• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2015.tde-19062015-150706
Documento
Autor
Nome completo
Karina Normilio da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Cavalcanti, Alexandre Biasi (Presidente)
Azevedo, Luciano César Pontes de
Caruso, Pedro
Título em português
Qualidade de vida relacionada à saúde e tempo de sobrevida ajustado para a qualidade de vida em pacientes com câncer internados em unidades de terapia intensiva
Palavras-chave em português
Anos de vida ajustados para qualidade de vida
Câncer
Epidemiologia
Estudo de coorte
Qualidade de vida
UTI
Resumo em português
Introdução: Há poucos estudos avaliando qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) e anos de vida ajustados para qualidade de vida (QALY) em pacientes com câncer que necessitam internação em unidades de terapia intensiva. O objetivo deste estudo foi avaliar sobrevida, QVRS e QALY durante o seguimento a longo prazo de pacientes com câncer internados em UTI. Métodos: Realizamos uma coorte prospectiva de pacientes com câncer admitidos em duas UTIs do estado de São Paulo. Coletamos dados na admissão da UTI, incluindo QVRS antes da doença aguda que motivou internação em UTI e no seguimento em 15 dias, 3 meses, 6 meses, 12 meses e 18 meses para avaliar a QVRS e status vital. Adicionalmente, o status vital foi avaliado em 24 meses. QVRS foi determinada com o questionário EQ-5D-3L. A sobrevida foi calculada com o estimador de Kaplan-Meier e o QALY com uma adaptação do estimador Zhao e Tsiatis. Resultados: Foram incluídos 792 pacientes. A média de idade foi 61,6±14,3 anos, 42,5% dos pacientes eram do sexo feminino e metade foi admitida após cirurgia eletiva. A média do escore SAPS3 foi 47,4±15.6. A probabilidade de sobreviver 12 e 18 meses foi 42.4% e 38.1%, respectivamente. A média do índice de utilidade da QVRS antes da internação na UTI foi 0,47±0,43, aos 15 dias pós-admissão a UTI 0,41±0,44, aos 3 meses 0,56±0,42, aos 6 meses 0,60±0,41, aos 12 meses 0,67±0,35 e aos 18 meses 0,67±0,35. A probabilidade de atingir 12 e 18 meses de vida ajustados para qualidade de vida foi de 30.1% e 19.1%, respectivamente. Houve diferenças estatisticamente significativas do tempo de sobrevida e QALY conforme as características de base consideradas (admissão após cirurgia eletiva, cirurgia de urgência ou clínica; SAPS3; extensão do câncer; status do câncer; cirurgia prévia; quimioterapia prévia; radioterapia prévia; capacidade funcional; e QVRS prévia). No entanto, apenas QVRS prévia e capacidade funcional foram associados a QVRS ao longo do seguimento de 18 meses. Conclusão: Em pacientes com câncer admitidos em UTI, a sobrevida, QVRS e QALY a longo prazo são limitados. Entretanto, há bastante variabilidade entre os pacientes nestes desfechos clínicos que é associada a características simples presentes na admissão à UTI e que podem auxiliar a equipe de saúde a avaliar o prognóstico
Título em inglês
Quality of life related to health and quality-adjusted life years in patients with cancer admitted to intensive care units
Palavras-chave em inglês
Cancer
Cohort
Critically ill patients
ICU
Quality of life
Quality-adjusted life years
Resumo em inglês
Introduction: Only few studies assessed health-related quality of life (HRQOL) and quality-adjusted life years (QALY) of cancer patients admitted to intensive care units (ICU). We aimed to assess the long-term HRQOL and QALY of cancer patients admitted to ICUs. Methods: We conducted a prospective cohort study of cancer patients admitted to two ICUs from the state of São Paulo, Brazil. We assessed the HRQOL with the EQ-5D-3L before ICU admission, 15 days, 3, 6, 12 and 18 months. In addition, the vital status was assessed at 24 months. Survival was calculated with the Kaplan-Meier estimator and QALY with the adapted Zhao and Tsiatis estimator. Results: The mean age of the subjects was 61.6 ± 14.3 years, 42.5% were female and half were admitted after elective surgery. The mean Simplified Acute Physiology Score (SAPS) 3 was 47.4 ± 15.6. Survival at 12 and 18 months was 42.4% and 38.1%, respectively. The mean EQ5D utility measure before admission to the ICU was 0.47±0.43, at 15 days it was 0.41±0.44, at 90 days 0.56±0.42, at 6 months 0.60±0.41, at 12 months 0.67±0.35 and at 18 months 0.67±0.35. The probabilities for attaining 12 and 18 months of quality-adjusted survival were 30.1% and 19.1%, respectively. There were statistically significant differences in survival time and QALYs according to all assessed baseline characteristics (ICU admission after elective surgery, emergency surgery or medical admission; SAPS3; cancer extension; cancer status; previous surgery; previous chemotherapy; previous radiotherapy; performance status; and previous HRQOL). Only the previous HRQOL and performance status were associated with the HRQOL during the 18-month follow-up. Conclusion: Long-term HRQOL, survival and QALY expectancy of cancer patients admitted to the ICU are limited. Nevertheless, these clinical outcomes exhibit wide variability among patients and are associated with simple characteristics present at the time of ICU admission, which may help healthcare professionals estimate patients' prognose
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-06-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.