pollution. To study the distribution of this risk factor and its relationship with the health of the population, I conducted an ecological study in the 645 municipalities of São Paulo. I used a Bayesian multivariate regression model relating the health effects and the exposure to previous straw burning of sugarcane, controlling the effects of socioeconomic factors (sanitation, education and income) and climate (maximum temperature, minimum humidity and precipitation) by the insertion of these variables in the model. The effect on health was measured by Standardized Mortality and Morbidity Ratio (SMR) of the outcomes: deaths from respiratory diseases in the age group above 65 years old and admissions for respiratory disease in children less than 5 years old and above 65 years old of each of the municipalities. I used as a measure of exposure to the pre-harvest burning data obtained at INPE: percent of sugarcane area harvest with burning (PMQ), levels of Aerosol and Spotlights of burning, tested separately. To solve the autocorrelation in the data these were considered as their spatial arrangement, by building a neighborhood matrix of the 645 municipalities in the state. I used the Markov Chain-Monte Carlo simulation method (MCMC) to 'soften' the estimates of the SMR. The analysis showed that there is an association between previous straw burning of sugarcane and respiratory diseases, because the increase in outbreaks of burning (Spotlights) was significantly associated with increased hospital admissions for respiratory diseases in children aged under five years old. The results show that the previous straw burning of sugarcane effectively offers health risk to the population and added to the choropleth maps generated provide valuable information for epidemiological surveillance and contribute to the establishment of public policies for the control of air pollution, which should contemplate beyond the major urban centers, the small towns. The elimination of this risk factor should be part of a primordial prevention measure to be taken in the state
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-02-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.