• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2018.tde-12092018-091800
Documento
Autor
Nome completo
Juliano Takashi Wada
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Jacomo, Alfredo Luiz (Presidente)
Andrade, Mauro Figueiredo Carvalho de
Freitas, Diego Galace de
Hojaij, Flavio Carneiro
Título em português
Dor miofascial plantar e inervação do músculo abdutor do hálux: relação anátomo-clínica
Palavras-chave em português
Anatomia
Hálux
Músculo esquelético
Nervos periféricos
Pontos-gatilho
Síndrome da dor miofascial
Resumo em português
A síndrome da dor miofascial crônica é a causa mais frequente das dores musculoesqueléticas com prevalência mundial que varia entre 13,7% e 47% da população, destes, em torno de 17% apresentam dores na região do retropé medial. O músculo abdutor do hálux que se localiza na região medial do pé representa grande importância para as síndromes dolorosas plantares, seu estudo será importante para compreender melhor a fisiopatologia da dor miofascial que ainda permanece desconhecida. Objetivos: Descrição dos pontos de penetração dos ramos do nervo plantar medial no ventre do músculo abdutor do hálux através da dissecção anatômica e a sua inter-relação com os sintomas clínicos de dor plantar nos pacientes ortopédicos. Método: O estudo foi realizado em dois grupos com a amostra calculada pelo projeto piloto realizado anteriormente. No grupo de dissecção anatômica (GDA) foram dissecados 30 pés para a avaliação do número de pontos de entrada dos ramos nervosos no músculo associado ao grupo dos pacientes ortopédicos (GPO) onde 30 pés com sintomas de dor no retropé medial foram submetidos à avaliação da sensibilidade dolorosa com o dolorímetro digital de pressão. Ambos os grupos utilizaram o referencial dos quadrantes no músculo abdutor do hálux. O GDA foi submetido a análise de equações de estimação generalizadas com distribuição Poisson e função de log logaritmo seguida de comparações múltiplas de Bonferroni assim como no GPO mas para a distribuição normal e função de ligação identidade, os dados foram expressos em média ± desvio padrão. O nível de significância foi ajustado para 5% (p < 0,05). Resultados: Neste estudo o GDA apresentou uma diferença estatisticamente significante de pontos de entrada dos ramos do nervo plantar medial no ventre muscular do abdutor do hálux no primeiro quadrante (póstero-lateral, Q1, p < 0,05) em relação aos demais quadrantes, assim como no GPO onde Q1 também apresentou uma maior sensibilidade dolorosa quando comparado aos demais quadrantes (p < 0,05). Foi registrado a partir das dissecções uma inédita fixação no osso navicular do músculo abdutor do hálux. Conclusão: Nossos resultados sugerem que existe uma possível relação entre o maior número de entrada dos ramos do nervo plantar medial no ventre do músculo abdutor do hálux e a maior sensibilidade dolorosa no retropé medial, ou seja, os problemas musculares podem desencadear sintomas clínicos dolorosos a partir da compressão nervosa na região. Os dados vão cooperar para a melhor compreensão das síndromes miofasciais dos pés que auxiliarão para o desenvolvimento de futuros tratamentos
Título em inglês
Plantar miosfacial pain and inervation of the abductor hallucis muscle: and clinical- anatomy relationship
Palavras-chave em inglês
Hallux
Muscle skeletal
Myofascial pain syndromes, Anatomy
Peripheral nerves
Trigger points
Resumo em inglês
Chronic myofascial pain syndrome is the most frequent cause of musculoskeletal pain, with a worldwide prevalence ranging from 13.7% to 47% of the population, which 17% have pain in the retromedial area. The abductor hallucis muscle is located in the medial region of the foot represent high importance for plantar painful syndromes and your study will be important to better understand the pathophysiology of myofascial pain that remains unknown. Objectives: Description through anatomical dissection of the penetration points of the medial plantar nerve branches in the abductor hallucis muscle layer and their interrelationship with the clinical symptoms of plantar pain in orthopedic patients. Methods: The study was carried out in two groups, the sample size was calculated by the previous pilot study. In the anatomical dissection group (ADG), 30 feet were dissected for the evaluation of the number of entry points of the nerve branches in the muscle belly associated with the orthopedic patients group (OPG) where 30 feet with pain symptoms were submitted to the evaluation of pain sensitivity with digital pressure gauge, both groups used the quadrants referential in the abductor hallucis muscle for the evaluation. The ADG were submitted to the analysis of generalized equation of estimation with Poisson distribuition and log logarithnm and was followed by Bonferroni multiple comparisons, for OPG the same analysis but for normal distribution and identity link function, the datas were expressed as mean ± standard deviation. The level of significance was adjusted to 5% (p < 0.05) for all tests. Results: In this study, the ADG presented a statistically significant difference of medial plantar nerve branches entry points in the first quadrant (posterolateral, Q1) in the abductor halluccis muscle (p < 0.05) in relation to the others, as well as in the OPG, where the first quadrant (Q1) also presented a greater pain sensitivity when compared to the other quadrants (p < 0.05). It was recorded an unprecedented navicular bone fixation from abductor hallucis muscle. Conclusion: Our results suggests that there are a possible relationship between the greater number of entry of the medial plantar nerve branches in the abductor hallucis muscle and the higher pain sensation in the retromedial plantar area and the muscle can trigger an nervous compression to develop painful symptoms. These datas will cooperate to better understand myofascial pain syndromes that will help to develop new treatments
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JulianoTakashiWada.pdf (107.34 Mbytes)
Data de Publicação
2018-09-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.