• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2011.tde-05052011-121453
Documento
Autor
Nome completo
Cintia Arlete Ferreira Seabra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Falcão, Marcia Thereza Couto (Presidente)
Brêtas, Ana Cristina Passarella
Hutchison, Ângela Maria Machado de Lima
Título em português
Necessidades e cuidados em saúde de idosos migrantes atendidos por equipes da estratégia de saúde da família
Palavras-chave em português
Atenção primária à saúde
Idoso
Migrantes
Saúde da família
Resumo em português
A acelerada transição demográfica ocorrida nas quatro últimas décadas trouxe implicações para os arranjos familiares, as relações de trabalho, o emprego e a renda, além do comum fenômeno da migração, sendo que as complexas relações entre essas dimensões acarretam importantes desafios para o cuidado em saúde dos idosos. No contexto da migração no país, os idosos em condições socioeconômicas desfavoráveis têm migrado por contingências, sobretudo, relativas à saúde e moradia e, na maioria desses casos, o apoio necessário obtido em relação à saúde baseia-se, fundamentalmente, na Atenção Primária à Saúde, sob a Estratégia de Saúde da Família. Assim, o objetivo deste trabalho é compreender as necessidades e o cuidado em saúde de idosos residentes no Município de São Paulo e migrantes do Nordeste, bem como os limites e potencialidades dos serviços de Atenção Primária no tocante a essa problemática. Busca-se, ainda, (re)considerar a relação entre usuários idosos e integrantes de equipes de Saúde da Família no Município de São Paulo, ao compreender a forma como as marcas identitárias são caracterizadas e em que medida podem influenciar a relação entre esses sujeitos, no que se refere ao tratamento de saúde. Trata-se de uma pesquisa de referencial qualitativo, que utilizou a técnica de entrevista em profundidade na produção dos dados empíricos, que consistiu em duas etapas: entrevistas realizadas com 06 idosos, com 60 anos ou mais, que se deslocaram para o Município de São Paulo, em um intervalo de 03 meses a 05 anos, com o propósito de tratar seu(s) problema(s) de saúde; e entrevistas com 09 profissionais de equipes da Estratégia de Saúde da Família. Referente à análise dos depoimentos, utilizou-se a técnica de análise temática de conteúdo, considerando as conjunturas, as razões e as lógicas de falas, bem como as ações e inter-relações estabelecidas com o coletivo e as instituições. Os resultados exibem a complexidade dos sentidos atribuídos às necessidades de saúde dessa população em específico, sendo que, de forma convergente, ambos os grupos entrevistados destacaram o entrelaçamento das necessidades de saúde e do adoecimento. Além disso, os constructos socioculturais regionalizados mostram-se imperativos, uma vez que o processo de significação, diante da necessidade em saúde, assume contornos firmados em experiências anteriores de saúde-doença-cuidado. Já a autopercepção de saúde, a definição de problema e as estratégias e recursos para o cuidado em saúde foram proporcionalmente relativos ao contexto (pessoal, social e econômico) no qual esses idosos estavam inseridos antes de residirem na metrópole paulistana. Segundo os profissionais, a carência de recursos, a falta de conscientização e a dificuldade de acesso aos serviços de saúde em suas localidades de origem resultam, muitas vezes, em um agregado de diagnósticos realizados em São Paulo. Por sua vez, para os idosos, a produção de cuidados está muito mais associada às práticas curativas, sendo pouca a valorização de medidas preventivas e promocionais de saúde. Nesse sentido, de acordo com os profissionais, à medida que não apresentam sinais ou sintomas, eles tendem a cessar o tratamento médico e farmacológico.
Título em inglês
Needs and health care of transient and migrant aged assisted by teams of the family health strategy
Palavras-chave em inglês
Aged
Family health
Primary health care
Transients and migrants
Resumo em inglês
The accelerated demographic transition happened in the last four decades brought implications for the family arrangements, the work relationships, the job and the income, besides the common phenomenon of the migration, and the complex relationships among those dimensions cart important challenges for the health care of the aged. In the context of the migration in the country, the aged in unfavorable socioeconomic conditions have been migrating for contingencies relative to, above all, the health and home and, in most of those cases, the necessary support obtained in relation to the health is based, fundamentally, in the Primary Health Care, through the Family Health Strategy. So, the objective of this paper is to understand the needs and health care of aged resident in the Municipal district of São Paulo and transients and migrants of the Northeast, as well as the limits and potentialities of the services of Primary Health Care concerning that problem. Also, it is looked for (re)considering the relationship between the aged users and the teams members of Family Health in the Municipal district of São Paulo, when understanding the form as the identity marks are characterized and in that measured they can influence the relationship among those subjects, in what it refers to the health treatment. This is a qualitative research, that used the in-depth interview technique for the production of the empiric data, that consisted of two stages: interviews with 06 aged, with 60 years old or more, who moved for the Municipal district of São Paulo in an interval of 03 months to 05 years, with the purpose of treating their health problems; and interviews with 09 professionals of teams of the Family Health Strategy. Regarding the analysis of the depositions, the thematic analysis of content technique was used, considering the conjunctures, the reasons and the logics of speeches, as well as the actions and established interrelations with the collective and the institutions. The results exhibit the complexity of the senses attributed to the health needs of that population in specific, and, in a convergent way, both groups detached the interlacement of the health needs and the sickness. Besides, the regional sociocultural thoughts are shown imperatives, once the significance process, before the health need, assumes outlines in previous experiences of health-disease-care. The self-perception of health, the problem definition and the strategies and resources for health care were proportionally relative to the context (personal, social and economical) in which those aged ones were inserted before they live in the metropolis of São Paulo. According to the professionals, the lack of resources, the understanding lack and the access difficulty to the health services in their origin places result, a lot of times, in an attaché of diagnoses accomplished in São Paulo. For the aged, the production of cares is much more associated to the healing practices and it is little the valorization of preventive and promotion measures of health. In that sense, in agreement with the professionals, as they dont present signs or symptoms, they tend to interrupt the medical and pharmacological treatment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-05-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.