• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2006.tde-30052006-160411
Documento
Autor
Nome completo
Margareth Fernandes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Buccheri, Valeria (Presidente)
Llacer, Pedro Enrique Dorlhiac
Loterio, Hélio Alvimar
Rocha, Maria Hsu
Zerbini, Maria Claudia Nogueira
Título em português
"Expressão de Zap-70 e CD38 em leucemia linfocítica crônica (LLC) e sua correlação com prognóstico"
Palavras-chave em português
CD38
Leucemia linfocítica crônica
LLC
Prognóstico
SG
SLT
Sobrevida Global
Sobrevida livre de tratamento
Zap-70
Resumo em português
Atualmente, a Leucemia Linfocítica Crônica (LLC) pode ser dividida em dois grupos: um com mutações somáticas no gene da região variável da cadeia pesada da imunoglobulina (MIgVH) e outro sem mutações (NMIgVH). Alguns estudos mostraram que a expressão de CD38 na superfície das células B de LLC pode estar correlacionada com o estado mutacional do gene VHIg, entretanto, esses controversos. Estudos recentes mostraram que a expressão da proteína tirosina quinase Zap-70 está melhor associada com o estado mutacional do gene IgVH. O objetivo deste estudo foi avaliar a expressão de Zap-70 e CD38, por citometria de fluxo, nas células CD19+ de pacientes com LLC e correlacioná-los com o estádio clínico (EC), sobrevida livre de tratamento (SLT) e sobrevida global (SG). A expressão de Zap-70 e CD38 foi avaliada, em 144 de pacientes com LLC classificados nos estádios clínicos A, B e C de acordo com os critérios de Binet: 59 (41%) do EC-A, 38 (26%) do EC-B e 47 (33%) do EC-C. Foi observada menor positividade para Zap-70 e CD38 nos pacientes do EC-A do que nos EC-B e C. Quando avaliada a SLT nos pacientes do EC-A, os casos Zap-70+ assim como os CD38+ apresentaram menor SLT. A média de SG dos pacientes Zap-70+ e CD38+ foi menor quando comparado com os Zap-70- e CD38- entretanto quando correlacionada com o EC não foi observada diferença estatisticamente significante entre a expressão desses marcadores e o EC-A, B ou C. Pela analise combinada de CD38 e Zap-70, dividimos os pacientes em dois grupos (Zap-70-/CD38- e Zap-70+ ou CD38+). Observamos que a expressão positiva desses dois marcadores estava associada ao EC, uma vez que a grande maioria dos pacientes dos estádios B (74%) e C (66%) expressam Zap-70 ou CD38. Entretanto, os pacientes do EC-A, Zap-70+ ou CD38+, apresentaram SG menor quando comparado com os Zap-70-/CD38-. Essa diferença não foi observada nos pacientes do EC-B e do EC-C. Também foi observada menor SLT nos pacientes no EC-A, Zap-70+ ou CD38+. Esses resultados sugerem que análise combinada de Zap-70 e CD38 podem ser empregadas na avaliação dos pacientes do EC-A para se acompanhar a evolução clinica desse grupo de pacientes. Porém, estudos adicionais devem ser realizados para se validar a utilização clínica desses marcadores.
Título em inglês
Zap-70 and CD38 expression in CLL patients and the assossiation with prognosis
Palavras-chave em inglês
CD38
Chronic lymphocytic leukemia
CLL
Overal suvival
Prognosis
Survival
Treatment-free survival
Zap-70
Resumo em inglês
Actually, chronic lymphocytic leukemia (CLL) can be divided in two subsets: one with somatically mutated immunoglobulin heavy-chain variable-region genes (MIgVH) and other with unmutated sequences. (UMIgVH). Some studies have shown that CD38 expression in CLL cells are correlated with IgVH mutational status. However, the value of CD38 as surrogate IgVH mutational status is controversial. Recent studies, have found that Zap-70 protein tyrosine kinase expression is strongly associated with the mutational status IgVH. The aim of this study was to evaluate the Zap-70 and CD38 expression, for flow cytometry, in CD19+ LLC cells and correlate with the Binet’s staging system, treatment-free survival (TFS) and a overall survival (OS). Zap-70 and CD38 was evaluated, in 144 CLL patients that was classified in A, B and C Binet’s staging system: 59 (41%) in stage A, 38 (26%) in B and 47 (33%) in C. We observed low Zap-70 and CD38 expression in stage A patients than in stage B and C cases. When we analyzed the TFS in stage A patients Zap-70+ and CD38+ patients showed shorter TFS than Zap-70- and CD38-. Then we observed that the OS of Zap-70+ and CD38+ patients was, also, shorter than Zap-70- and CD38- cases. However, statistical differences was not found when Zap-70 and CD38 expression was correlated with stage A, B or C Binet’s staging system. To understand the associated Zap-70 and CD38 expression, we divided the CLL patients in two subgroups (Zap-70-/CD38 - and Zap-70+ or CD38+). We observed that CD38+ or Zap-70+ was associated Binet’s staging system, once most of stage B (74%) and C (66%) patients are Zap-70+ or CD38+. However, stage A patients, Zap-70+ or CD38+, showed shorter OS than Zap-70-/CD38-. These differences were not observed in stage B and C patients. Shorter TFS was also observed in the Zap-70+ or CD38+ stage A patients. These results suggest that combined analysis of Zap-70 and CD38 can be used to evaluate stage A patients to observe the clinical evolution of the disease. Nevertheless, other studies must be carried to confirm the clinical use of these markers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
margaretefernandes.pdf (994.74 Kbytes)
Data de Publicação
2006-06-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.